quinta-feira, 6 de fevereiro de 2020

DESAFIOS À CARAVANA DE DAWAH, O Livro.

IMPORTANTE:
Caso o leitor queira nos abençoar, leia
ESTE MINISTÉRIO APOLOGÉTICO & SUA COOPERAÇÃO, publicado em AGOSTO de 2019:
https://missaoimpactar.blogspot.com/2019/08/este-ministerio-apologetico-sua.html?m=1 
Obs.: não abrir, copie e cole o link na página de busca do Google ou o acesse, neste blogue, pela data da publicação.

"Pobres, mas enriquecendo a muitos; nada tendo, mas possuindo tudo."
(2 CORINTIOS 6: 10)



 .
DESAFIOS À CARAVANA DE DAWAH, O Livro.
. PRA INÍCIO DE CONVERSA:
Muhammad (Maomé) Não Foi Predito Em Isaías 29:12.
E agora, Islam??? / DESAFIO 06.
. INTRODUÇÃO.
. DESAFIO INICIAL (Proposto Por Socram Said EspSant):
- A Quem Allah Ora, Na Sura de Abertura do Alcorão?
. DESAFIO 01:  Quem Mente: A Sura 6:34 - HN? O Islam?? Ou os Dois???
. DESAFIO 02:  Allah É Deus? Mau Tradutor???
. DESAFIO 03:  Allah É Deus? Leviano?? Ignorante???
. DESAFIO 04:  Allah É Deus? Maligno???
. DESAFIO 05:  Allah É Deus? Plagiador (& Forjador de Estórias, Como Se Fossem Supostas Revelações)???
. DESAFIO 07:  Quem é “Mais” Deus? Jesus (Bíblia) Ou Allah (Alcorão)???
. DESAFIO 08:  E Se Eu Provar: A POLIGAMIA Não É Virtude & Nem de Deus Mandamento???
. DESAFIO 09:   Islam Seria Submissão. Mas, Seu Profeta Obedeceu A Torah? A Quem & A Quê Muhammad (Maomé) Obedeceu???
    . DESAFIO FINAL:  Trindade: O Islam Está Apto À Discussão? E Seu Profeta: Estava???
“E conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará.”
JESUS CRISTO (Evangelho de João 8:32)
M. (Marcos) Madsaiin Dias / 2020

ÍNDICE:

PRA INÍCIO DE CONVERSA:
Muhammad (Maomé) Não Foi Predito Em Isaías 29.
E agora, Islam??? / DESAFIO 06.
INTRODUÇÃO.
DESAFIO INICIAL (Proposto Por Socram Said EspSant):
- A Quem Allah Ora, Na Sura de Abertura do Alcorão?
DESAFIO 01:
- Quem Mente: A Sura 6:34? O Islam?? Ou os Dois???
DESAFIO 02:
- Allah É Deus? Mau Tradutor???
DESAFIO 03:
- Allah É Deus? Leviano?? Ignorante???
DESAFIO 04:
- Allah É Deus? Maligno???
DESAFIO 05:
- Allah É Deus? Plagiador (& Forjador de Estórias, Como Se Fossem Supostas Revelações)???
DESAFIO 07:
- Quem é “Mais” Deus? Jesus (Bíblia) Ou Allah (Alcorão)???
DESAFIO 08:
- E Se Eu Provar: A POLIGAMIA Não É Virtude & Nem de Deus Mandamento???
DESAFIO 09:
- Islam Seria Submissão. Mas, Seu Profeta Obedeceu A Torah?
A Quem & A Quê Muhammad (Maomé) Obedeceu???
DESAFIO FINAL:
- Trindade: O Islam Apto À Discussão? E Seu Profeta, Estava???
.

 I - PARA INÍCIO DE CONVERSA:
MUHAMMAD (MAOMÉ) NÃO FOI PREDITO EM ISAÍAS 29.
Talvez seja esta a SUPOSIÇÃO que muçulmanos dos dias atuais tenham achado mais a  “convincente”, no convencimento de cristãos e “cristãos” (sem o conhecimento básico das Escrituras bíblicas e o mínimo do mínimo do Islamismo e do Alcorão) a respeito de Maomé: ele teria sido profetizado em ISAÍAS 29:12. A aparente semelhança dos dizeres do verso com o que seria a história (Ou estória???) das “revelações” do versos corânicos abre espaço para a especulação. Todavia, sem nenhuma razão de ser, conforme os faço ver.    

- O DESAFIO (06):
Seu profeta não está em Isaías 29:12.
E agora, Islam???

- O TEXTO:
"...e dá-se o livro ao que não sabe ler, dizendo: Lê isso, peço-te; e ele responde: Não sei ler."
Notas iniciais:
- Livro, no texto, faz referência a um livro qualquer.
Tanto que está em letras minúsculas e, no versículo anterior, está escrito:
"Toda a visão (PROFÉTICA) se vos tornou como as palavras de um (QUALQUER) livro selado".
- O que está em questão é a cegueira espiritual do povo e não qualquer profecia sobre quaisquer profetas.
- No versículo 29:12, é pedido (E não ordenado.) que se leia. Tudo bem diferente do que diz a suposição islâmica sobre Gabriel e Maomé. O anjo teria ordenado (E não pedido.) ao analfabeto que recitasse. Recitar também não é ler. E leitura não é coisa para analfabeto. E eu, ainda, não disse tudo.
.
INTRODUÇÃO:

i - Tão somente a MÁ-FÉ, ou a mais completa IGNORÂNCIA, para fazer o Islam supor que Isaías 29:12 faça menção ao seu profeta.
.
ii - A MÁ-FÉ
está em se apropriar, num mesmo livro, de versículos bíblicos que se lhe parecem convenientes. E, ao mesmo tempo, ter que ignorar:
a) a interpretação correta desses versos; e
b) ter que ignorar muitos outros versículos, os quais simplesmente DESMASCARAM as principais doutrinas do Alcorão.
O Livro do Profeta Isaías é um dos livros do Antigo Testamento que mais faz isso: DESMASCAROU, com quase 1500 anos de antecedência, o Alcorão. Isaías escreveu cerca de 750 a.C.
E mais e ainda PIOR PARA O ISLAM: Isaías sequer é mencionado no Alcorão. Sendo que o livro tido por sagrado pela religião faz referência e, portanto, reconhece, dezenas de personagens bíblicos. E, dentre os mesmos, Isaías NÃO se encontra.
Querer fazer de ISAÍAS 29:12 profecia a respeito de Maomé não passa de um ato de OPORTUNISMO.
.
iii - IGNORÂNCIA:
O Islam citar e, portanto, ter que reconhecer o Livro do Profeta Isaías torna-se um complicador para a religião. E tão complicado quanto o Alcorão (SURA 3:45) ter reconhecido a Jesus o Messias e o Verbo divino.
O autor do Alcorão (E não pode ser Deus!) demonstra não ter a mínima noção das implicações de reconhecer a Jesus o Verbo divino e o Messias (EVANGELHO DE JOÃO 1: 1-14). Do mesmo modo, o Islam não tem a noção do teor do Livro do Profeta Isaías. O teor de Isaías é totalmente desfavorável ao Alcorão, por três principais razões:

a) APRESENTA a Jesus, o Messias, como Deus ( ISAÍAS 7:14 / Mateus 1:18-23; ISAÍAS 9:6; ISAÍAS 6:1-10 / João 12:37-41, etc.)

b) PROFETIZA a sua morte e ressurreição, para a salvação dos pecadores. Mostrando-o, portanto, como Senhor e Redentor (ISAÍAS 45:15-18 / João 1:1-3 e 13:3; ISAÍAS 53:1-12 / Atos dos Apóstolos 8:26-38, etc.).

c) E, por fim, há o FATO CONCRETO de Jesus ter citado o versículo imediatamente posterior a Isaías 29:12.

Jesus, nos Evangelhos, citou e comentou ISAÍAS 29:13 (e não o 29:12). Logo, mostrou a sua maior importância.
E se 29:12 tratasse realmente de Maomé;
e este fosse mesmo profeta do Deus das Escrituras bíblicas;
Jesus não teria aproveitado a oportunidade para dizer?
Jesus, porém, nada disse sobre 29:12. E, obviamente, que nada diria sobre Maomé. Isso porque Allah, Maomé, Islamismo, Alcorão, Caaba, dentre outros, sequer são mencionados em quaisquer das Escrituras.
Dizer que Isaías 29:12 tratar-se-ia de uma profecia sobre Maomé é FARSA. Conforme já comecei e irei demonstrar.
Primeiro, fazendo a INTERPRETAÇÃO CORRETA do versículo: a quem foi dirigido, do que se trata e como se cumpriu entre os judeus e nos dias de Jesus. E, aqui, convém lembrar que Maomé nasceria 500 anos, depois. E, em seguida, irei discorrer sobre o TEOR E IMPLICAÇÕES de alguém citar o Livro do Profeta Isaías. É o que anda fazendo muitos Islâmicos desinformados. Eles atiram para todos os lados; mas, somente acertam o próprio pé.
SAIBAM
mais sobre o tema, lendo o capítulo correspondente, no meu MUHAMMAD (MAOMÉ): PREDITO NA BÍBLIA? (O Que Dizem As Sagradas Escrituras); acessível no meu blogue MISSÃO IMPACTAR pela data de sua publicação, Abril de 2016.
.
.
II - REFUTAÇÃO PONTUAL: 7 TÓPICOS.
.
1/ O Texto Bíblico:
“Ou, se vocês derem o livro a alguém que não saiba ler e lhe disserem: "Leia, por favor", ele responderá: "Não sei ler".”
(LI VRO DO PROFETA ISAÍAS 29:12)
.
2/ "PARA QUE SE POSSA ENTENDER A SUPOSIÇÃO:
Nas tradições islâmicas, o anjo Gabriel teria aparecido a Muhammad (Maomé ) e lhe ordenado a recitar os versos do Alcorão.
(...)
O TEXTO BÍBLICO CITADO APARENTEMENTE SERIA UMA REFERÊNCIA, como supõe o Islam, à história (Ou estória?) do profeta. O PROBLEMA é que a própria citação do Livro do Profeta Isaías gera argumentos contrários à religião de Maomé, conforme veremos."
.
3/ "QUESTÃO 01:
SE O ALCORÃO NÃO RECONHECE OS OS PROFETAS  (Livros Bíblicos.), O ISLAM CITAR ISAÍAS JÁ É (POR SI MESMO) UM ATO DE FLAGRANTE CONTRADIÇÃO.
(...)
O Alcorão menciona profetas bíblicos, cujas histórias e livros, em se tratando de Escrituras Sagradas, somente são encontradas na Bíblia. Mas, estranhamente ou por ESTUPIDEZ TEOLÓGICA do seu autor, não reconhece os (livros dos) Profetas. Jesus é, também, reconhecido, além de profeta (Mesmo sem livro.), o Messias e o Verbo divino (SURA 3:45). E óbvio, que o autor do Alcorão não se deu conta das implicações de tal reconhecimento.
ISAÍAS, PORÉM, NÃO É SEQUER MENCIONADO NO ALCORÃO, muito embora duas dezenas de profetas bíblicos (com livros e sem livros) o sejam."
.
4/ “QUESTÃO 02:
A INTERPRETAÇÃO CORRETA DO TEXTO EM SEUS CONTEXTOS DESMENTE O ISLÃ.
(...)
1 - O TEXTO É DIRIGIDO AO POVO JUDEU e apenas fala da sua condição de cegueira espiritual, em virtude da pecaminosidade, então reinante.
2 - Profeticamente falando, tal condição de cegueira espiritual iria continuar até os dias de Jesus Cristo e dos apóstolos.
Tanto que O VERSÍCULO SEGUINTE (29:13) SERIA CITADO POR JESUS, nos Evangelhos (Mateus 15:1-13 / Marcos 7:5-19). E, AO CITAR O VERSÍCULO, JESUS MOSTRA A PROFECIA EM PLENO CUMPRIMENTO, porém, nos seus dias. E Maomé somente iria nascer 500 anos, depois."
.
5/ "QUESTÃO 03:
ISAÍAS, escrito cerca de 750 a.C., DESMASCARA COM 1200 ANOS DE ANTEDECEDÊNCIA, O ALCORÃO.
Maomé quis negar a Morte e Ressurreição redentoras de Jesus Cristo. E pode tal religião apelar para um livro bíblico, sem considerá-lo naquilo que este a confronta?"
Nota:
O capítulo 53 do Livro do Profeta Isaías desmente a Sura 4:157-158 do Alcorão. Esta sura tenta negar a morte de Jesus em favor dos pecadores. Enquanto que Jesus mesmo, ao instituir o Novo Testamento, afirmou:
‘Isto é o meu sangue, o sangue da (nova) aliança no meu sangue, derramado em favor de muitos, para remissão de pecados.’
(EVANGELHO DE MATEUS 26:28).”
.
6/ "QUESTÃO 04:
DOIS FATOS HISTÓRICOS, exponenciais de uma visão teológica em conflito, DESAUTORIZAM O ISLAMISMO, quanto à utilização do Livro do Profeta Isaías.
.
O PRIMEIRO AFRICANO CONVERTIDO À FÉ CRISTÃ abraçou o Cristianismo autenticamente bíblico, sendo ESCLARECIDO SOBRE ISAÍAS, CAPÍTULO 53. Já o islamismo, expandiu-se pelo norte da África, negando a evidência da Crucificação e obrigando aos cristãos que lá estavam a abandonar a confissão, com a força da espada.
(...)
Temos, então, a evidência de que VISÕES TEOLÓGICAS OPOSTAS implicaram em dois FATOS HISTÓRICOS, tão distintos quanto antagônicos. (...) E como poderia o Deus que inspirou Isaías 53 e 29:12, ter, também, inspirado a Sura 4:157-158?"
Notas:
1- Eis o que afirma a SURA 4:157-158 - HN:
- "E por seu dito: "Por certo matamos o Messias, filho de Maria, Mensageiro de Allah." Ora, eles não o mataram e nem o crucificaram, mas, isso lhes foi simulado.
(...)
Mas, Allah ascendeu-o até Ele. E Allah é Todo-Poderoso, Sábio."

.
2 - Em sua nota (04), à página 161, o tradutor, Dr. Helmi Nars, não mostra o menor pudor em afirmar o seguinte:
"O Islão prega que não foi Jesus crucificado, mas o foi, em seu lugar, um sósia."
.
3 - Então, o deus do Alcorão:
- além de orar para um outro ser que desconhecemos (DESAFIO INICIAL);
- além de mau tradutor (DESAFIO 02);
- além de leviano e ignorante (DESAFIO 03);
- além de maligno (DESAFIO 04);
- e além de plagiador e forjador de estórias, como se fossem supostas revelações (DESAFIO 05); agora se revela um enganador e agente de uma (suposta) simulação. Ele, diz a SURA 4:157-158, teria feito da Crucificação apenas um teatro.
Pior para o Islam: a SURA 4:157-158 já nasceu desmentida:
- Pelo SISTEMA DE SACRIFÍCIOS SUBSTITUTIVOS, observado desde o princípio do mundo (TORAH, Livro da Gênesis 04).
- Pela TORAH (Livro de Levítico), na qual o referido Sistema foi instituído por Deus, através de Moisés.
- Por ISAÍAS 53 e o seu cumprimento nos Evangelhos: estes narram a vinda, vida terrena, morte e ressurreição de Jesus Cristo, em favor dos pecadores.
- Por JOÃO BATISTA, o qual afirmou sobre Jesus:
"Eis o cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo!" (EVANGELHO DE JOÃO 1:29 e 36).
- Pelo próprio JESUS, antes e depois da sua ressurreição, nos EVANGELHOS (Mateus 16:21, João 20:24-29, etc.) e também no NOVO TESTAMENTO (Livro do Apocalipse 1:17-18).
.
MAIS DEMONSTRAÇÃO
(LIVRO DOS ATOS DOS APÓSTOLOS 8:26-38):
.
- “Um anjo do Senhor falou a Filipe, dizendo: Levanta-te, e vai em direção do sul pelo caminho que desce de Jerusalém a Gaza, o qual está deserto.
E levantou-se e foi; e eis que um etíope, eunuco, mordomo- mor de Candace, rainha dos etíopes, o qual era superintendente de todos os seus tesouros e tinha ido a Jerusalém para adorar, regressava e, sentado no seu carro, lia o profeta Isaías.
Disse o Espírito a Filipe: Chega-te e ajunta-te a esse carro. E correndo Filipe, ouviu que lia o profeta Isaías, e disse: Entendes, porventura, o que estás lendo?
Ele respondeu: Pois como poderei entender, se alguém não me ensinar? e rogou a Filipe que subisse e com ele se sentasse.
Ora, a passagem da Escritura que estava lendo era esta: Foi levado como a ovelha ao matadouro, e, como está mudo o cordeiro diante do que o tosquia, assim ele não abre a sua boca. Na sua humilhação foi tirado o seu julgamento; quem contará a sua geração? porque a sua vida é tirada da terra.
Respondendo o eunuco a Filipe, disse: Rogo-te, de quem diz isto o profeta? de si mesmo, ou de algum outro? Então Filipe tomou a palavra e, começando por esta escritura, anunciou-lhe a Jesus. E indo eles caminhando, chegaram a um lugar onde havia água, e disse o eunuco: Eis aqui água; que impede que eu seja batizado? (...) Mandou parar o carro, e desceram ambos à água, tanto Filipe como o eunuco, e Filipe o batizou.”
Nota:
"Mas ele foi ferido por causa das nossas transgressões, e moído por causa das nossas iniqüidades;
(...)
Da opressão e do juízo foi tirado; e quem contará o tempo da sua vida?
Porquanto foi cortado da terra dos viventes; e pelas transgressões do meu povo ele (JESUS) foi atingido."
(LIVRO DO PROFETA ISAÍAS 53:5-8)
.
7/ "QUESTÃO 05:
CITAR ISAÍAS IMPLICA EM ACEITAR A DEIDADE DE JESUS CRISTO, evidência bíblica e histórica que O ISLÃ OUSA NEGAR."
Notas:
1 - VISÃO
que teve o profeta Isaías do Senhor Deus:
- "No ano em que morreu o rei Uzias, eu vi o Senhor assentado sobre um alto e sublime trono, e as orlas do seu manto enchiam o templo.
Ao seu redor havia serafins; cada um tinha seis asas; com duas cobria o rosto, e com duas cobria os pés e com duas voava.
E clamavam uns para os outros, dizendo: Santo, santo, santo é o Senhor dos exércitos; a terra toda está cheia da sua glória.”
.
- “Depois disto ouvi a voz do Senhor, que dizia: A quem enviarei, e quem irá por nós? Então disse eu: Eis-me aqui, envia-me a mim.
Disse, pois, ele: Vai, e dize a este povo: Ouvis, de fato, e não entendeis, e vedes, em verdade, mas não percebeis.
Engorda o coração deste povo, e endurece-lhe os ouvidos, e fecha-lhe os olhos; para que ele não veja com os olhos, e ouça com os ouvidos, e entenda com o coração, e se converta, e seja sarado.”  
(ISAÍAS 6: 1-3 e 8-10)
.
2 – E QUEM
é o Senhor de quem o profeta Isaías viu a glória???
Esta é a pergunta que o Islamismo deveria fazer, antes de mentir. E mentir, dizendo que o Livro do Profeta Isaías, assim como qualquer outra Escritura bíblica, faça referência a Maomé.
.
3 - JOÃO RESPONDE,
no seu Evangelho, QUEM é o Senhor Deus do livro e do profeta Isaías:
.
"E embora (JESUS) tivesse operado tantos sinais diante deles, não criam nele; para que se cumprisse a palavra do profeta Isaías: Senhor, quem creu em nossa pregação? e aquem foi revelado o braço do Senhor?
Por isso não podiam crer, porque, como disse ainda Isaías: Cegou-lhes os olhos e endureceu-lhes o coração, para que não vejam com os olhos e entendam com o coração, e se convertam, e eu os cure.
Estas coisas disse Isaías, porque viu a sua glória, e dele falou."
(EVANGELHO DE JOÃO 12:37-41)
Notas
1 - João, nos primeiros versos, está citando ISAÍAS 53:1. O capítulo por inteiro profetiza, 750 anos antes, A MORTE E A RESSURREIÇÃO REDENTORAS de Jesus.
2 - No segundo parágrafo, João está citando ISAÍAS 6:10. O capítulo retrata a VISÃO que o profeta tem de Deus em sua glória.
3 - No terceiro, João O identifica:
"Estas coisas disse Isaías, porque viu a sua glória, e dele (JESUS) falou."
E agora, Islam?
E agora, Caravana de Dawah???
.
VII - CONCLUSÃO & PARA UMA REFUTAÇÃO PORMENORIZADA:
O que teria levado teólogos e acadêmicos muçulmanos à suposição de que seu profeta estaria predito em ISAÍAS 29:12?
O desespero de ter que atirar para todos os lados, ainda que acertem o próprio pé.
Nos Evangelhos, JESUS CITOU ISAÍAS 29:13, SEM MENCIONAR 29:12. Ora, se tal versículo fosse mesmo profecia e Maomé, profeta do Deus das Escrituras bíblicas e (do livro) de Isaías, ele teria dito.
Todavia, não o fez.
Uma REFUTAÇÃO PORMENORIZADA é dada no capítulo correspondente, no meu MUHAMMAD (MAOMÉ): PREDITO NA BÍBLIA? (O Que Dizem As Sagradas Escrituras). Artigo acessível no meu blogue MISSÃO IMPACTAR pela data de sua publicação, Abril de 2016.

EM TEMPO:
Artigo publicado originalmente no grupo Bíblia & Alcorão ? / Facebook, intitulado DESAFIO 06 À CARAVANA DE DAWAH:  Muhammad (Maomé) Não Foi Predito Em Isaías 29;12. E Agora, Islam???



II INTRODUÇÃO:
E Não Seria Tão Problemático, se...


PRA INÍCIO DE CONVERSA.
Qualquer  cristão que conheça realmente a Jesus Cristo, possua a desejável base bíblica e saiba o essencial a respeito do Islam e do Alcorão (sem máscaras), logo, logo chegará à seguinte conclusão: é impossível qualquer  diálogo inter-religioso com tal religião. Para que isso pudesse acontecer, teriam que partir do PRESSUPOSTO de que o Allah corânico seja o mesmo Deus bíblico. E, consequentemente, Muhammad (Maomé) teria sido um profeta do Deus das Sagradas  Escrituras ; e o Alcorão, Dele a palavra.
E não seria tão problemático, se o referido pressuposto  correspondesse à verdade.  Mas, não é.  E, justamente por isso, o que seria diálogo precisa tomar a forma do debate: para que a verdade se imponha às mentes que se queiram esclarecidas.
E agora imagine uma caravana de muçulmanos percorrendo o seu país, de cidade em cidade, propondo desafios temáticos  aos cristãos e suas lideranças?  Estaríamos preparados??? Este livro surgiu da conscientização do quanto isso é emblemático, mas, também, factível. Até porque já está acontecendo.
  
1/ De Novembro de 2019 a Janeiro deste ano, a série dos DESAFIOS que integram este livro foi proposta à Caravana de Dawah, de Moçambique. Os DEBATES seriam no grupo Bíblia & Alcorão (Um dos primeiros do gênero que eu saiba na referida rede social.) e de acordo com as REGRAS do mesmo. São elas as mais rigorosas que conheço. E seu MONITORAMENTO não permite ofensas, fugas dos temas propostos e nem mesmo o excesso de comentários, sem que se espere pelas respostas, etc. e etc. Tudo visando a anular alguns expedientes utilizados por indivíduos imaturos; os quais, ao serem confrontados, optam por tumultuar as discussões, antes de abandoná-las ou serem obrigados a fazê-lo.
Para o que o DEBATE  se concretizasse, bastaria algum componente da referida Caravana se apresentar e identificar-se como tal. Infelizmente ou estranhamente, não foi o que aconteceu; sendo, portanto, frustrada a iniciativa. 
A RAZÃO PRIMORDIAL para a proposição em um grupo específico de debates foi (E sempre será.) A SALVAGUARDA D A INTEGRIDADE FÍSICA DAS PARTES envolvidas, mais especificamente dos cristãos, óbvio. Isso se explica pelo já exposto: biblicamente falando, não há como um autêntico seguidor de Jesus Cristo aceitar como verdadeira a confissão islâmica. E isso não seria tão problemático, se muitos muçulmanos (Mas, quais, exatamente?) suportassem ouvir o mais simples REPÚDIO À REFERIDA  CONFISSÃO. E, quando feito por um cristão esclarecido, há de trazer  contundentes demonstrações e o apontamento de evidências irrefutáveis. Razão pela qual a verdade é, invariavelmente, tomada pelos seguidores de Maomé como A MAIOR DAS OFENSAS. 
Não houve (e nem há) como fugir a isso na proposição dos meus  DESAFIOS à Caravana de Dawah. Boa parte deles dedicada a revelar, no sentido DESMASCARAMENTO mesmo, p. ex., o ser por detrás do nome Allah. No próprio Alcorão, o deus Allah apresenta características jamais condizentes com a Deidade. E de um total de onze, o Inicial mais outros dez, sete deles levantam a questão: QUEM SERIA O “DEUS” DO ALCORÃO?  Sendo que um deles ensejou a necessária  comparação entre o Jesus bíblico e o Allah corânico.E quem seria “mais” Deus?

2/ E por falar em Deus, não o das religiões, mas, o da Torah e do Evangelho de Jesus Cristo:
- Será que Ele teria por profeta um CONTUMAZ TRANSGRESSOR da sua Lei?  Isso enalteceria ou traria VERGONHA ao seu nome, que é santo, santo, santo (LIVRO DO PROFETA ISAÍAS 06) ???
Se o Islam significa SUBMISSÃO, importa, sem sofisma, saber:
- A QUEM o seu profeta obedeceu?  E teria obedecido A QUÊ, exatamente???  Teria o Islamismo como provar que tenha sido ao Deus da Torah e do Evangelho de Jesus Cristo?
Aprendemos com o Messias e Verbo divino que os PRATICANTES DA INIQUIDADE  não conhecem o verdadeiro Monoteísmo; assim como  não serão por Ele reconhecidos no Grande Dia do Senhor  (SERMÃO DA MONTANHA). Antes, Jesus os define como escravos do pecado. E de alguns, digo eu: não passam de verdadeiros capachos da maldade e nem há outra melhor definição.
Jesus falou (EVANGELHO DE JOÃO 8;43-44) que os filhos do Diabo,  mentiroso e homicida desde o princípio, fazem as obras do pai deles. E tais obras podem ser feitas e até em nome de Deus (Ou de um suposto.). Do mesmo modo que, ao longo da História, pseudo-cristãos também as fizeram nome de Jesus. Falta, todavia, o Evangelho e o Novo Testamento concordar com os tais e com o que fizeram. Mas... e o Alcorão e as Tradições Islâmicas: dariam ou não aval para que atos hediondos como esses ainda se sucedam?
Justamente por isso, a CONDUTA MORAL, e a consequente (nenhuma) AUTORIDADE PROFÉTICA de Maomé, foram também  questionadas. Fi-lo em três e que são os principais DESAFIOS. Um deles por demais contundente em sua proposta de desconstrução do mito da submissão a Deus, tão propalado no Islamismo. Não bastasse a POLIGAMIA (Quem ler entenderá!) e sua FALTA DE CONHECIMENTO TEOLÓGICO, o questionamento principal a ser feito (E foi feito.) ao profeta do e para tão somente o Islam é: teria ele obedecido ou sido um contumaz transgressor dos Dez Mandamentos? E haveria CRITÉRIO melhor para aceitar ou rejeitar quaisquer  profetas e sua mensagem??? Somente fará vista grossa a este REQUISITO quem aprendeu a confundir o Monoteísmo com um Satanismo travestido de religião monoteísta. Oro para que o meu leitor jamais seja contado entre os tais.  

3 / A proposição destes DESAFIOS não partiu de uma ideia premeditada. Ela surgiu de um insight, após eu ser surpreendido com a publicação  de certo muçulmano no grupo Bíblia & Alcorão / Facebook, do qual sou um dos administradores. Tratava-se do anúncio de um debate, numa cidade moçambicana, entre muslins e cristãos, com uma estimativa de público, segundo ele, de cinco mil pessoas!...
Até então, a minha ideia da tal Caravana de Dawah era bem mais vaga da que a que tenho hoje. As poucas vezes que eu tinha visto algum membro da comitiva em ação, através de algum vídeo editado de seus debates, não deu mesmo para eu ficar impressionado.  Explico: não há nada pior, numa  discussão séria, do que debater com alguém que se põe-se a falar mal do que não sabe, insistindo em fazer ousadas afirmações sobre o que deveria melhor se informar. Para quem conhece Bíblia, este é o testemunho de Paulo, a respeito dos falsos mestres dos tempos dos apóstolos  (PRIMEIRA CARTA A TIMÓTEO 1:5-7). E é justamente o que se pode dizer até mesmo do autor do Alcorão  (E não pode ser Deus!), ao tratar das Escrituras, doutrinas, fatos e personagens bíblicos. Evidente que nenhum seguidor seu conseguirá ir além.
E não seria tão problemático assim, se os cristãos com quem tais pessoas debatessem se mostrassem realmente habilitados a fazer da DEFESA DA FÉ CRISTÃ, conforme nos é ordenando:  Jd 3-4 (Quem lê, entenda).  Anos, porém, de ministério apologético nas redes sociais vêm me ensinando, infelizmente, que NÃO SÃO MUITOS os que se encorajaram a fazê-la. E, dentre estes irmãos realmente denodados, MUITO POUCOS ESTÃO BÍBLICA E TEOLOGICAMENTE HABILITADOS. E agora, adivinhem o meu coração; ao saber que existe uma caravana se propondo a ir de cidade em cidade; propondo  desafios aos cristãos; tão somente com um objetivo:  abalar a fé dos mesmos na Bíblia e nas principais doutrinas da fé cristã?  
Infelizmente, eu até posso contar nos dedos quantos, quem hoje em dia (Nos diversos grupos e reunindo estes milhares e milhares de islâmicos na produção de uma enxurrada de publicações que nos são contrárias.), lhes oferece a devida resistência. Embora, conter o avanço de tal religião, principalmente nas ainda democracias ocidentais, seja o MAIOR DESAFIO da igreja cristã nesse Fim dos Tempos. Mas, como eu sempre digo, o Islam já é uma realidade no Ocidente. E vai ocupando um vazio espiritual deixado por uma igreja refratária ao avivamento, porque sem o amor apologético pela verdade.
Lembro-me de que, em certa ocasião, conversando com um pupilo meu africano, indaguei-lhe sobre o contingente de seguidores da religião maometana em dois países do continente. Ele informou-me haver relativamente poucos em Angola; todavia, em Moçambique já existe um contingente considerável: calcula-se que um quinto da população. Sem dúvida que o uso das redes sociais e iniciativas como a da tal Caravana devam ter desempenhado papel relevante  no crescimento. Enquanto que a grande maioria dos crentes, a começar pelas principais lideranças da igreja, alheiam-se do que está ocorrendo, disse-me aquele irmão. Não se habilitam; não defendem e nem previnem seu rebanho de tais investidas. E seria exagero imaginar que iriam atrás de alguma ovelha arrebatada por um leão ou urso.
Há muitos Golias vociferando impropérios contra a fé cristã, dentro e fora das redes sociais. E poucos os Davi a demonstrar o devido zelo pelo Evangelho da Paz e pela Palavra da verdade. Óbvio: biblicamente falando, o Allah do Alcorão não é o mesmo Deus das Escrituras bíblicas. E, consequentemente, Muhammad (Maomé) NÃO foi profeta deste Deus; e nem o referido livro é Dele a Palavra. Mas, quem, diante do risco envolvido, irá proclamar isso alto e bom som, se até o papa dos católicos desconhece ou finge desconhecer esta verdade? Estamos no mesmo no Fim dos Tempos!...
Dediquei a maior parte da década passada a demonstrar o que digo e o sei determinante, teológica e biblicamente, para a salvação ou para a perdição de bilhões de pessoas neste planeta Terra. É o tema mais recorrente dos meus inúmeros debates, os quais me constrangeram  à produção  de centenas de artigos e dos vários livros. O MELHOR DE TUDO: a honestidade intelectual sempre me fará afirmar que JAMAIS SE TRATOU DE UM COMBATE GRATUITO À RELIGIÃO DE MAOMÉ ou a qualquer que seja de seus seguidores. Estes são (E por que não?) de tal maneira amados por Deus. E, obviamente, também por mim, no Senhor Jesus, porque Ele nos ordena  indistintamente amar. Amar até mesmo àqueles que se fazem nossos inimigos (SERMÃO DA MONTANHA, etc.)
Em verdade, eu não estaria aqui, escrevendo mais estas linhas, se dois mil anos após a Torah e mais quinhentos depois do Evangelho, não tivesse aparecido o Alcorão. E fazendo o quê? Plagiando e distorcendo as Escrituras bíblicas, na tentativa de negar aspectos fundamentais de sua doutrina, p.ex., a Deidade e a Redenção em Cristo Jesus. Mostrar e provar isso para um muçulmano, sei, é problemático. Razão pela qual todo e qualquer debate de corpo presente não deixa oferecer riscos. Nunca saberemos com quem exatamente estaremos lidando, até que um estampido ou a explosão de um homem-bomba, aos gritos de Alah Akbar possa querer calar-nos os  argumentos. Assim como as ameaças em publico e no privado, como eu já recebi. Mas, porém, todavia,  entretanto: é como afirmo no meu “DOSSIÊ A IGREJA PERDENDO MEMBROS. Imagine Até Pra Quem?. O FUTURO PODE SE TORNAR ASSUSTADOR”: são hoje as redes o meio mais seguro para alcançarmos 1.6 bilhão de pessoas blindadas contra qualquer abordagem pessoal, estando em sua cultura. E o que deveria ser para nós uma ferramenta de evangelização está se tornando num dos meios mais utilizados no combate à fé cristã, exatamente por aqueles que deveríamos atrair a Jesus.
Em Moçambique, a tal Caravana de Dawah promove e depois divulga na internet os seus debates, promovidos de cidade em cidade. Será que nossos irmãos em Cristo têm a dimensão do quanto isso é emblemático? E do quanto seria danoso à fé cristã a participação em tais eventos de cristãos não habilitados ou até pegos de surpresa para a ocasião???  A publicação deste  “DESAFIOS  À CARAVANA DE DAWAH, O Livro” objetiva oferecer-lhes o mínimo de informação: seja para a DEFESA DA FÉ CRISTÃ, seja para o NECESSÁRIO QUESTIONAMENTO AO “DEUS” E AO PROFETA DO ISLAM. O básico, creio, seria o que está disponibilizado no meu blogue MISSÃO IMPACTAR / Google. Através do qual, o meu leitor pode acessar gratuitamente artigos e livros de minha autoria. E, para quem deseja o necessário aprofundamento, no final de cada livro, deixo uma rica bibliografia: ela (me) serve de fontes para pesquisa e estudos.
É evidente que todos nós, do mais humilde ao mais “sábio” dos pequeninos aos quais se revelou o Senhor, possuímos a unção do Santo (Quem lê entenda.). Só que isso não anula instruções, a exemplos daquelas dadas por Paulo a Timóteo:
Pondera o que acabo de dizer, porque o Senhor te dará compreensão em todas as coisas.”  (2 TIMOTÉO 2:7).
Por outro lado, hoje, mais do que nunca Jd 3-4 (Quem lê entenda.)  precisa tornar-se um imperativo à igreja cristã, principalmente para as nossas lideranças. E sua exortação é para que todos nós  batalhemos pela fé que uma vez por todas foi entregue aos santos.
Que o Senhor Jesus Cristo nos habilite em tudo.
.
UMA NOTA MUITO PREOCUPANTE:
Em tempos de fake news; guerras da informação; e em se considerando o fator ideológico da religião para imposição da Lei Sharia, o que passo a expor, sendo verdade, preocupa.
Durante os noventa dias da publicação do primeiro ao último DESAFIO, no Bíblia & Alcorão / Facebook, aconteceram  pequenas discussões, muito aquém do esperado. Nelas  tomaram parte muçulmanos (que não se identificaram como componentes da tal Caravana) e alguns cristãos. E, dentre estes últimos, os comentários de dois chamaram-me a atenção. Um deles, de Moçambique,  assegurou-me (e como já era de se esperar): em nome de diálogo inter-religioso, os membros da tal caravana,  manipulam as discussões, no sentido de que estas lhes favoreçam.
Já o outro, que esteve como profissional e missionário naquele país, relatou: tendo chegado mais cedo num dos tais encontros, surpreendeu muçulmanos em ENCENAÇÃO, fazendo-se passar por cristão e treinando respostas pífias a “questionamentos” recebidos. É inadmissível o que relatou Jacques Furtado, bastante conhecido por sua atuação nos principais grupos de debates do Facebook. E até seria inacreditável, se o próprio Alcorão e as Tradições Islâmicas não preconizassem  a Taqyyia (o uso da mentira para favorecimento da religião). Feita a denúncia, requer investigação e da maior seriedade das autoridades constituídas do país.
Posteriormente, FOMOS DESAFIADOS (Eu e outros três irmãos.), através de publicações nos grupos do Facebook, exceto (E estranhamente.) no Bíblia & Alcorão, para o que seria um DESAFIO AO VIVO com a tal Caravana.  Poderia ser em Moçambique ou até mesmo no Brasil. É de se estranhar  o afã de tais muçulmanos por nos ter por perto e o capital que seria investido. E qual seria a origem? Além do mais, eles não parecem levar em conta o mais importante: a SALVAGUARDA DA INTEGRIDADE FÍSICA de quem, por não aceitar os falsos pressupostos da confissão islâmica, certamente seriam tomados por ofensivos sabe-se lá por quem (e o que pode acontecer).  Não vejo chance para que tal se suceda.
Fica o livro. Sujeito a criticas e a refutações, caso isso seja mesmo possível. Será??? Oro para que a verdade, somente ela, prevaleça.     
.
O DESAFIO INICIAL
(proposto por Socram Said EspSant):
- A QUEM O "DEUS" ALLAH  ORA, NA  SURA DE ABERTURA DO ALCORÃO?
.
ALCORÃO, Sura 1:5-6 - HN:
"Só a Ti adoramos e só de Ti imploramos ajuda.
Guia-nos à senda reta."
.
QUESTÕES
(Sobre Uma Mesma Questão):
1 - Se é dogma islâmico de que o Alcorão somente conteria a palavra do deus Allah, então A QUEM o deus do Islam está orando?
2 - Como a fala está na terceira pessoa do plural  (Nós), COM QUEM (Muhammad?)  e a quem ele(s) estaria(m) se dirigindo?
3 - E SERIA mesmo reta a senda do Alcorão?
O que vocês fariam se fosse provado (E nos DESAFIOS 03, 04, 05 e 08 o temos feito.) que,  moral e biblicamente, tal senda reta não é???
.
EM TEMPO:
Tenham sempre em vista, antes de dizer algo que não possam nem pelo Alcorão provar, o seguinte:
- O deus do Alcorão alega ter revelado Escrituras bíblicas (Evangelho e Torah - SURA 5:46-48).
- O deus do Alcorão alega ter feito prevalecer e dado sabedoria a personagens bíblicos, cujos escritos somente são encontrados na Bíblia, em se tratando de livros sagrados.
Ex.:
- SURA 61:14:
O deus Allah alega ter feito prevalecer  e auxiliado aos apóstolos (e primeiros discípulos) de Jesus. E estes, são os autores dos Evangelhos bíblicos e do Novo Testamento.
- SURA 16:44:
O deus do Alcorão alega ter enviado "evidências e os Salmos". E os Salmos são, na sua maioria de Davi, o qual, juntamente com Salomão, é reconhecido pelo mesmo Alcorão, assim como Moisés, o autor do Salmo 90.
- O Alcorão também  reconhece dezenas de personagens e profetas bíblicos, cujos livros e/ou histórias estão apenas na Bíblia, em se tratando de Escrituras sagradas.
.
EM TEMPO 02:
- Sura 33:56 - HN:
"Por certo, Allah e Seus anjos oram pelo Profeta. Ó  vós que credes! Orai por ele e saudai-o permanentemente."
Notas:
1 - No seu comentário ao verso, nota 02, pág. 691, o tradutor, Dr. Helmi Nars, diz:
"A oração de Allah confere misericórdia".
2 - Falta perguntar: oração de Allah a quem?
3 - A SURA DE ABERTURA do Alcorão reforça a interrogação. (...).
E ela diz (1: 5-6 - HN):
"Só a  Ti adoramos e só Ti imploramos ajuda.
Guia-nos à senda reta."
Nota:
Allah  (E Maomé mais os anjos?) implorariam A QUEM mesmo?
E a senda: seria mesmo RETA???
Ou... TORTUOSA, tal como os atos e a pessoas (contraditórias, absurdas e satânicas) de tal deus e seu profeta???"
."
Extraído de
ALLAH, MUHAMMAD  (Maomé) & E A PEDRA NEGRA (Ou A Idolatria Mascarada no Islam):
https://missaoimpactar.blogspot.com/2019/09/allah-muhammad-maome-pedra-negra-ou.html?m=1

ADITIVO 01:
A palavra "oram", na SURA 33:56, pode adquirir, no Árabe, o sentido de abençoam (Bênção.). Todavia, o tradutor, mesmo tendo palavra com o significado correspondente no nosso idioma, preferiu usar oração  (Reza, etc.).
Será por quê?
Todos sabem que, no Islam, ao nome de Muhammad  (Maomé), quando mencionado, é acrescentada a expressão "A paz esteja sobre ele". Trata-se de outra CRENDICE a ser questionada, uma vez que o destino eterno dos mortos NÃO pode ser alterado, de acordo com o EVANGELHO  (Lucas 16, A História do Rico e de Lázaro, etc.), o qual antecede o Alcorão. E este, fosse mesmo revelação do Deus das Escrituras bíblicas, deveria corroborar e ser corroborado por aquele.
Não é o que acontece; tendo o Alcorão já nascido DESMENTIDO POR ANTECIPAÇÃO pela Bíblia.
E, ainda que se admita a palavra "abençoam", para a SURA 33:56, a Sura de Abertura exige RESPOSTA a uma nova questão.
QUESTÃO:
A quem o deus do Alcorão diz adorar?
Seria um ser tão ignorante, leviano e maligno quanto ele???
É o que os QUESTIONAMENTOS ao ser por detrás do nome Allah (Próximos DESAFIOS.) irão demonstrar.
.
ADITIVO 02:
No que diz respeito às PRINCIPAIS DOUTRINAS CRISTÃS, Deidade e Redenção do Messias p.ex., o Islamismo não aceita:
- As PROFECIAS da Torah (Livro da Gênesis 3, 49:10-11, Livro de Levítico);
- A palavra dos PROFETAS do Antigo Testamento, caso de Isaías 7:14, 9:6, Malaquias 3:1, Zacarias 12:10, etc.;
- O TESTEMUNHO dos apóstolos e primeiros discípulos (Evangelho e Novo Testamento);
- Além, óbvio, dos atos e palavras do próprio Jesus a evidenciar a Sua pessoa (João 8:58, 9:35-39, 20:24-29, Apocalipse
 1:8 e 17-18, etc.).
Razão pela qual, torna-se inaceitável ao cristão esclarecido quaisquer tafsir (Comentários.)  para uma Sura (A de abertura do Alcorão.), quando esta exige NOMES:
- E, então: a QUEM ora e diz adorar o deus Allah???
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.

DESAFIO 01
(À Caravana de Dawah & Demais Muçulmanos):
- QUEM MENTE?
- A SURA 6:34 - HN? 0 ISLAM?? OU OS DOIS???
.
- "Veio ainda esta palavra do SENHOR, dizendo:
Que vês tu, Jeremias?
Respondi: vejo uma vara de amendoeira.
Disse-me YHWH:
Viste bem, porque eu velo sobre a minha palavra para a cumprir."
(LIVRO DO PROFETAS JEREMIAS 1:11-12)
Nota:
Não há base nas Escrituras bíblicas, para a suposição de que a Palavra de Deus possa ser alterada. Pois o principal interessado em impedir isso é o Todo-Poderoso. E Ele vela por sua Palavra, para fazê-la se cumprir.
Será que o Islam conhece e adora este Deus?
.
- "Passará o céu e a terra, porém as minhas palavras não passarão."
(PALAVRAS DE JESUS, Evangelho de Lucas 21:33)
Nota:
Se alguém, por estupidez teológica,  insinuar que o houve alterações nas palavras de Cristo, transmitidas aos primeiros apóstolos e discípulos, estará acusando o Verbo divino e o Messias prometido de mentira.
E aqui é preciso lembrar que até o Alcorão reconhece a Jesus como tal (SURA 3:45); embora fazendo plágio de EVANGELHO DE JOÃO, capítulo primeiro.
.
1 - QUANDO QUESTIONADOS sobre o Alcorão, no que diz respeito  às suas mentiras, contradições, absurdos teologicos, referências distorcidas das Escrituras, histórias e personagens bíblicos, o Islam responde:
"A Bíblia de vocês foi adulterada."
- Será verdade?
- O Islamismo teria evidências a apresentar, para uma AFIRMAÇÃO tão séria quanto irresponsável??
- E o próprio  ALCORÃO: daria mesmo sustentação para uma acusação desse gênero???
2 - SURA 6: 34 - HN (Trecho):
"E não há quem troque as palavras de Allah".
.
3 - E AGORA, ISLAM?
E agora, Caravana de Dawah??
E agora, demais muçulmanos, que fazem (para si e para os outros) tal alegação???

a) O deus do Alcorão alega, teria revelado a TORAH  (Conjunto dos primeiros cinco livros da Bíblia.) e o EVANGELHO (Um conjunto de quatro livros.), conforme a SURA 5:46-48.

b) O deus do Alcorão, além de reconhecer a Davi e Salomão, alega (SURA  16:43-44 - HN) ter enviado homens com "evidências e os salmos".
E os SALMOS, a grande maioria de Davi, estão onde?
Nas Escrituras bíblicas.

c) O deus do Alcorão também alega (61: 14) ter amparado e feito prevalecer OS DISCÍPULOS de Jesus. Só que os ESCRITOS dos primeiros discípulos de Jesus  (Apóstolos, Evangelistas de mais escritores.) são ou estão no NOVO TESTAMENTO.

Sem contar o fato de que, direta e indiretamente, O ALCORÃO FAZ REFERÊNCIAS  dezenas de PROFETAS BIBLICOS, cujos livros e/ou histórias, em se tratando de Escrituras sagradas, somente são encontradas onde, exatamente???
O leitor, se não for um analfabeto funcional, já sabe a resposta.
.
QUESTÃO
(Para a Caravana de Dawah e demais muçulamos):
Quando o Islam alega que as Escrituras bíblicas teriam sido alteradas, QUEM estaria dizendo a verdade:
i - O Islam, no caso, representando por tais muçulmanos?
ii - O Alcorão, Sura 6: 34 - HN, etc.??
iii - Ou... todos eles???
.
.
.
.
.
.
EM TEMPO:
Meu prezado irmão em Cristo,
se você um dia participou dos debates da tal Caravana e ouviu da boca de algum muçulmano tal alegação, deveria ter lembrado a eles do que acabo de expor.
E se um dia for debater, terá que dizer verdades que um muçulmano não suporta, sobre seu livro, deus e profeta.
Será que vale a pena?
.
EM TEMPO 02:
Convidamos aos componentes da Caravana de Dawah: que se apresentem, identifiquem-se e respondam.
E que Deus ilumine a todos nós, com a verdade!
.
ADITIVO:
É evidente que, quando propomos um DESAFIO, não dizemos tudo o que temos para falar. E, à medida que o debate se processa, mais EVIDÊNCIAS e ARGUMENTOS são postos. Tal não foi possível, porque ninguém da tal Caravana se apresentou como integrante  da mesma para a discussão. E muita coisa ficou por dizer, como, p. ex.:
ALCORÃO, Sura 10:94 - HN:
"Se estás em dúvida acerca  do que fizemos descer para ti, Muhammad, pergunta aos que, antes de ti, leram o Livro..."
Notas:
1 - "O que fizemos descer para ti": os versos do Alcorão.
E o Alcorão, de acordo com as Tradições Islâmicas, somente adquiriu a forma manuscrita (Livro), após a morte de Maomé.

2 - "Os que antes de ti leram o Livro": somente pode estar fazendo referência a quem já tinha seu próprio LIVRO  pronto: os judeus (Torah / AT) e  os cristãos  (Evangelho / NT).
E eles são chamados no Alcorão  (SURA 5:68) de os "seguidores do Livro."

3 - Agora, poderia Maomé tirar as dúvidas que tinha com quem tivesse, segundo muçulmanos desinformados e irrefletidos, Escritura bíblica adulterada?
E isso não seria um ato de ESTUPIDEZ TEOLÓGICA  de quem escreveu o Alcorão (E não pode ser Deus.)???
.
.
ADITIVO 02:
SE... na Sura 5:43, o autor do Alcorão diz que OS JUDEUS TÊM A TORAH; e, na 5:47, OS CRISTÃOS DEVEM JULGAR PELO EVANGELHO, a conclusão é óbvia: nos tempos de Maomé tais escritos, no seu conjunto  (E são dois CONJUNTOS de livros!) somente podiam estar inalterados. Como ainda estão, na sua essencialidade e isso é fácil de comprovar.

E SE... na Sura 5: 65-68, judeus e cristãos são identificados com os SEGUIDORES OU POVO DO LIVRO, não há como a referência não ser aos livros sagrados que estes tinham em sua posse.
- No caso dos judeus, O LIVRO somente poderia ser a BÍBLIA JUDAICA, reunindo num ÚNICO VOLUME  (Ou biblioteca.): a Torah, os Salmos, o Profetas (maiores e menores) e demais que até hoje compõem o ANTIGO TESTAMENTO.
- E no caso dos cristãos, além da Bíblia Judaica, O LIVRO que tinham em mãos, reunia, num ÚNICO VOLUME  (Biblioteca.):  O EVANGELHO  (Conjunto de quatro livros.) e os demais que compõem o NOVO TESTAMENTO.
Séculos antes do Alcorão eles já formavam a BÍBLIA  (biblioteca). E esta, conhecida por O LIVRO, primeira e principalmente pelos judeus e pelos cristãos.

PIOR PARA O ISLAM: os manuscritos antigos da Bíblia, na sua essencialidade, existem até hoje e datam de séculos antes do Alcorão. Os principais são os CÓDICES Alexandrino, Sinaitico e do Vaticano; assim como houve inúmeras traduções para vários idiomas, antes do Islam.
Pelos manuscritos de antes do Islam se comprova não ter havido alteração. Pois, sendo de outro modo, nem o Alcorão  poderia fazer as referências que faz ao Livro e ao POVO DO LIVRO.

ADITIVO 03:
Simplificando ao máximo: o próprio Alcorão desautoriza o discurso de que as Escrituras bíblicas teriam sido alteradas.
E, geralmente, quando seguidores do Islam moderno tentam rearticular tal discurso, eu proponho o seguinte:
QUESTÃO:
O que é que você julga saber das Escrituras biblicas que o autor do Alcorão NÃO sabia, quando teria revelado Suras, como 5:46-48 e 65:68, 10:94, etc.???

DESAFIO 02
(À Caravana de  Dawah & Demais Muçulmanos):
- ALLAH É DEUS?
- MAU TRADUTOR??????
.
1 - O ALCORÃO NÃO TEM AUTORIDADE para falar e doutrinar sobre Jesus. E por quê? O autor do livro  (E não pode ser Deus!) sequer soube fazer a TRADUÇÃO CORRETA do nome Jesus  (ou Yeshua ou Josué).

2 - Jesus  (ou Yeshua ou Josué) significa DEUS (QUE) SALVA e não rubro ou vermelho, que é o significado de Esaú ou ISSA.
Issa seria a TRADUÇÃO CORRETA de Esaú, um outro personagem bíblico da Torah (GÊNESIS 25:25) e não do Evangelho.

QUESTÃO:
- Como levar a sério o livro de um deus que sequer soube traduzir corretamente um nome?
- Seria Deus um péssimo tradutor???

3 - E por falar nisso, dizer que o Alcorão teria sido ditado todo ou em puro Árabe NÃO corresponde à verdade. Não é somente com palavras árabes que o livro foi compilado. E isso é fácil de demonstrar.
Voltando a Jesus:
Este é o nome do principal personagem do EVANGELHO e razão de ser das Escrituras bíblicas: da primeira profecia da  TORAH (Livro da Gênesis 3)  à menção do seu nome e senhorio no último versículo no APOCALIPSE.  
E sobre Jesus, apenas no Antigo Testamento (A Bíblia Judaica.), há mais de 300 profecias. Grande maioria delas se cumprem nos Evangelhos e no Novo Testamento; sendo que vinte e cinco são a respeito de sua morte e ressurreição redentoras. As demais estão por se cumprir, quando de sua volta a este nosso mundo.
Mas...
O autor do Alcorão  (E não pode ser Deus!) sequer soube verter Yeshua (Jesus ou Josué) para o idioma original do Alcorão.
Precisa dizer mais?
.
ESCLARECENDO 01:
"18
Ora, o nascimento de Jesus Cristo foi assim: Que estando Maria, sua mãe, desposada com José, antes de se ajuntarem, achou-se ter concebido do Espírito Santo.
19
Então José, seu marido, como era justo, e a não queria infamar, intentou deixá-la secretamente.
20
E, projetando ele isto, eis que em sonho lhe apareceu um anjo do Senhor, dizendo: José, filho de Davi, não temas receber a Maria, tua mulher, porque o que nela está gerado é do Espírito Santo;
21
E dará à luz um filho e chamarás o seu nome JESUS; porque ele salvará o seu povo dos seus pecados.
22
Tudo isto aconteceu para que se cumprisse o que foi dito da parte do Senhor, pelo profeta, que diz;
23
Eis que a virgem conceberá, e dará à luz um filho, E chamá-lo-ão pelo nome de EMANUEL, Que traduzido é: Deus conosco."
(EVANGELHO DE MATEUS 1: 18-23)
Nota:
O texto bíblico enfatiza a Deidade  e a condição de Redentor de Jesus Cristo. Fatos que o Alcorão ousa, inutilmente, negar.
Mas, como, se quem ditou aquele  livro sequer sabia a tradução correta do nome Yeshua?
.
ESCLARECENDO 02:
"E cumprindo-se os seus dias para dar à luz, eis gêmeos no seu ventre.
E saiu o primeiro ruivo e todo como um vestido de pêlo; por isso chamaram o seu nome Esaú."
(TORAH, Livro da Gênesis 25: 24-25)
SAIBAM,
nos pormenores, o quanto o autor do Alcorão se mostra desqualificado para falar sobre o Evangelho (Injil no Árabe.) e de Jesus Cristo, abrindo o LINK:
 + REFUTAÇÕES: O Jesus Bíblico X O "Jesus" das Religiões:
http://missaoimpactar.blogspot.com.br/2016/11/em-defesa-da-biblia-06-resolvendo.html

ADITIVO:
"Arthur Jeffery, em seu Foreign Vocabulary of The Koran ('Vocabulário Estrangeiro do Corão'), reuniu 300 páginas, documentando mais de uma centena de palavras  (não-árabes), muitas das quais eram usadas no Árabe pré-corânico, como muitas outras que podem jamais ter sido usadas (ou muito pouco usadas) antes de serem incluídas no Corão (Jeffery, 1938:79). O eventual leitor ou estudante do Corão deve se perguntar porque estas palavras foram emprestadas, uma vez que isso coloca em dúvida se a língua falada por Allah é suficiente para explicar e revelar tudo o que Allah queria falar."
(Extraído de O Corão, Uma Análise Apologética, de Jay Smith.)

ADITIVO 02:
- ADÃO e EVA são palavras da Acádia, no Iraque. E Adão em Árabe seria basharan ou insan (Humanidade).
- ABRAÃO é uma palavra assíria, podendo ser registrada como Ibrahim. Mas, no Árabe, o equivalente seria Abu Raheem.
- SIRAT significa O caminho, porém, não é árabe; é persa. E seu equivalente seria Altareeq.
Até a palavra grega INJIL, significando Evangelho, para o Árabe seria Bisharah.
E quando o Alcorão traduz, erroneamente, TRINDADE por três; e YESHUA ou JOSUÉ (O Senhor é salvação) por Esaú  (Rubro, vermelho.), uma nova questão se impõe:
- Tradução péssima, por ignorância mesmo?
- Ou... mal intencionada, visando deturpar o real significado dos dois termos???
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.

DESAFIO 03
(À Caravana de Dawah & Aos Demais Muçulmanos):
- ALLAH É DEUS?
- LEVIANO? IGNORANTE???

1 - NÃO HÁ AUTORIDADE NO ALCORÃO
para falar e doutrinar sobre a Torah. E, consequentemente, sobre os judeus, sua história e conceitos bíblicos e doutrinários. O deus e o profeta do Alcorão sequer sabiam o elementar:  quais as crenças corretas daquele povo.
ALCORÃO, SURA 9:30 - HN:
"E os judeus dizem: "Uzair é filho de Allah". E os cristãos dizem: "O Messias é filho de Allah". Esse é o dito de suas bocas. Imitam o dito dos que, antes deles, renegaram a Fé.
Que Allah os aniquile."
(SURA 9:30)
.
2 - Estamos diante da MAIOR EVIDÊNCIA da não-onisciência, além da  completa ignorância, ou da total malignidade de quem teria ditado o Alcorão.
E não pode ser Deus!...
Pois, o que é esta Sura?
Nada mais que uma ACUSAÇÃO LEVIANA feita a (Ou posta na boca de.) um povo.
 E para quê??? Tentar justificar a violência contra o mesmo. E, também, a   pregação do seu EXTERMÍNIO.
Eis "o fundamento" para tantas guerras da religião contra os judeus e a cristandade: uma acusação falsa.
A violência aconteceu na Arábia. E, até nos dias de hoje, 1400 anos depois e nenhuma prova para a calúnia forjada, costumamos ouvir líderes da religião vociferando contra os judeus, principalmente.
.
3 - Já a acusação feita aos cristãos, são como algumas perguntas da  Caravana de Dawah, nos seus debates: sem nenhuma  razão de ser. E por quê?
Feitas sem a menor noção teológica  do que está sendo dito.
Todavia, esta Sura, assim como a 61:9 e a 5:33, juntam-se aos mais de CEM VERSOS SANGUINÁRIOS do livro.

QUESTÕES
(Sobre a Questão à Caravana de Dawah & demais muslins):

1 - QUE TAL algum muçulmano provar, fora do Alcorão e do Islam, que os judeus um dia creram num tal Uzair, ou Ezra ou Izrã (Depende   da tradução.) como o Filho de Deus?
.
2 - QUE TAL apresentarem  alguma EVIDÊNCIA na literatura judaica, religiosa ou não??
.
c) QUE TAL algum muçulmano RESPONDER: para quê tal acusação, leviana, foi feita???
- Para justificar o extermínio de tribos (clãs) judaicas e/ou cristãs no tempo do profeta do Islamismo?
- Para servir, até os dias de  hoje, como desculpa pra alguns desinformados integrantes do Terror, nos seus assassinatos??
- E qual seria a verdadeira inspiração de tal verso, mentiroso e homicida?
- Deus?
- Um homem, completo ignorante do que disse??
- Ou o Diabo???
.
PALAVRAS DE JESUS:
"43
Por que não entendeis a minha linguagem? Por não poderdes ouvir a minha palavra.
44
Vós tendes por pai ao diabo, e quereis satisfazer os desejos de vosso pai. Ele foi homicida desde o princípio, e não se firmou na verdade, porque não há verdade nele. Quando ele profere mentira, fala do que lhe é próprio, porque é mentiroso, e pai da mentira."
(EVANGELHO DE JOÃO 8)
Notas:
- A VERDADE, como as que estou dizendo, soaria ofensiva a quem, senão aos mentirosos?
Ou, de fato, não estamos  diante de uma mentira (Caso da SURA 9:30.), geradora incontáveis ofensas???
Que os amantes da verdade me ouçam.
E que Deus abençoe a todos nos, com a sua luz!
.
.

DESAFIO 04
(À Caravana de Dawah & demais muçulmanos):
- ALLAH É DEUS?
- MALIGNO???
.
1 - Seria Deus, o verdadeiro, um ser maligno?
2 - Poderia Deus, o verdadeiro, forjar uma mentira  (SURA 9:30), para "justificar" assassinatos (DESAFIO 03)??
3 - Será que Deus, o verdadeiro, odeia mesmo os judeus  (Descendentes de Abraão.) e os teria mesmo transformado em macacos e porcos?
Em que escritura  (Sagrada?) o autor do Alcorão tirou isso???
.
I - RECAPITULANDO:
O deus Allah (Mas, não seria Yllah?), tenho comprovado até aqui, trata-se de um ser que:
- ORA para um outro ser, o qual ainda não o identificamos (Embora eu tenha as minhas suspeitas.), na SURA DE ABERTURA do Alcorão e etc.
- Além de NÃO-ONISCIENTE, consegue ser desinformado ao ponto de não saber traduzir corretamente o nome Jesus (DESAFIO 02) e desconhecer o elementar das crenças judaicas (DESAFIO 03).
- Não bastasse isso, que já é mais do que suficiente pra qualquer pessoa esclarecida desprezar o deus do Alcorão, este mesmo ser revela-se maligno e contraditório nos seguintes versos:
.
- SURA 9:30 - HN:
“E os judeus dizem: "Uzair é filho de Allah". E os cristãos dizem: "O Messias é filho de Allah". Esse é o dito de suas bocas. Imitam o dito dos que, antes deles, renegaram a Fé.
Que Allah os aniquile."
Nota:
Estamos diante de uma mentira para assassinatos.
E o deus do Alcorão se revela o mesmo que disse Jesus sobre Satã  (JOÃO 8:43-44): mentiroso e homicida. Não é sem causa que o Islam é considerado por especialistas a MAIOR MÁQUINA DA ASSASSINATOS DA HISTÓRIA DA HUMANIDADE.
.
- SURA 5:60 - HN:
"Dize: "Informa-vos-ei do que é pior que isso, como retribuição junto de Allah. Os que Allah amaldiçou e contra quem Se  irou, de quem fez símios e porcos, e os que adoram At-Taghut: estes estão em pior situação, e mais desencaminhados do caminho certo."

Notas: 
1 - O tradutor, na página 184, identifica, enganosamente, os judeus como objeto do ódio de Deus, a quem a religião supõe ser Allah.  E os judeus (Quais? Quando???) teriam sido transformados em macacos e porcos.
Será?

2 - Não há nenhuma EVIDÊNCIA nas Escrituras bíblicas quanto a isso. Nem mesmo nas que o deus corânico alega direta e/ou diretamente teria revelado (SURA 5:46-48, 61:14, 14:44 / 6:34):
- Torah;
- Evangelho;
- Salmos;
- Escritos dos primeiros discípulos  (O Apóstolos e os demais) de Jesus.
Em tempo:
O mesmo tem que valer para os profetas bíblicos direta e indiretamente mencionado no Alcorão; visto que seus livros e histórias,  em se tratando de Escrituras sagradas, encontram-se apenas na Bíblia.

3 - No Alcorão, quem desencaminha os homens para a perdição é o próprio Allah (7:178-179).
Ele se dá ao papel de Satanás  (4:60) ou seria o próprio?
Ele não tem o pudor de se gabar mais dissimulador que os homens  (3:54): a palavra MAKARA, no Árabe, implica nisso. Tanto que se assume AGENTE DE UMA DIS/SIMULAÇÃO e, também, ordena a mentira  (4: 157-158, 16: 106, etc.).
ENTÃO DE NOVO:
- Seria Deus, o verdadeiro, um ser maligno?
- Poderia Deus, o verdadeiro, forjar uma mentira  (SURA 9:30), para "justificar" assassinatos (DESAFIO 03)??
3 - Será que Deus, o verdadeiro, odeia mesmo os judeus  (Descendentes de Abraão.) e os teria mesmo transformado em macacos e porcos?
Em que escritura  (Sagrada?) o autor do Alcorão tirou isso???
II - CONVITE À REFLEXÃO:
i - PARA O  HOMEM DE BEM, O PRINCIPAL CRITÉRIO
para que se possa verificar ser mesmo um livro sagrado é:
O que este livro ensina sobre o CARÁTER de Deus?
Visto que, por detrás do NOME  (genérico e generalizado) DEUS, pode estar se ocultando um outro ser. 
Não fosse assim, todas as religiões e livros tidos por sagrados seriam iguais; e do bem. Todavia, não são. Razão pela qual, sempre houve os que  morreram por causa da verdade; e os ainda hoje  matam, por uma mentira.
.
ii - Então, compreendo-se que, por detrás NOME  (genérico e generalizado) DEUS, pode estar oculto um outro ser, o que realmente importa? Sabermos (E esclarecer.) se esse OUTRO SER, tendo enganado a alguém, tenha também induzido-o a considerá-lo com tal: o Deus que Allah nunca foi.
E MAIS: não nos intimidar com quantos acreditem. Satã, desde o princípio do mundo  (TORAH, Gênesis 3.), e os falsos profetas sempre tentaram fazer os que não são  (assumidamente) do mal errar.
Quanto aos homens maus, estes podem se tornar  (Conscientes ou inconscientemente.) até satanistas. E, alguns, travestidos de seguidores de uma qualquer religião. 
Tal religião pode até mesmo ser a cristã: o que explica atos fraudulentos e crimes hediondos  cometidos por pseudo-cristãos, em o nome de Jesus.
Só que tais atos e crimes jamais encontraram APROVAÇÃO no ensino de Cristo.
.
iii - Agora, quando o deus (Melhor: o  suposto Deus.) é satânico em seu caráter, atos fraudulentos e crimes não receberão DESAPROVAÇÃO; mas... até louvor.
Homens malignos (Ou... do Maligno.) farão atos malignos, em nome do seu suposto Deus, também maligno.
E os meus DESAFIOS até agora à Caravana de Dawah têm por objetivo mostrar aos interessados exatamente isso e nada mais.
E que Deus nos ilumine a todos, com a luz da sua verdade!
.
.
.
.
.
.

DESAFIO 05
(À Caravana de Dawah & Aos Demais Muçulmanos).
QUESTÕES:
1 – Seria Deus, o verdadeiro, um PLAGIADOR?
2 - Seria Deus, o verdadeiro, um FORJADOR de estórias??Intenção: fazer das mesmas supostas revelações.
3 – Por que o Alcorão é DESMENTIDO pelas Escrituras bíblicas que o autor do livro alega ter revelado???
INTRODUÇÃO:
O ALCORÃO reconta, ao seu modo, histórias e fatos da TORAH, do EVANGELHO e de outros livros bíblicos. E, aqui, convém lembrar: a TORAH contém cinco livros e o EVANGELHO é um conjunto de quatro.
E QUAL É O MODO?
Suprimindo, acrescentando e distorcendo fatos. Resultado: fica claro a FALTA DE CONHECIMENTO do autor do Alcorão (E não pode ser Deus!) do teor de tais obras.
Mas, não seriam obras que ele alega teria revelado (SURA 5:46-48)?
E que ninguém poderia adulterar (Sura 6:34 - HN / DESAFIO 01)???
O fato é que estamos lidando com o PLAGIO. E pior: plágio que não se limita às Escrituras bíblicas. Ele inclui, também, outros livros judeus e cristãos, como também da literatura pagã.
Mas... seria Deus, o verdadeiro, um plagiador???
.
I - ACRÉSCIMOS
(de dados falsos, dentre outros):
- Pelo Alcorão, a mulher de Noé teria lhe sido infiel e um dos seus filhos morto no Dilúvio.
Mas... a TORAH nega!

- ALCORÃO, Sura 11:42-43:
"...E Noé chamou seu filho, que se achava à parte: "Ó meu filho! Embarca conosco e não te deixes estar com os renegadores da Fé."
Ele disse: "Abrigar-me-ei em uma montanha, que me protegerá da água. (...) E as ondas interpuseram-se entre ambos: então, foi ele dos afogados."

- TORAH, Livro da Gênesis:
- ANTES do Dilúvio:
"E era Noé da idade de quinhentos anos, e gerou Noé a Sem, Cão e Jafé."  (5:32)

- DEPOIS do Dilúvio:
"E os filhos de Noé, que da arca saíram, foram Sem, Cão e Jafé; e Cão é o pai de Canaã.
Estes três foram os filhos de Noé; e destes se povoou toda a terra."
  (9: 18-19)
Conclusão 01:
E agora, Islam?
E agora, Caravana de Dawah???
A própria Torah, que o deus Allah alega teria revelado (SURA 5:46-48), o desmente!
.
II - SUBTRAÇÃO
(de fatos, objetivando distorções teológicas):
.
"...O Alcorão traria as suas interpretações dos confrontos de Moisés com o Faraó, o governador do Egito, 27 vezes em seus primeiros 89 capítulos (SURATAS). Em outras palavras, Maomé repetiu a mesma história uma vez a cada 3,3 capítulos! (...) É triste, mas, em nenhuma vez sequer das 27 vezes em que a saga do Êxodo foi contada, Maomé incluiu um componente fundamental da história: a Páscoa!"
Extraído de
Segredos do Alcorão, pág. 30, de Don Richardson; 2007, Horizontes América Latina, Brasil.
Saibam das implicações, lendo o ANEXO 01, ao final.
.
III - DISTORÇÃO (01) Alterações de fatos e personagens:
- No Alcorão (SURA 37:100-112), Deus teria pedido Ismael e não Isaque, em sacrifício a Abraão.
Ora, Isaque é:
- O único filho legítimo de Abraão com Sara;
- Por isso mesmo, considerado pelo próprio Deus, para efeito de suas promessas e Alianças, tanto único como o primogênito:
.
"E disse (DEUS): Toma agora o teu filho, o teu único filho, Isaque, a quem amas, e vai-te à terra de Moriá, e oferece-o ali em holocausto sobre uma das montanhas, que eu te direi."
(TORAH, Livro da Gênesis 22:2).
Notas:
1 - Mesmo Ismael tendo nascido primeiro, Deus considera Isaque, de quem viria os judeus, o filho único de Abraão.
Tanto que é que somente para Isaque Abraão deixou herança:
"Abraão deu tudo o que possuia a Isaque" (25:5-6).
E para os outros filhos, das concubinas, apenas presentes.
2 - ISAQUE teve o nascimento e o nome anunciado pelo próprio Deus.
E MAIS: Sara, a sua mãe, foi também herdeira das promessas, sendo estas feitas, antes do filho nascer (TORAH, Livro da Gênesis 17: 15-22)
E PIOR para o Islam (Vejam no ANEXO 02): na Torah, NÃO se pode comprovar a existência de uma suposta Caaba e nem que Ismael tenha sequer se tornado monoteísta.
.
V - DISTORÇÃO (02)
Estórias forjadas, dentre outros, e anacronismos:
.
i - ABRAÃO, que viveu depois da TORRE DE BABEL, seria jogado no fogo por... NINROD, o qual viveu antes.
TORAH, Livro de Gênesis 10:6-9 e 11:26-32 X SURA 2:58 e 21:51-71. Confira no ANEXO 03.
.
ii - A PROVA, imposta a futuros soldados, de como BEBER ÁGUA do rio, está no Livro de Juizes 7:1-7, na história de GEDEÃO.
Mas...
na estória forjada pelo autor do Alcorão (E não pode ser Deus!), teria acontecido com Davi (SURA 2:249-250)!
Gedeão é da Era dos Juízes Já Davi, foi o segundo REI de Israel, tendo vivido séculos depois.
.
iii - HAMÃ é personagem do Livro de Ester.
Mas... aparece na ESTÓRIA FORJADA no Alcorão, nos tempos de Moisés e Faraó, os quais são personagens da TORAH (Livro de Êxodo).
E fazendo o quê?
Construindo para Faraó a TORRE DE BABEL!
(SURA 40: 22-24 e 36-38 - HN).
Conclusão:
Faltou dizer ao autor do Alcorão que o nome Hamã é babilônico; e não egípcio.
E que Hamã viveria mais de 500 anos, DEPOIS de Moisés. E que a TORRE tinha sido construida, mais de 500 anos, ANTES!
.
VI - PLÁGIOS EXTRA-BIBLIA
(& apenas para ficarmos em alguns poucos exemplo):
.
i -
"Quem quer que destrua uma alma, é considerado como se ele destruísse um mundo inteiro. E quem salva uma vida, é considerado como se tivesse salvado um mundo inteiro."
(TALMUDE, Mishnah Sanhendrin 4:5, séculos antes do Alcorão)
.
-
"Por causa disso, prescrevemos aos filhos de Israel que quem mata uma pessoa, sem que esta haja matado outra ou semeado corrupção na terra, será como se matasse todos os homens. E quem lhe dá vida será como se desse vida a todos os homens."
(ALCORÃO, Sura 5:32-a)
Conclusão:
Este verso é um plágio.
E se o Islam alegar que deus Allah teria revelado também o Talmud, pior para o Islam. O Talmud, assim como os judeus,  não reconhece  a Jesus: profeta, o Messias prometido e o Verbo divino. Mas, o Alcorão, sim (SURA 3:45, etc.)
.
ii - A introdução de um CORVO, na história de Abel e Caim, conforme as suposições da SURA 5.
Fontes (anteriores): Targum de Jonathan-ben-Uzziah, Targum de Jerusalém e Pirke-Rabino
Eliezer.
E o que eles têm em comum?
São livros do Século II e III, escritos a partir do Talmud, não passando de fábulas e mitos judaicos.
Mas, o autor do Alcorão (E não pode ser Deus!) quis dar-lhe o status de divina revelação.
.
iii - SURA 17:1-a (HN):
"Glorificado seja Quem fez Seu Servo Muhammad viajar à noite - da Mesquita Sagrada para a Mesquita Al-Aqsã...."
Notas:
1 - Trata-se no Islam, da famosa MIRAJ, a qual teria sido sobrenatural, de Meca a (ainda inexistente) Mesquita de Jerusalém.
2 - O primeiro problema é tal mesquita somente iria ser construída, por Abu Malik, mais de 70 depois da morte do profeta do Islam.
3 - O segundo problema é assim posto e, ao mesmo tempo, elucidado por Jay Smith "O Corão, Uma Análise Apologética":
.
“A partir de tradições primitivas sabemos que esta aya se refere a Maomé ascendendo ao sétimo céu, após uma miraculosa jornada noturna (o Mi”raj) de Meca até Jerusalém, em um „cavalo” chamado Buraq. Mais detalhes são fornecidos no Mishkat al masabih. Podemos associar a estória ao antigo livro fictício chamado o testamento de Abraão, escrito por volta de 200 a.C, no Egito, e que foi então traduzido do grego ao árabe.”
E ainda:
“Outro relato é o Os Segredos de Enoque, que antecede Maomé cerca de 400 anos. (...)."
E mais:
“Um outro relato é amplamente modelado na estória contida num velho livro persa intitulado Arta-i Viraf Namak. Esta estória reconta como um jovem zoroastriano ascendeu aos céus e, após seu retorno, relatou o que ele vira, ou professava ter visto.”
.
VII - QUESTÕES Sobre A Questão (Plágio) & ANEXOS.
.
ANEXOS:
ANEXO 01
(Ao DESAFIO 05 À Caravana de Dawah)
.
ENTENDENDO
O Porquê da OMISSÃO da Páscoa judaica no Alcorão.
.
"E aquele sangue vos será por sinal nas casas em que estiverdes; vendo eu sangue, passarei por cima de vós, e não haverá entre vós praga de mortandade, quando eu ferir a terra do Egito.
E este dia vos será por memória, e celebrá-lo-eis por festa ao Senhor; nas vossas gerações o celebrareis por estatuto perpétuo."

(TORAH, Livro do Êxodo 12:13-14)
.
O SACRIFÍCIO DE UM CORDEIRO, cujo sangue livrou os judeus da morte pelo Exterminador dos primogênitos egípcios, nos remete ao PASSADO e, ao mesmo tempo, ao FUTURO da revelação bíblica.
.
A - PASSADO: Ao Sistema de Sacrifícios Substitutivos, observado desde o princípio do mundo, por causa do pecado. Observaram-no: Abel (filho de Adão e Eva); Noé; Abraão e Jacob, depois renomeado por Deus como Israel.
Moisés também o observaria e o Sistema de Sacrifícios seria instituído na TORAH (Livro de Levítico.), diária e anualmente.
E instituído como?
"E tomou o livro da aliança e o leu aos ouvidos do povo, e eles disseram: Tudo o que o Senhor tem falado faremos, e obedeceremos.
Então tomou Moisés aquele sangue, e espargiu-o sobre o povo, e disse: Eis aqui o sangue da aliança que o Senhor tem feito convosco sobre todas estas palavras."

(ÊXODO 24:7-8)
Nota:
Aliança: o Antigo Testamento.
E o que o Sistema tinha a ver com os rituais (então inexistentes) da Caaba?
Nada!
.
B - FUTURO: Os sacrifícios oferecidos, desde o princípio do mundo e na Lei (Antiga Aliança ou Testamento.) eram ATOS simbólicos e proféticos.
Eles apontavam para a vinda, vida e morte sacrificial de Jesus Cristo.
Qual o TESTEMUNHO de João Batista, profeta reconhecido até pelo Alcorão (Yahia.), sobre Ele?
"Eis o cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo!"
(EVANGELHO DE JOÃO, O APÓSTOLO, 1: 29 e 36)
.
E Jesus instituiria a Nova Aliança (Ou Testamento.), com sacrifício de Si mesmo, pelos pecadores.
Ele faria cumprir, em Si, todos os ATOS PROFÉTICOS e simbólicos, que foram os sacrifícios oferecidos ao Senhor Deus, desde o princípio do mundo:
.
"E, tomando o pão, e havendo dado graças, partiu-o, e deu-lho, dizendo: Isto é o meu corpo, que por vós é dado; fazei isto em memória de mim.
Semelhantemente, tomou o cálice, depois da ceia, dizendo: Este cálice é o NOVO TESTAMENTO no meu sangue, que é derramado por vós." 
(EVANGELHO DE LUCAS 22:19-20)
Por que, então, a Páscoa, tão importante quanto a Instituição da Antiga Aliança (Testamento) foi omitida no Alcorão?
Há duas explicações evidentes, cabendo uma terceira, que é a junção das duas:
1 - O autor do Alcorão (E não pode ser Deus!) desconhecia o teor da Torah. E, portanto, a importância da Páscoa na vida e história judaica:
.
2 - O autor do Alcorão escreveu (E isso é óbvio!), não inspirado pelo Espírito Santo. Antes, falou ou ditou o livro pelo espírito do Anticristo.
(JOÃO, PRIMEIRA CARTA, 4: 2-3)
.
3 - O espírito do Anticristo não quer que ninguém se salve. Por isso, engana os falsos profetas, fazendo-os desacreditar em Jesus como Redentor.
O Alcorão quer desviar a humanidade do único meio de salvação: a Cruz.
Tanto que, na SURA 4:157-158, o deus do Alcorão se assume um dissimulador (Agente de simulação.). Mas, é inútil sua tentativa de negar a morte e a ressurreição redentoras do Messias. Ele veio, conforme o profetizado, como o Salvador (EVANGELHO DE MATEUS 1:18-23, etc. e etc.)
.
Para a devida compreensão da importância da Cruz de Cristo: biblicamente falando, ela divide a história da humanidade no seu antes e depois, sendo tão importante (E já estava prevista antes.) quanto a Criação. E é desta verdade que Satã quis desviar os homens.
ANEXO 02
(Ao DESAFIO 05 À Caravana de Dawah):

SOBRE A CAABA & O SEU SUPOSTO CULTO ABRAÂMICO:
- As SURAS 3:96 e 2:125-127 seriam verdadeiras?
- E Ismael? Teria sido mesmo monoteísta???
"No meu A Bíblia & O Islã: 50 Perguntas (Cujas Respostas Precisam Soar Mais Alto Que O Silêncio Islâmico & do Que As Contradições Corânicas), trato com pormenores do tema em questão, através de dois artigos transformados em capítulos. Em resumo é o que passo a adiantar:
.
7 ASPECTOS IRRECONCILIÁVEIS ENTRE A BÍBLIA E O ALCORÃO:
.
1 – ATÉ A CONSTRUÇÃO DO TABERNÁCULO DE MOISÉS, NÃO HÁ NAS SAGRADAS ESCRITURAS (Leia-se: Bíblia.) SEQUER O CONCEITO DE TEMPLO ERGUIDO AO DEUS BÍBLICO.
2 - O CONCEITO DE TEMPLO (Casa de Deus, ainda que móvel.) SOMENTE APARECE NO LIVRO DE ÊXODO.
3 – NÃO HÁ NAS SAGRADAS ESCRITURAS SEQUER A MENÇÃO DE QUE ABRAÃO, JUNTAMENTE COM ISMAEL, TERIA PEREGRINADO NA ARÁBIA. E MUITO MENOS QUE TENHA ALI ESTABELECIDO QUALQUER FORMA DE CULTO E CONSTRUÍDO QUAISQUER TEMPLOS.
4 – ISMAEL SEQUER É MENCIONADO COMO ADORADOR DO DEUS BÍBLICO.
5 – NÃO HÁ NAS SAGRADAS ESCRITURAS SEQUER A MENÇÃO DE QUE OS ISMAELISTAS OU OS ÁRABES ADORASSEM AO DEUS BÍBLICO.
Seria natural, se Ismael (Como quer o delírio corânico, sobre a construção da suposta Kaaba.) tivesse se tornado em verdade um adorador do Senhor; mas, não é o que acontece. Alem destes cinco aspectos, dois outros apenas indiretamente delineados, merecerão de nossa uma maior atenção no desenvolvimento deste artigo:
6 – QUANDO DAS INSTRUÇÕES PARA A CONSTRUÇÃO DO TABERNÁCULO DE MOISÉS, DEUS SEQUER MENCIONA A EXISTÊNCIA DE UMA SUPOSTA KAABA. E COM UM AGRAVANTE: AS INSTRUÇÕES FORAM DADAS NA PENÍNSULA ARÁBICA.
7 – E QUANDO DA CONSTRUÇÃO DO TEMPLO DE JERUSALÉM, DEUS SEQUER MENCIONA (A DAVI E A SALOMÃO) A EXISTÊNCIA DE QUALQUER TEMPLO CONSTRUÍDO POR ABRAÃO E ISMAEL. Antes, pelo contrário: afirma jamais ter habitado até àquela data (1500 anos depois de Abraão e Ismael) qualquer casa (edificação), mas, sim, em tenda (Tabernáculo)."
Extraído
MANUAL DEFESA DA FÉ CRISTÃ (Contra Os Ataques do ISLAMismo) - Vol. 01.

SAIBA
nos seus pormenores, lendo os seguintes artigos:
- BÍBLIA X ISLAM : KAABA - O MITO DESCONSTRUÍDO PELA VERDADE DAS ESCRITURAS.  Publicado de Abril de 2016.
- BÍBLIA X ISLAM: CAABA – O MITO DESCONSTRUÍDO (02); de  Outubro de 2015.

ANEXO 03
(Ao DESAFIO 05 À Caravana de Dawah: O Caso Ninrod No Alcorão):
.
ALCORÃO, Sura 2:258 - HN:
"Não viste aquele que, porque Allah lhe concedera a soberania, argumentou com Abraão, sobre seu Senhor? (...)"
Notas:
1 - Para a IDENTIFICAÇÃO (Correta?) do personagem bíblico que teria discutido com Abraão, diz o tradutor, em NOTA, à página 71, o seguinte:
.
"Aquele: Nemrod, rei da Mesopotâmia. Este diálogo ocorreu quando Abraão quebrou os ídolos e, seguidamente, foi preso por Nemrod, que o tirou da prisão para queima-lo vivo. Antes, porém, perguntou a Abraão quem era Seu Senhor: "Aquele que dá a vida e dá a morte ". Vide XXI 51-69."
.
2 - A SUPOSTA HISTÓRIA de Abraão sendo atirado no fogo por quebrar  ídolos não existe na Torah.
E mais um ACRÉSCIMO do Alcorão.
- Quem quebra ídolo, nas Escrituras bíblicas, e é ameaçado de morte foi Gedeão (LIVRO DOS JUÍZES 6:25-30).
- E quem é lançado ao fogo são os três jovens do LIVRO DO PROFETA DANIEL, capítulo terceiro.
Já o autor do Alcorão (E não pode ser Deus!) tomou elementos da história de outros personagens para, com os mesmos, forjar um FATO FICTÍCIO para o Alcorão.
E seria Deus um forjador de estórias?
Estórias ditadas, não como parábola, mas, como fatos verídicos (O que não são!) é mesmo revelação divina??
- E pior: isso é tudo???
Não!
Vejam o DESMASCARAMENTO do deus-plagiador do Alcorão, na minha próxima nota.
.
3 - Não bastasse tudo o que eu já disse. Não bastasse tudo o autor do Alcorão fez, plagiando a Bíblia e outros livros, para enganar os leitores...
Faltou alguém avisar a ele e, também, ao tradutor o seguinte: Ninrod existiu ANTES da construção da Torre de Babel (TORAH, Livro da Gênesis 10:6-9). Já Abraão, nasceu DEPOIS do referido evento (11:26-32).
Logo, eles não poderiam ser contemporâneos. E a Sura transcrita, assim como a 21:51-71 e tantas outras, são o quê, exatamente???
Fruto do PLÁGIO e da DESINFORMAÇÃO do autor do Alcorão (E não pode ser Deus!).
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
DESAFIO 06
(À Caravana de Dawah & demais Muculmanos) .
- MUHAMMAD (Maomé) Não Foi Predito em Isaías 29:12.
- E AGORA, ISLAM???
Nota:
Este DESAFIO está no começo da obra; fazendo parte da seção PRA INÍCIO DE CONVERSA.
.

.

DESAFIO 07
(À Caravana de Dawah & Demais Muçulmanos):
- QUEM É "MAIS" DEUS?
- JESUS  (BÍBLIA) OU ALLAH  (ALCORÃO)???
- Jesus disse, quando e na condição que esteve entre nós (FILIPENSES 2:5-11/ Marcos 10:45, etc.) não saber o Dia e Hora da sua Segunda Vinda.
- Allah, no Alcorão, além de comprovadamente NÃO
onisciente, se revela um completo ignorante: sobre os judeus, sobre os cristãos e até sobre as Escrituras bíblicas que alega ter revelado.
.
I - INTRODUÇÃO:
1 - Não existe mais Deus ou menos Deus. 
YHWH (O Senhor Deus.) é o que Dele ensinam as Escrituras bíblicas (e não o que pensamos ou queiramos especular).
E por que não o Alcorão?
Pelo o que foi exposto no DESAFIO INICIAL e os de número 02, 03, 04 e 05 desta primeira série. E eu poderia acrescentar mais dados, comprovadores de que o deus do Alcorão não o é para as Escrituras bíblicas.
Então, o  título deste DESAFIO ("Quem é 'mais' Deus?...") serve para quê, exatamente??
Para, através da necessária COMPARAÇÃO, possamos identificar:
- QUEM É o Jesus da Bíblia?
- E QUEM seria, em verdade, o deus Allah do Alcorão???
.
2 - DEFINIÇÃO:
Deus NÃO é apenas um número ou um ser  maligno e limitado, como supõe o Islam. E crença de que Ele é um até os demônios a possuem (CARTA DE TIAGO 2:19).
Deus é um e único, na Sua essência de ser ou natureza divina (Isto é: na sua DENTIDADE). E quem primeiro ensinou o Monoteísmo não foi o Alcorão; foram as Escrituras bíblicas. 
Elas o ensinam, da Torah aos Evangelhos e por todo o Novo Testamento. E cabe informar:  estes livros, já existiam entre 500 (N.T.) e 2000 anos (TORAH), antes do Alcorão.
E no que diz respeito ao suposto Monoteísmo islâmico,  examinando QUEM E O QUE FAZ o deus do Alcorão, o que apuramos???
O Islam adora um ser que não pode ser identificado como Deus. E justamente por aquilo que sobre este mesmo ser, o Deus verdadeiro, ensinam:
a) Nos seus ASPECTOS POSITIVOS, as Escrituras bíblicas;
b) e, nos ASPECTOS NEGATIVOS, o próprio Alcorão.
Deus, em verdade, não tem aspecto negativo. Mas, para o Alcorão isso não importa. Pois é no próprio livro que podemos os encontrar. Monoteísmo ou Satanismo travestido de religião?
E agora, Islam?
E agora, Caravana de Dawah???
.
COMPARAÇÕES INICIAIS:
i - Para quem ora o deus Allah, na Sura de Abertura do Alcorão / DESAFIO INICIAL?
R - Ninguém  pode precisar. Muito embora eu possa, mais do que  presumir, identificar (LINK 01).
Já Jesus, quando assumiu a forma humana, para o cumprimento das Escrituras e salvação dos pecadores, falava com o Pai. Com o qual, Ele disse ser um (JOÃO 10:30). E não dois; e nem três; ou 360, que era o número das divindades das Caabas e, dentre estas, Allah.
E ninguém melhor do que o próprio Jesus, para responder sobre Si e o fato Dele ser ou não Deus (LINK 02).
.
ii - O deus do Alcorão  (DESAFIO 02) é um mau tradutor. Ele confundiu o nome Jesus  (Yeshua/Josué/ Deus que salva) com Issa (Esaú/ Rubro).
Quanto a Jesus, além de ser O Verbo divino (JOÃO 1:1-14, SURA 3:45),  sabia as Letras (JOÃO 7:15, LUCAS 4:17-21). E mesmo sem ter frequentado quaisquer escolas. 
E será por quê? 
.
ii - Seria Deus leviano e ignorante?
Nao!
Mas o deus do Alcorão comprovadamente é  (SURA 9:30/ DESAFIO 03).
E pior: ignorante a respeito das crenças judaicas  e sobre a Teologia bíblica  (judaico-cristã).
.
.
iii - Seria Deus um ser maligno?
Não!
Mas o deus Allah, comprovadamente, é  (SURA 9:30, 5:60, 4:60, 7:178-178/ DESAFIO 04).
iv - Seria Deus um plagiador e necessitasse forjar estórias, como se fossem revelações divinas?
Jamais!
Porém o deus do Alcorão, e no próprio Alcorão, comprovadamente, fez isso.
Confiram no DESAFIO 05.
.
v - Seria Deus um desencaminhador dos homens para perdição?
O Allah do Alcorão se ostenta como tal coisa (SURA 7:178-179).
Mas, isso não é coisa do Diabo  (4:60)???
É o que o meu leitor, principalmente, se for muçulmano, precisa se perguntar. Por  amor de sua alma, que é eterna, e pode fazer companhia ao tal Allah.
.
vi - Seria Deus alcoviteiro?
Nunca, jamais!
Todavia, o Allah do Alcorão teria forjado "revelações" para que o profeta do Islamismo se casasse com a própria nora, à qual cobiçou sexualmente  (SURA 33:37-38 e Tradições Islâmicas/ LINK 03).
- Mesmo a TORAH, do Deus verdadeiro,  tendo proibido a poligamia e o casamento com noras, etc.  (Livro  de Levítico 18).
- Mesmo a Torah, do Deus das Escrituras bíblicas, feito da cobiça à mulher do próximo um pecado mortal (LIVRO DO EXODO 20).
- E mesmo JESUS, tendo dito que o olhar adúltero faz a pessoa culpada do fogo do inferno (EVANGELHO DE MATEUS 5:27-29). E não da veneração idólatra de seguidores desinformados (LINK 04).
.
vii - Afinal, que deus corânico é esse?
É mesmo o Deus das Escrituras bíblicas???
Ou um ser humano, ignorante e sem escrúpulos, que teria manipulado as supostas revelações do Alcorão?
E tais  "revelações", de acordo com os seus interesses, os seus humores e   os seus apetites sexuais. E "inspirado" será por quem???
3 - TRÊS QUESTÕES SOBRE A QUESTÃO:
.
Questão 01:
- E quem seria "mais" Deus?
- Jesus, que disse não saber o Dia e a Hora da sua segunda vinda??
- Ou o deus Allah que, além de NÃO onisciente, se revela um completo ignorante??? 
Todos os DESAFIOS que eu pus até aqui, com respeito ao deus do Alcorão  (02, 03, 04 e 05) demonstram a NÃO onisciência de Allah. E pior: a sua a mais completa ignorância, até mesmo  sobre questões menores. Mas... Jesus, ao fazer referência ao Dia e a Hora da sua Vinda, não estava tratando de uma questão menor. 
.
Questão 02:
Por que Jesus disse não saber o Dia e a Hora, somente o Pai (EVANGELHO DE MATEUS 24:36)?
Não há uma resposta bíblica para a pergunta. E nem as Escrituras nos prometem resposta para  todas as perguntas    (DEUTERONOMIO 29:29).
Eu poderia, aqui,  especular. Mas, não é o meu propósito.  Além disso, O QUE REALMENTE VEM AO CASO será posto na próxima questão (sobre a Questão):
- O FATO de Jesus dizer, naquele momento e circunstâncias, não saber o Dia e a Hora, lhe tira a divindade?
- E O FATO de Allah, no próprio Alcorão e Tradições Islâmicas, se mostrar maligno e ignorante, nos leva a compara-lo com quem???

Questão:
- O fato de Jesus dizer, naquele momento e circunstâncias, ter dito não saber o Dia e a Hora, lhe tira a divindade?
Resposta 01:
NÃO, porque a deidade do Messias já estava posta desde a TORAH (Livro de Gênesis 3:14-15, 49:8-12, etc.). Basta saber interpretar as referidas Escrituras.
Resposta 02:
NÃO, porque nos Profetas e nos Salmos, o Messias é literalmente chamado e identificado como Deus  (ISAÍAS 7:14/ Mateus 1:18-23, 9:6; SALMOS 45:6-7, 110/ Mateus 22:41-46; MALAQUIAS 3:1; ZACARIAS 12:10/ Apocalipse 1:7-8; ISAÍAS 6:10/ João 12:37-42).
Resposta 03:
NÃO, porque nos Evangelhos e no Novo Testamento, Ele é, também, identificado e chamado literalmente Deus. 
E mais: quem disse que Jesus nunca falou "Eu sou Deus", está mentindo. Pois Jesus, além de dizer isso através dos seus gestos,  disse isso também literalmente  (APOCALIPSE 1:8 e 17-18).
Confira, abrindo os LINKS 02 e 05.
E contra tais evidências o Islamismo nada pode fazer.
.
E Para Uma Resposta Final, a seguinte análise (Em três importantes notas.) do que Jesus falou:

"Mas a respeito daquele dia ou da hora ninguém sabe; nem os anjos no céu, nem o Filho, senão o Pai."
(EVANGELHO DE MARCOS 13:32):
Notas:
1 - "Ninguém sabe" diz respeito aos HOMENS.
E é nessa categoria que Jesus se coloca?
Não.
O Filho de Deus, para o cumprimento das Escrituras, tomou a forma humana. Todavia, Ele já existia (e em glória), antes mesmo da Criação  (JOÃO 17:3).

2 - Jesus faz referência aos "ANJOS no céu". 
E se coloca nessa categoria??
Também não. Ele não é um anjo; e os anjos também não existiam em glória, "antes que houvesse mundo" (JOÃO 17:3).

3 - E quais são as categorias dos seres, nas Escrituras Sagradas (e suas respectivas  identidades)???
Deus, anjos e homens.
E Jesus se coloca em relação a quem? 
Ao Pai.
E por quê? 
O conceito e o termo o Filho de Deus respondem a pergunta. E estão explicitamente postos num versículo bíblico:
.
"Por isso, pois,  os judeus ainda mais procuravam matá-lo, pois não somente violava o sábado, mas também dizia que Deus era seu próprio Pai, fazendo-se igual a Deus."
(EVANGELHO DE JOÃO 5:18).
A QUESTÃO ALLAH
(Para a necessária compreensão & conclusão deste DESAFIO):
E O FATO de Allah, no próprio Alcorão e Tradições Islâmicas, se mostrar maligno e ignorante, nos leva a compará-lo a quem?
- Aos homens  (SURA 3:54)?
- Ao Diabo  (JOÃO 8:43-44 X SURA 9:30, 5:60; 4:60, 7:178-179, etc. e etc.)??
- Ou ao Deus das Escrituras bíblicas???
Afinal, QUEM é "mais" Deus? O Jesus da Bíblia ou o Allah do Alcorão??? Que o leitor tire as suas conclusões e busque, caso achar por bem, por maiores informações. Não, sem antes, ouvir ao próprio Jesus (LINKS 02 e 05). E sem fazer confusão entre IDENTIDADE  (Deus) e as FUNÇÕES  (Profeta, Rei, Sacerdote, até  Servo, etc.) por Ele assumidas. Tendo sempre em vista que O SE FAZER não anula O QUE SE É:
"Pois conheceis a graça de nosso Senhor Jesus Cristo, que, sendo rico, se fez pobre por amor de vós, para que, pela sua pobreza, vos tornasseis ricos."
(SEGUNDA CARTA AOS CORINTIOS 8:9)
Nota:
Graça: favor imerecido. Não a merecemos; mas, dessa graça  (Favor.) necessitamos. Só o amor (de Deus pelos pecadores) explica isso. Mas, desconfio que no Alcorão não exista tal palavra. E, obviamente, tal amor (JOÃO 3:16).
LINKS:
1 - ALLAH: A Idolatria  (Mascarada) No Islam. 
https://missaoimpactar.blogspot.com/2019/09/allah-idolatria-mascarada-no-islam.html?m=1
2 - QUEM FALOU QUE JESUS NUNCA DISSE " EU SOU DEUS".? (De Acordo Com As Escrituras Bíblicas, Quem Diz Isso Está Mentindo &...)
https://missaoimpactar.blogspot.com/2018/08/quem-falou-que-jesus-nunca-disse-eu-sou.html
3 - MUHAMMAD  (Maomé) & A Mulher do Próximo.
https://missaoimpactar.blogspot.com/2019/10/muhammad-maome-mulher-do-proximo.html?m=1
4 - MUHAMMAD: A Idolatria  (Mascarada) No Islam  (II).
https://missaoimpactar.blogspot.com/2019/09/muhammad-idolatria-mascarada-no-islam-ii.html?m=1
5 - 7 DESMENTIDOS DE JESUS  (A Quem Quiser Negar Sua Deidade).
.

DESAFIO 08
(À Caravana de Dawah & Demais Muçumanos):
- E SE EU PROVAR: POLIGAMIA NÃO É VIRTUDE & NEM DE DEUS MANDAMENTO???

PARTE PRIMEIRA:

TRÊS QUESTÕES  (Sobre A Questão):
1 - Muhammad  se autoproclamou líder espiritual e político de uma religião dita Monoteísta.
Mas.... por que desobedeceu a Torah? 
- DESOBEDECEU quanto ao mandamento para o principal líder religioso  (No caso do Judaísmo, o Sumo-Sacerdote.). 
E DESOBEDECEU quanto ao mandamento para o principal líder político. No Monoteísmo, o rei. 
No Islam,  o Khalifa era o principal líder religioso e político ao mesmo tempo.
Mas... ele não deveria ser exemplo de submissão?
E agora, Islam??
E agora, Caravana de Dawah???
.
2 - O Alcorão afirma: a Torah e o Evangelho "encerram luz e orientação" (5:46-48).
Mas... por que o seu profeta e Khalifa  (Líder religioso e político.) não se deixou iluminar e orientar por eles? E, principalmente, nas suas  práticas sexuais???
Elas foram piores que as dos piores pagãos.
.
3 - Davi também assassinou um marido, para casar-se com a viúva (CASO BATE-SEBA). Todavia, foi exemplarmente punido pelo Deus  do Monoteísmo verdadeiro. E, pelo Espírito Santo, conduzido a um autêntico   arrependimento  (PRIMEIRO LIVRO DOS REIS, capítulos 11 e 12, SALMO 51, etc.)
Mas...
por que o deus do Islam, além de não punir o seu profeta no CASO SAFIYYA, aindat  se lhe tornaria um alcoviteiro, no CASO ZENAYB (Link)?
Monoteísmo ou Satanismo travestido de religião???
.
.
I - INTRODUÇÃO:
i - A POLIGAMIA de Muhammad  (Maomé) e o NÍVEL BAIXÍSSIMO da conduta sexual do profeta do e para o Islamismo apenas confirmam uma coisa: NÃO ser ele um enviado do Deus das Escrituras bíblicas. 
Além, óbvio, dele também não se enquadrar no perfil de um líder principal do Monoteísmo, segundo a TORAH. 
No meu artigo, Jesus & A Poligamia (LINK), mostro que Este, ao tratar diretamente do DIVÓRCIO, tratou, indiretamente, da POLIGAMIA. Ele cita a TORAH. E o versículo que mostra a vontade de Deus quanto ao casamento é:
"Por isso, deixará o homem pai e mãe e se unirá a SUA mulher; e serão os DOIS uma só carne."
(EVANGELHO DE MATEUS  19:5 / Livro da Gênesis 2:24).
.
ii - Deus não deu mais de uma esposa a Adão, quando precisou povoar a terra, na CRIAÇÃO. E esta era a ordem (GÊNESIS 1:27-30): crescerem e se multiplicar. 
Já no DILÚVIO, não disse Deus para Noé e seus três filhos que arranjassem outras esposas, além da única que cada um tinha. E eles precisariam, de novo, se multiplicarem e povoar a terra, quando saíssem da arca.
E, aqui, cabe lembrar: o DESINFORMADO autor do Alcorão  (E não pode mesmo ser Deus!) alegou que Noé teve um de seus filhos afogados no Dilúvio. Não é verdade  (Ver DESAFIO 05) e trata-se apenas de um dos muitos EXEMPLOS DA IGNORÂNCIA de quem, em verdade, escreveu o livro do Islam. A mesma ignorância se revela no que diz respeito à POLIGAMIA. Tal livro e o Islam querem transforma-la em virtude. Quando, em verdade,  a poligamia, por inferência,  não passa de uma ABOMINAÇÃO. Além de ser uma flagrante  DESOBEDIÊNCIA ao mandamento primeiramente dado por Deus ao ser humano. E deu-o, quando ainda  não havia a Lei; e nem tinha entrado o pecado no mundo, por instigação de Satanás. A poligamia, quando muito, teria apenas, no passado,  sido tolerada.
.
iii - Bastaria o mínimo conhecimento da TORAH (Livro de Levítico 18) para o autor do Alcorão ter a compreensão correta do que sejam práticas sexuais abomináveis (Nojentas aos olhos de Deus.) e da poligamia. E esta, entrou na Torah não como MANDAMENTO; antes, como uma forçada REGULAMENTAÇÃO. 
O povo judeu estava saindo de uma cultura pagã; fato que também explica a poligamia de Abraão e de Jacob. Quanto a Moisés, primeiro e principal líder do Monoteísmo na terra, o que nos dizem as Escrituras?
Foi casado apenas com Zípora e teve dois filhos.
Mas...
o autor do Alcorão, no que diz respeito ao suposto Monoteísmo e liderança de  Maomé,   preferiu torna-se um "DEUS" ALCOVITEIRO (LINK). E até  forjar uma "revelação" para o profeta do e para o Islam  "casar-se" com a própria nora, a quem sexualmente cobiçou  (SURA 33:37-38/ Tradições Islâmicas /LINK). 
- Ainda que em Levítico 18 aja a PROIBIÇÃO de tais casamentos.
- Ainda que a mesma TORAH  (Livro do Exodo 20) defina como PECADO MORTAL a cobiça à mulher do próximo. E se tratava da mulher do próprio filho  (adotivo)....
- Ainda que, no EVANGELHO  (Mateus 5:27-32), Jesus afirmou que o OLHAR ADÚLTERO faça a pessoa merecedora  do FOGO DO INFERNO. E não da veneração idólatra de seguidores desinformados.
Deus abomina as práticas sexuais vindas do Paganismo.  E aos principais líderes do verdadeiro Monoteísmo não era permitida a poligamia. Deus jamais a ordenou. Antes, deu MANDAMENTO CONTRA e a regulamentou, para casos já existentes. 
É o que veremos, no aprofundamento do tema.
.
- ANEXO:
"SURA 24: 33-b: ABUSO  E ESCRAVIDÃO SEXUAL DE VIÚVAS E ÓRFÃS, APÓS O ASSASSINATO DE SEUS PAIS E MARIDOS.
O Rabi Kinana foi torturado pelo profeta do Islamismo, até confessar, sobe promessa de que teria vida poupada, onde estava o restante de sua  fortuna. 
E, depois de assassinar-lhe com requintes de crueldade,  Maomé ficou  Safyyia, a bela esposa de Kinana. Trata-se de mais um registro horrendo de Ibn Ishaq, na SIRAT RASUL ALLAH (A Vida de Maomé), pág. 515."
Extraido de
MUHAMMAD  (MAOMÉ): A IDOLATRIA MASCARADA NO ISLAM:
https://missaoimpactar.blogspot.com/2019/09/muhammad-idolatria-mascarada-no-islam-ii.html?m=1
PARTE SEGUNDA:

- TRÊS QUESTÕES  (Sobre  A Questão) & SETE APONTAMENTOS  (Sobre Práticas & Abominações Sexuais).
.
- TRÊS QUESTÕES  (Sobre A Questão):
1 - Muhammad  se autoproclamou líder religioso  e político de uma religião dita Monoteísta.
Mas....
por que desobedeceu a Torah? 
- DESOBEDECEU quanto ao mandamento para o principal líder religioso  (No caso do Judaísmo, o Sumo-Sacerdote.). 
E DESOBEDECEU quanto ao mandamento para o principal líder político. No Monoteísmo, o rei. 
No Islam,  o Khalifa era o principal líder religioso e político ao mesmo tempo.
Mas... ele não deveria ser exemplo de submissão?
E agora, Islam??
E agora, Caravana de Dawah???
.
2 - O Alcorão afirma: a Torah e o Evangelho "encerram luz e orientação" (5:46-48).
Mas...
 por que o seu profeta e Khalifa  (Líder religioso e político.) não se deixou iluminar e orientar por eles? E, principalmente, nas suas  práticas sexuais???
Elas foram pior que as dos piores pagãos.
.
3 - Davi também assassinou um marido, para casar-se com a viúva (CASO BATE-SEBA). Todavia, foi exemplarmente punido pelo Deus  do Monoteísmo verdadeiro. E, pelo Espírito Santo, conduzido ao arrependimento  (PRIMEIRO LIVRO DOS REIS, capítulos 11 e 12, SALMO 51, etc.)
Mas...
por que o deus do Islam, além de não punir o seu profeta no CASO SAFIYYA  se lhe tornou um alcoviteiro, no CASO ZENAYB  (Link)?
Monoteísmo ou Satanismo travestido de religião???
Eis a pergunta que qualquer cristão esclarecido e todos os muçulmanos deveriam fazer, depois de estudarem com o devido amor pela verdade a conduta sexual do seu profeta.
Os principais líderes do verdadeiro Monoteísmo nisso não poderiam jamais transgredir. 

- SETE APONTAMENTOS.
.
1/ DEFINIÇÃO DAS PRÁTICAS SEXUAIS DOS PAGÃOS (01):
.
"1 Falou mais o SENHOR a Moisés, dizendo:
(...)
3 Não fareis segundo as obras da terra do Egito, em que habitastes, nem fareis segundo as obras da terra de Canaã (...).
4 Fareis conforme os meus juízos, e os meus estatutos guardareis, para andardes neles..."
(TORAH, Livro de Levítico 18)
Notas:
1 - A POLIGAMIA, veremos depois, era também uma PRÁTICA PAGÃ; e não só de egípcios e de cananeus. Sendo os últimos, povos que foram  expulsos  por  Moisés e Josué da terra (Atuais Israel e Palestina.), por causa de seus pecados.
2 - São os PECADOS LISTADOS no capítulo 18 do LIVRO DE LEVÍTICO. E, dentre os mesmos: 
- a COBIÇA da mulher do próximo (18:20); 
- CASAMENTO com nora (18:6 e 15); 
- o tomar OUTRA POR RIVAL da esposa (18:18), que fosse a propria irmã.
3 - Mas... o profeta do e para o Islamismo, de acordo com o Alcorão e as Tradições Islâmicas (LINK), cobiçou e se "casou" até com a esposa do filho (adotivo).
EM TEMPO:
Para Jesus, no EVANGELHO  (Mateus 5:27-29), isso faria de tal pessoa nada mais que um merecedor do fogo do inferno. 
Mas.... para o autor do ALCORÃO (E não pode ser Deus!), Maomé:
a) Teria as ORAÇÕES DE ALLAH e dos anjos, em seu favor (33:56 - HN);
b) Deve ter as ORAÇÕES DOS MUÇULMANOS;
c) Além da VENERAÇÃO IDÓLATRA por parte dos mesmos  (LINK).
Falta perguntar, antes de encerrar: 
i - A QUEM o deus Allah e os anjos orariam em favor de Maomé  (DESAFIO INICIAL / Link)?
ii - Tais ORAÇÕES PELOS MORTOS, são mesmo úteis???
Jesus afirmou, séculos antes do Alcorão, ser inútil  a oração por quem já morreu  (EVANGELHO DE LUCAS 16). 
2/ A DEFINIÇÃO DAS PRÁTICAS SEXUAIS DOS PAGÃOS  (02): 
"29
 Porém, qualquer que fizer alguma destas ABOMINAÇÕES, sim, aqueles que as fizerem serão extirpados do seu povo.
30 Portanto guardareis o meu mandamento, não fazendo nenhuma das PRÁTICAS ABOMINÁVEIS que se fizeram antes de vós, e não vos contamineis com elas. Eu sou o Senhor vosso Deus."
Nota:
Abominação: algo de que Deus, o verdadeiro, tem nojo.
O Alcorão e o Islam, principalmente nos comentários, querem transformar abominação  (ALGO NOJENTO) em virtude. Ocorre também com a PEDOFILIA. Esta, é vista nas TRADIÇÕES ISLÂMICAS  (Bukhari, Muslim, etc.), quanto no próprio Alcorão (65:4 - HN). Basta a tradução ser  honesta. Nem aos piores pagãos da Bíblia é atribuída. 
Até a NECROFILIA  (Sexo com defuntos.) é apurada nas Tradições. 
Só no Islam...
.
3/  O MANDAMENTO SOBRE O CASAMENTO:
"4 Ele (JESUS), porém, respondendo, disse-lhes: Não tendes lido que aquele que os fez no princípio MACHO E FÊMEA os fez,
5 E disse: Portanto, deixará O HOMEM pai e mãe, e SE UNIRÁ A SUA MULHER, e serão dois numa só carne?
6 Assim não são mais DOIS, mas UMA SÓ CARNE. Portanto, o que Deus ajuntou não o separe o homem."
(EVANGELHO DE MATEUS 19/ Livro da Gênesis 2:24)
Notas:
1 - O mandamento é de  antes da Lei. Antes até do pecado entrar no mundo, por instigação satânica. 
Pela mesma instigação, Caim matou seu irmão (Abel). E pela mesma instigação, um de seus descendentes (Lameque), matou dois e  tomou para si duas mulheres. E foi além: gabou-se com as mesmas dos seus assassinatos  (GÊNESIS 4:19-24).
2 - Pelo mandamento, DOIS e não três ou mais formam UMA SÓ CARNE.
3 - E este PRINCÍPIO, que seria reafirmado por Jesus no Evangelho, tornou-se MANDAMENTO. Principalmente para os LÍDERES (espirituais e políticos) do verdadeiro  Monoteísmo (TORAH; MATEUS 19;1 TIMÓTEO 3).
.
4/ O MANDAMENTO SOBRE O CASAMENTO DOS LÍDERES  (01) - Reis:

"15 Porás certamente sobre ti como rei aquele que escolher o Senhor teu Deus; DENTRE TEUS IRMÃOS PORÁS REI SOBRE TI; não poderás pôr homem estranho sobre ti, que não seja de teus irmãos.
16
 Porém ELE NÃO MULTIPLICARÁ PARA SI CAVALOS (...), 
17
 TAMPOUCO PARA SI MULTIPLICARÁ MULHERES, para que o seu coração não se desvie; nem prata nem ouro multiplicará muito para si."
(TORAH, Livro de Deuteronômio 17).
Notas:
1 - O rei era o líder político da nação. Embora não o fosse o principal líder espiritual, sendo este o sacerdote.
2 -  Sheiks e muçulmanos desinformados invocam  Davi e Salomão. Mas... eles foram desobedientes. E não são bons exemplos de conduta sexual.
3 - E agora, Islam?
.
.
5/ O MANDAMENTO SOBRE O CASAMENTO DOS LÍDERES  (02) - Sacerdotes:

-Texto 01:
 "1 Depois disse o SENHOR a Moisés: Fala aos sacerdotes, filhos de Arão, e dize-lhes: 
(...)
7
 Não tomarão mulher prostituta ou DESONRADA, nem tomarão mulher REPUDIADA de seu marido; pois santo é a seu Deus."
(TORAH, Livro de Levítico 21)
Nota:
Desonrada diz respeito às não mais virgens. E repudiadas seriam as divorciadas (MATEUS 19:3-8). E como já dissemos, Maomé cobiçou sexualmente a esposa do próprio filho  (adotivo) para, depois, "casar-se" com ela. 
Flagrante TRANSGRESSÃO da Torah, no seu MANDAMENTO para os líderes principais do verdadeiro Monoteísmo, o bíblico.
.
Texto 02:
"1 Depois disse o SENHOR a Moisés: Fala aos sacerdotes, filhos de Arão, e dize-lhes: 
(...)
13 E ele tomará POR ESPOSA UMA MULHER NA SUA VIRGINDADE.
14 Viúva, ou repudiada ou desonrada ou prostituta, estas não tomará; mas virgem do seu povo tomará por mulher.
15 E não profanará a sua descendência entre o seu povo; porque eu sou o Senhor que o santifico."
Nota:
1 - O principal líder espiritual do povo de Deus NÃO poderia ser bígamo e nem polígamo. E mais: somente poderia se casar com uma só mulher, e virgem.
2 - E o que dizer das ESPOSAS, além das ESCRAVAS SEXUAIS DE MAOMÉ, o qual se autoproclamaria líder espiritual e político de um suposto Monoteísmo, o islâmico?
Foram CERCA DE UMA DEZENA, somente as esposas. E para ficar apenas em três exemplos:
- KADISHA era viúva.  E, portanto, proibida pela Torah. Caso, óbvio, fosse Maomé  realmente líder espiritual do verdadeiro Monoteísmo. Todavia, biblicamente falando, jamais seria.
- ZENAYB teve que ser repudiada pelo próprio filho do profeta. Para que este, tendo-a cobiçado, se "casasse" com ela.
- SAFIYYA (de Khaybar): como era muito bela, o "pacífico e nobre" profeta do e para o Islamismo ordenou o assassinato de seu marido. após tortura. Para, então, “casar-se” com a viúva.
.
6/ MANDAMENTO SOBRE CASAMENTO DOS LÍDERES  (03) - Os Profetas:
.
NÃO HÁ MANDAMENTO específico na Torah. Todavia, o que se espera, obviamente? É que, como líderes espirituais  (Conselheiros e até confrontadores de reis.), dessem o melhor exemplo. TAMBÉM NÃO HÁ uma sequer menção dos apenas profetas (E não era esse o caso dos reis Davi e Salomão.)  que vivessem em poligamia.
E por quê? 
Aconteceu, na História de Israel, de profetas exercerem maior influência espiritual do que os bons reis e até dos sacerdotes (bons). Caso de Elias e de Eliseu; e do próprio Moisés, tendo já Aarão sido constituído Sumo-Sacerdote do sistema levítico.
.
EM TEMPO:
O Caso do profeta OSÉIAS E GÔMER  é uma excepcionalidade, tal como o regulamentação da poligamia na Torah. E, mesmo assim, não se tratava da prática pagã. Mas, de casamento com uma mulher moralmente errada.
7/ DE VOLTA ÀS TRÊS QUESTÕES  (Sobre A Questão):

1 - Muhammad  (Maomé) se auto-proclamou líder  religioso e político de uma religião dita Monoteísta.
Mas....
por que, então, desobedeceu a Torah? Tanto no mandamento para o principal líder político,  quanto para o principal líder espiritual.
.
2 - O Alcorão afirma que a Torah e o Evangelho "encerram luz e orientação" (4:46-48).
Mas...
por que o seu profeta e Khalifa  (Líder espiritual e político.) não se deixou iluminar e orientar por eles? E, principalmente, na sua  conduta sexual, a qual foi pior que as dos piores pagãos.
.
3 - Davi também assassinou um marido, para casar-se com a viúva (CASO BATE-SEBA). Todavia, foi exemplarmente punido pelo Deus  do Monoteísmo verdadeiro e conduzido pelo Espírito Santo ao profundo arrependimento. (PRIMEIRO LIVRO DOS REIS, capítulos 11 e 12, SALMO 51, etc.)
Mas...
por que o deus do Islam, além de não punir o seu profeta no CASO SAFIYYA (Anexo),  ainda se lhe tornou um alcoviteiro, no CASO ZENAYB  (Link)???
Monoteísmo ou Satanismo travestido de religião?
É o que qualquer cristão esclarecido e todo muçulmano precisa perguntar, ao tomar conhecimento da conduta sexual de Maomé.
.
LINKS:
1 - MUHAMMAD  (Maomé) & A MULHER DO PRÓXIMO:
https://missaoimpactar.blogspot.com/2019/10/muhammad-maome-mulher-do-proximo.html?m=1
2 - MUHAMMAD  (MAOMÉ): A IDOLATRIA MASCARADA NO ISLAM:
https://missaoimpactar.blogspot.com/2019/09/muhammad-idolatria-mascarada-no-islam-ii.html?m=1
.
- ANEXO:
"SURA 24:333-b: ABUSO  E ESCRAVIDÃO SEXUAL DE VIÚVAS E ÓRFÃS, APÓS O ASSASSINATO DE SEUS PAIS E MARIDOS.
O Rabi Kinana foi torturado pelo profeta do Islamismo, até confessar, sobe promessa de que teria vida poupada, onde estava o restante de sua  fortuna. 
E, depois de assassinar-lhe com requintes de crueldade,  Maomé ficou  Safyyia, a bela esposa de Kinana. Trata-se de mais um registro horrendo de Ibn Ishaq, na SIRAT RASUL ALLAH (A Vida de Maomé), pág. 515.
E houve até um "herói de guerra" muçulmano, conhecido por "a espada de Alá". Segundo as Tradições, ele, seguindo os passos do profeta e a "complacência" do Alcorão, após cortar a cabeça de um marido, foi abusar da esposa deste.
Imagine alguém sendo assassinado, sabendo o mal que sobrevirá à sua esposa e filhas?
E o CONCEITO ISLÂMICO de Deus, escrituras sagradas e profeta é tão contraditório, absurdo e satânico que Maomé é tido por padrão  (Mas de quê?) para a humanidade."
Extraído de MUHAMMAD  (MAOMÉ), O ALCORÃO & AS MULHERES: O Que Diriam As Escrituras Bíblicas?
.
PARTE TERCEIRA:

- E se eu provar: POLIGAMIA não é virtude e nem de Deus mandamento?
.
I - DE VOLTA ÀS "TRÊS QUESTÕES  (Sobre A Questão)":
.
1 - Muhammad  se autoproclamou líder espiritual e político de uma religião dita Monoteísta.
Mas.... por que desobedeceu a Torah? 
- DESOBEDECEU quanto ao mandamento para o principal líder religioso  (No caso do Judaísmo, o Sumo-Sacerdote.). 
E DESOBEDECEU quanto ao mandamento para o principal líder político. No Monoteísmo, o rei. 
No Islam,  o Khalifa era o principal líder religioso e político ao mesmo tempo.
Mas... ele não deveria ser exemplo de submissão?
E agora, Islam??
E agora, Caravana de Dawah???
2 - O Alcorão afirma: a Torah e o Evangelho "encerram luz e orientação" (5:46-48).
Mas...
por que o seu profeta e Khalifa  (Líder religioso e político.) não se deixou iluminar e orientar por eles? E, principalmente, nas suas  práticas sexuais???
Elas foram piores que as dos piores pagãos.
.
3 - Davi também assassinou um marido, para casar-se com a viúva (CASO BATE-SEBA). Todavia, foi exemplarmente punido pelo Deus  do Monoteísmo verdadeiro. E, pelo Espírito Santo, conduzido ao autêntico  arrependimento  (PRIMEIRO LIVRO DOS REIS, capítulos 11 e 12, SALMO 51, etc.)
Mas...
por que o deus do Islam, além de não punir o seu profeta no CASO SAFIYYA e se lhe tornou um alcoviteiro, no CASO ZENAYB? 
Monoteísmo ou Satanismo travestido de religião???
.
II - SIMPLIFICANDO AO MÁXIMO  (Em forma de Perguntas Que O Islamismo Somente Poderá Responder Com O Silêncio Ou Caindo Em Contradição):
.
1 - QUANDO, nas Escrituras bíblicas,  o MONOTEÍSMO deixa de ser uma crença (comum de algumas pessoas) e se transforma numa RELIGIÃO?
- Com Adão?
- Com Abraão??
- Com Moisés???
.
1/ RESPOSTA (Sobre Adão):
.
i - NÃO é verdade que o Monoteísmo, enquanto RELIGIÃO CONSTITUÍDA para os homens, tenha começado com Adão.
O Islam diz isso por falta de conhecimento bíblico e obtusa compreensão teológica. Toda  religião é constituída por CRENÇAS, ORDENANÇAS E RITUAIS.   Crenças somente não constitui uma religião.
.
ii - Adão também NÃO é o primeiro profeta e, principalmente, muçulmano. O Islam  (Ou Submissão a Deus, a quem a religião supõe fosse Allah.) viria a ser fundado no Século VII (Anos 600) d.C.
iii - Adão NÃO é profeta porque NÃO profetizou nada. 
- E quem entregou a PRIMEIRA PROFECIA das Escrituras?
O próprio Deus.
- E de que se trata?
Da vinda e da necessidade  do Messias.
Esclarecendo:
Satã, depois da sua REBELIÃO CÓSMICA  (Apocalipse 12), o que fez?
Instigou a REBELIÃO HUMANA, através do  primeiro e principal representante: Adão.
Por isso, o Messias, que embora já existisse em glória  (EVANGELHO DE JOÃO 17:3) precisou vir: nascido de mulher e para  esmagar a cabeça do Diabo. 
- E isso significa o quê, exatamente?
Ele viria dar o golpe mortal no Mal e no seu autor  (O Maligno).
Eis a profecia:
"14
Então o Senhor Deus disse à serpente: Porquanto fizeste isto, maldita serás mais que toda a fera, e mais que todos os animais do campo; sobre o teu ventre andarás, e pó comerás todos os dias da tua vida.
15
E porei inimizade entre ti e a mulher, e entre a tua descendência e o seu descendente; este te ferirá a cabeça, e tu lhe ferirás o calcanhar.
16
E à mulher disse: Multiplicarei grandemente a tua dor, e a tua conceição; com dor darás à luz filhos; e o teu desejo será para o teu marido, e ele te dominará.
17
E a Adão disse: Porquanto deste ouvidos à voz de tua mulher, e comeste da árvore de que te ordenei, dizendo: Não comerás dela, maldita é a terra por causa de ti; com dor comerás dela todos os dias da tua vida."
(TORAH, Livro de Gênesis 3)
.
iv - ANTES de Adão, já existia a fé monoteísta?
Sim.
E quem a tinha?
Os anjos, inclusive, o próprio Satanás:
.
"Crês tu que Deus é um? Fazes bem. Até os demônios crêem e tremem."
Nota:
O curioso é que os demônios tremem, sabendo o fim que lhes aguarda: o inferno de fogo, segundo APOCALIPSE 20:1-15. Já   o profeta do Islam, no Alcorão e nas Tradições, demonstra o mesmo medo.
.
v - Adão recebeu de Deus algum SISTEMA DE CRENÇA, com princípios em forma de mandamentos e rituais?
Não.
Adão NÃO precisava do mandamento de crer em Deus somente.  Estando no Éden,  ele não iria inventar e nem fabricar  (Na forma, p.ex., de imagens de escultura.) concorrentes ao Criador.
.
vi - E qual a ÚNICA FORMA DE CULTO observada, desde do princípio do mundo, devido a rebelião de Eva e Adão?
O sistema de SACRIFÍCIOS SUBSTITUTIVOS.
-E por quê?
Os sacrifícios eram ATOS SIMBÓLICOS  E  PROFÉTICO da vinda e do iria fazer  (Ou sofrer.) o Messias: morrer fisicamente pela redenção dos pecadores.
IMPORTANTE: até o Dilúvio a idolatria sequer é mencionada, mesmo tendo sido o homem expulso do Éden, passando a povoar a terra.
.
vii - Adão: profeta e o do Islam?
Eis a mais deslavada MENTIRA!
Já mostramos que Adão não foi profeta. E quanto a  fé, não foi o primeiro monoteísta:  antes dele  existiam o anjos. Além disso, estando no Éden  (Paraíso de Deus na terra.), não tinha crença concorrente. Até porque, até o Dilúvio, a idolatria  (ou outra qualquer crença) NEM é mencionada.
.
- E Adão: seria mesmo exemplo de profeta (o que não foi)?
Só para o Islam!...
Adão DESOBEDECEU a Deus. E a consequência do seu pecado trouxe todas as DESGRAÇAS HUMANAS E ESPIRITUAIS que a humanidade conhece. Principalmente a morte: a física e a eterna, a qual é o inferno de fogo ou a segunda morte (LIVRO DO APOCALIPSE 20:1-15)
- Adão, juntamente com Eva, DEIXOU-SE ENGANAR PELO DIABO.
Ora, profeta sem profecia, desobediente e enganado pelo Diabo só mesmo no e para o Islam. No verdadeiro Monoteísmo, o das Escrituras bíblicas, jamais!
E, nesta série de DESAFIOS, estamos, sobre tudo, fazendo o quê??? Mostrando os ENGANOS DE MAOMÉ:
- ENGANO sobre um deus (O do Alcorão.), o  qual oraria para quem? Um ser que desconhecemos. Muito embora eu já nem suspeito de quem realmente se trata  (SURA  01/ Desafio Inicial).
- ENGANO sobre o autor do Alcorão ser Deus, mas... sem sequer saber traduzir o nome Jesus  (Yeshua / Josué / Deus  é o Salvador) para o Árabe (DESAFIO 02).
- ENGANO sobre Deus, nas suposições do Alcorão,  poder ser leviano e ignorante até das verdadeiras crenças judaicas (SURA 9:30/ Desafio 03).
- ENGANO sobre Deus, nas suposições do Alcorão, poder ser também maligno  (DESAFIO 04 / Sura 4:60, 5:60, 7:178-179, etc.).
- ENGANO sobre Deus, nas suposições do Alcorão, ser plagiador e inventar estórias, como se fossem supostas revelações  (DESAFIO 05/ Alcorão).
- E AGORA,
no presente DESAFIO, qual o engano verificado?
O profeta do Islamismo supôs que o principal líder do Monoteísmo pudesse praticar a POLIGAMIA.
Mas... desde a Torah , isso estava proibido. E Maomé, assim como Adão, apenas se revela desobediente e enganado.
- Desobediente a quem e a quê?
- E enganado por quem???
Bastaria ao muçulmano ser honesto consigo mesmo; pedir a Deus discernimento; e buscar a resposta para estas duas perguntas, para saber em que conta ter Adão  (que não foi profeta) e o profeta do Islam.
Todavia, como tenho demonstrado, o Monoteísmo, enquanto religião, não começou com Adão.
E nem precisava.
.
LINKS:
- MUHAMMAD  (MAOMÉ) & A MULHER DO PRÓXIMO (O Caso Zenayb):
https://missaoimpactar.blogspot.com/2019/10/muhammad-maome-mulher-do-proximo.html?m=1

PARTE FINAL :
- E se eu provar: POLIGAMIA não é virtude e nem de Deus mandamento?
.
I -  DE VOLTA ÀS "TRÊS QUESTÕES  (Sobre A Questão)":
1 - Muhammad (Maomé)  se autoproclamou líder espiritual e político de uma religião dita Monoteísta.
Mas.... por que desobedeceu a Torah? 
- DESOBEDECEU quanto ao mandamento para o principal líder religioso  (No caso do Judaísmo, o Sumo-Sacerdote.). 
E DESOBEDECEU quanto ao mandamento para o principal líder político. No Monoteísmo, o rei. 
No Islam,  o Khalifa era o principal líder religioso e político ao mesmo tempo.
Mas... ele não deveria ser exemplo de submissão?
E agora, Islam??
E agora, Caravana de Dawah???
.
II - SIMPLIFICANDO AO MÁXIMO  (Em forma de Perguntas Que O Islamismo Somente Poderá Responder Com O Silêncio Ou Caindo Em Contradição):
.
1 - QUANDO, nas Escrituras bíblicas,  o MONOTEÍSMO deixa de ser uma FÉ  (comum de algumas pessoas) e se transforma numa RELIGIÃO?
- Com Adão?
- Com Abraão??
- Com Moisés???
2 -  RESPOSTA 02 (Abraão & Moisés):
i - ABRAÃO, bem ao contrário do que alega o  Islamismo e assim como Adão, NÃO era profeta.
Dos três patriarcas ou pais da fé verdadeiramente Monoteísta, a judaico-cristã, Abraão é o único que não deixou profecia.
- ISAQUE PROFETIZOU, ao proferir sua bênção patriarcal para os descendentes de Jacob e Esaú (TORAH, Livro da Gênesis 27).
- JACOB PROFETIZOU, quando também proferiu a sua bênção, aos seus onze filhos. Sendo que José teve menção dupla, na pessoa de seus dos filhos e netos de Jacob, Efraim e Manassés (Gênesis 49).
- E QUANTO A ABRAÃO?
Desafio o Islamismo apontar, na Torah, uma sequer profecia saída de sua boca.
Já o PRINCIPAL PROFETA, no primeiro livro da Torah, é o próprio Deus. O fato do CRIADOR  exercer a função não o diminui. E nem mesmo o dEle, na FORMA HUMANA, aparecer e  banquetear-se com Abraão  (TORAH, Livro da Gênesis 17:22-18:33).
.
ii -
- "PROFETA" sem profecia, casos de Adão e Abraão?
Só nas mentiras do Islam!
- "PROFETA" desobediente a Deus, caso de Adão?
Só nas mentiras do Islam!
- "PROFETA" enganado pelo Diabo, caso de Adão?
Só nas mentiras do Islam!
Em tempo: biblicamente falando, esse é o PERFIL DE MAOMÉ (Sem profecia, desobediente e enganado.).
Tanto que se disse predito (SURA 7:157) na Torah. Mas a profecia  (DEUTERONÔMIO 18:18) já havia se cumprido em Jesus  (EVANGELHO DE JOÃO 5:45-46/ ATOS DOS APÓSTOLOS 3:18-24).
Conclusão: o Islamismo foi criado VII d.C., a partir de uma mentira (LINK).
.
iii - E O MONOTEÍSMO? 
É com Abraão que deixa de ser uma crença comum, para se tornar uma religião???
Também não!
Abraão vinha de uma cultura pagã. E, embora tivesse a fé correta, sequer observava o SISTEMA DE SACRIFÍCIOS SUBSTITUTIVOS. Tal sistema é de importância capital no verdadeiro Monoteísmo: da Torah ao Evangelho.
E é o próprio Deus quem ordena a Abraão a observa-lo (Talvez porque  já não vinha sendo desde Noé.):
.
"7 Disse-lhe mais: Eu sou o Senhor, que te tirei de Ur dos caldeus, para dar-te a ti esta terra, para herdá-la.
8 E disse ele: Senhor DEUS, como saberei que hei de herdá-la?
9 E disse-lhe: Toma-me uma bezerra de três anos, e uma cabra de três anos, e um carneiro de três anos, uma rola e um pombinho.
10 E trouxe-lhe todos estes, e partiu-os pelo meio, e pôs cada parte deles em frente da outra; mas as aves não partiu."
(TORAH, Livro da Gênesis 15)
iv - O QUE SE APRENDE com a observação do Sistema?
É que o perdão dos pecados e a justificação  (Aceitação por Deus.) vêm  somente pela fé.
Tanto que Abraão NÃO foi salvo por sua obediência, a qual nunca poderia ser completa. Abraão foi justificado  (Salvo e aceito por Deus.), mediante a fé:
.
"5
 Então o levou fora, e disse: Olha agora para os céus, e conta as estrelas, se as podes contar. E disse-lhe: Assim será a tua descendência.
6
 E creu ele no Senhor, e imputou-lhe isto por justiça."
(TORAH, Livro da Gênesis 15)
Nota:
Na CARTA AOS GÁLATAS, no capítulo três, temos a melhor interpretação destes versos. Pois prefiguram o Evangelho.
E tudo isso nos leva a uma questão bem simples: alguém obedeceria a um Deus no qual não acredita?
.
v - Vemos, no entanto, que  não é com Abraão que o Monoteísmo deixa de ser a fé de alguns, para se tornar uma religião. O Monoteísta pressupõe, além da FÉ no Deus único, RITOS, LOCAL e FORMAS DE CULTO  (Sistema de Sacrifícios Substitutivos) e mais o quê? Um CONJUNTO DE ORDENANÇAS, prescrições e mandamentos. E isso somente viria com Moisés.
.
vi - QUANDO, nas Escrituras bíblicas,  o MONOTEÍSMO deixa de ser uma crença (comum de algumas pessoas) e se transforma numa RELIGIÃO?
- Com Adão?  Com Abraão??  Com Moisés???
R - O Monoteísmo, enquanto religião, começa com Moisés.
Conclusão: 
- O ISLAMISMO MENTE, quando diz que teria começado com Abraão. 
- Da mesma maneira que mente, quando diz que Adão e Abraão teriam sido profetas.
- E falta o Islam apontar, na Torah, profecia deixadas por Adão e Abraão.
Não há!
.
vii - A PIOR MENTIRA do Islam, quanto ao assunto tratado, encontra-se na SURA 3:96.
Eis o que se lê:

"Por certo, a Primeira Casa  de Allah, edificada para os homens, é a que está em Bakkah...".
(ALCORÃO 3:96 - HN)
Notas:
- Bakkah seria Meca.
- A suposta "Primeira Casa" seria um templo monoteísta.
- Abraão, juntamente com Ismael, teriam-no erguido.
- PIOR para o Islam 01:
A Torah não menciona tal "fato". A Sura é uma farsa; e o que ela diz, uma ficção.

- PIOR para o Islam 02:
Sequer se pode dizer, que Ismael  tenha se tornado um monoteísta. Nem ele e nem os seus descendentes. É o que apuramos na Torah (ANEXO).
- PIOR para o Islam 03:
Abraão, embora tivesse a FÉ e ter sido por Deus ordenado a observar o SISTEMA DE SACRIFÍCIOS, não recebeu:
Mandamentos;
Ordenanças;
Ordem para construir o Templo, etc.
E por quê???
Deus jamais permitiria que o principal líder espiritual do  Monoteísmo praticasse a POLIGAMIA. 
Tanto que, quando deu a Lei a Moisés, deixou ordens bem claras a respeito.
Confiram na segunda parte deste DESAFIO.
Só Maomé não viu.
E somente os seguidores do Alcorão, numa  VENERAÇÃO IDÓLATRA por tal profeta, não conseguem enxergar.
E agora, Islam?
E agora, Caravana de Dawah???
III - LINK & ANEXO:
- LINK 
(Islam criado a partir de uma mentira):
http://missaoimpactar.blogspot.com.br/2017/11/maome-predito-na-biblia-em-deuteronomio.htm
O leitor pode acessar o artigo no blogue MISSÃO IMPACTAR, pela da data (Ano e mês.) da sua publicação.
.
ANEXO
SOBRE A CAABA & O SEU SUPOSTO CULTO ABRAÂMICO:
- As  SURAS 3:96 e 2:125-127 seriam verdadeiras?
- E Ismael? Teria sido mesmo monoteísta???

"No meu A Bíblia & O Islã: 50 Perguntas (Cujas Respostas  Precisam Soar Mais Alto Que O Silêncio Islâmico & do Que As Contradições Corânicas),  trato com pormenores do tema em questão, através de dois artigos transformados em capítulos. Em resumo é o que passo a adiantar:
.
7 ASPECTOS IRRECONCILIÁVEIS ENTRE A BÍBLIA E O ALCORÃO:
.
1 – ATÉ A CONSTRUÇÃO DO TABERNÁCULO DE MOISÉS, NÃO HÁ NAS SAGRADAS ESCRITURAS (Leia-se: Bíblia.) SEQUER O CONCEITO DE TEMPLO ERGUIDO AO DEUS BÍBLICO.
.
2 - O CONCEITO DE TEMPLO (Casa de Deus, ainda que móvel.) SOMENTE APARECE NO LIVRO DE ÊXODO.
.
3 – NÃO HÁ NAS SAGRADAS ESCRITURAS SEQUER A MENÇÃO DE QUE ABRAÃO, JUNTAMENTE COM ISMAEL, TERIA PEREGRINADO NA ARÁBIA. E MUITO MENOS QUE TENHA ALI ESTABELECIDO QUALQUER FORMA DE CULTO E CONSTRUÍDO QUAISQUER TEMPLOS.
.
4 – ISMAEL SEQUER É MENCIONADO COMO ADORADOR DO DEUS BÍBLICO.
.
5 – NÃO HÁ NAS SAGRADAS ESCRITURAS SEQUER A MENÇÃO DE QUE OS ISMAELISTAS OU OS ÁRABES ADORASSEM AO DEUS BÍBLICO.
.
Seria natural, se Ismael (Como quer o delírio corânico, sobre a construção da suposta Kaaba.) tivesse se tornado em verdade um adorador do Senhor; mas, não é o que acontece.  Alem destes cinco aspectos, dois outros apenas indiretamente delineados, merecerão de nossa uma maior atenção no desenvolvimento deste artigo:
.
6 – QUANDO DAS INSTRUÇÕES PARA A CONSTRUÇÃO DO TABERNÁCULO DE MOISÉS, DEUS SEQUER MENCIONA A EXISTÊNCIA DE UMA SUPOSTA KAABA. E COM UM AGRAVANTE: AS INSTRUÇÕES FORAM DADAS NA PENÍNSULA ARÁBICA.
.
7 – E QUANDO DA 
CONSTRUÇÃO DO TEMPLO DE JERUSALÉM, DEUS SEQUER MENCIONA (A DAVI E A SALOMÃO) A EXISTÊNCIA DE QUALQUER TEMPLO CONSTRUÍDO POR ABRAÃO E ISMAEL. Antes, pelo contrário: afirma jamais ter habitado até àquela data (1500 anos depois de Abraão e Ismael)   qualquer casa (edificação), mas, sim, em tenda (Tabernáculo)."
Extraído 
MANUAL DEFESA DA FÉ CRISTà (Contra Os Ataques do ISLAMismo) - Vol. 01.
.
SAIBA
nos seus pormenores, abrindo os LINKS:
- BÍBLIA X ISLAM : CAABA - O MITO DESCONSTRUÍDO PELA VERDADE DAS ESCRITURAS.  (Abril 2016)
http://missaoimpactar.blogspot.com.br/2015/09/biblia-x-isla-kaaba-o-mito.html
- BÍBLIA X ISLAM: CAABA – O MITO DESCONSTRUÍDO (02) –Outubro 2015
http://missaoimpactar.blogspot.com.br/2015/10/biblia-x-isla-kaaba-o-mito.html
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.

.

DESAFIOS 09
(À Caravana & Aos Demais Muçulmanos):
- ISLAM SERIA SUBMISSÃO.
- MAS...
A QUEM & A QUÊ SEU PROFETA OBEDECEU?
 - E a quem, consequentemente obedeceriam os seus seguidores???

I - INTRODUÇÃO.
A Questão:
- Islam seria SUBMISSÃO.
- Mas... A QUEM & a QUÊ  o seu profeta obedeceu?
E a quem, consequentemente, obedeceriam os seus seguidores???
.
i - Estas não são perguntas pra serem respondidas com PALAVRAS  VAZIAS, embora de efeito. Ainda que HOMENS-BOMBA e os atos terroristas sejam praticados, aos gritos de Allah Akbar. E, da mesma forma,  GESTOS E ATITUDES VIRTUOSOS são também  observados,  em nome daquele que os muçulmanos o consideram Deus.
.
ii - Nos DESAFIOS Inicial, 2, 3, 4 e 5, eu me propus a identificar O SER POR DETRÁS DO NOME Allah. E neste, vamos analisar a  conduta de  Muhammad  (Maomé), em relação à TORAH. O  Alcorão e as Tradições Islâmicas nos dão as evidências.
E teria sido mesmo digna?
Serei pontual, óbvio; 
mas, categórico. Pois não há nada mais fácil de se comprovar do que  a OBEDIÊNCIA ou a   INSUBMISSÃO de alguém a Deus. Basta analisar a   sua prática dos seus   principais MANDAMENTOS.
Análise mais aprofundada foi feita no meu RESPOSTA AO ISLÃ (O Que Todo Cristão Deveria Saber Sobre O Islamismo & Sobre A Sua Própria Fé) - Vol. 01, publicado e leitura disponibilizada no meu blogue MISSÃO IMPACATAR, desde Julho de 2014.
.
iii - Sabemos que os mandamentos estão na TORAH  (Livro de Êxodo 20). E no EVANGELHO, Jesus tornou a observação de  alguns ainda mais rigorosa.
Por exemplo:
"27 Ouvistes que foi dito aos antigos: Não adulterarás.
28 Eu, porém, vos digo, que qualquer que atentar numa mulher para a cobiçar, já em seu coração  adulterou com ela.
29 Portanto, se o teu olho direito te escandalizar, arranca-o e atira-o para longe de ti; pois te é melhor que se perca um dos teus membros do que seja todo o teu corpo lançado no inferno."  (EVANGELHO DE MATEUS 5)
Nota:
É por isso que Jesus afirma, no APOCALIPSE (21:8), que os impuros sexuais NÃO terão lugar no céu; farão companhia a Satã e no inferno de fogo.
Ainda no Evangelho, Jesus, ao contrário de odiar, ordena que amemos e oremos pelos que se fazem nossos inimigos  (MATEUS 5:43-48).
.
iv - Maomé, bem sabemos: jamais se fez capaz de tal grandeza e  altruísmo.
E  será que Deus teria mesmo por profeta a um CONTUMAZ TRANSGRESSOR da Lei?
Isso enalteceria ou traria VERGONHA para o seu  Nome, que é santo???
Se o Islam significa SUBMISSÃO, importa saber:
A QUEM seu profeta obedeceu?
E teria a religião como provar que tenha sido mesmo a Deus, aos Mandamentos da Torah e aos preceitos do Evangelho???
É o que debateremos. Mas, vamos primeiro aos Mandamentos.
.
II - DOS MANDAMENTOS
(& Sobre A Análise dos Mesmos):
.
"1 Então falou Deus todas estas palavras, dizendo:
2 Eu sou o Senhor teu Deus, que te tirei da terra do Egito, da casa da servidão.
3 NÃO terás outros deuses diante de mim.
(...)
7 NÃO tomarás o nome do Senhor teu Deus em vão; porque o Senhor não terá por inocente o que tomar o seu nome em vão.
8 LEMBRAR TE do dia do sábado, para o santificar.
(...)
HONRA a teu pai e a tua mãe, para que se prolonguem os teus dias na terra que o Senhor teu Deus te dá.
13 NÃO matarás.
14 NÃO adulterarás.
15 NÃO furtarás.
16 NÃO dirás falso testemunho contra o teu próximo.
17 NÃO cobiçarás a casa do teu próximo, não cobiçarás a mulher do teu próximo, nem o seu servo, nem a sua serva, nem o seu boi, nem o seu jumento, nem coisa alguma do teu próximo.
18 E todo o povo viu os trovões e os relâmpagos, e o sonido da buzina, e o monte fumegando; e o povo, vendo isso retirou-se e pôs-se de longe." (TORAH, Livro do Êxodo 20)
Notas:
i - São DEZ os mandamentos. E um tornado específico para os judeus: a guarda dos Sábados (ÊXODO 31:15-18, etc.) Então, não o iremos analisar.
ii - O Primeiro e o Segundo são mandamentos os contra a IDOLATRIA. E não tomar o nome de Deus em vão é o Terceiro. Como  estão relacionados, irei deixa-los para o final.
O Quarto é o Sábado: específico para os judeus; e o Quinto, honrar pai e mãe.
A CONDUTA de Maomé é que irá nos responder a quem ele obedeceu e com os seus lábios, em verdade, honrou.
iii - Sendo assim, iniciaremos a análise pelos cinco últimos. E, ao final e como conclusão, trataremos dos três primeiros.
A análise descarta o SÁBADO e o HONRAR PAI E MÃE. 
Mas, com a seguinte RESSALVA: o Quinto Mandamento mandamentos traz a PROMESSA de longevidade. Todavia, o profeta do Islam não viveu tanto assim. Teria morrido, envenenado, aos 64 anos. E há que se perguntar: por quê?
Moisés, p.ex., morreu aos 120 e com o brilho nos olhos, dizem as Escrituras bíblicas. 
QUESTÃO:
Islam seria SUBMISSÃO.
- Mas...
A QUEM & A QUÊ, exatamente, o seu profeta obedeceu?
- E a quem, consequentemente, obedeceriam  os seus seguidores???
LINK
(Se não abrir, acesse pela data, Ano e mês, no blogue):
http://missaoimpactar.blogspot.com.br/2014/07/vol-01-resposta-ao-isla-sobre-as.html
III - MUHAMMAD  (Maomé ) OBEDECEU AO  SEXTO E AO NONO MANDAMENTOS?
.
- "NÃO matarás"
- "NÃO dirás falso testemunho contra o teu próximo."
(TORAH, Livro da Gênesis 20)
Notas:
i - Há no Alcorão mais de CEM VERSOS SANGUINÁRIOS. E todos eles incitando a VIOLÊNCIA contra judeus e cristãos, principalmente.
Não é sem causa que o Islam se tornou, na opinião de especialistas, a MAIOR MÁQUINA DE ASSASSINATOS da História, principalmente de cristãos (LINK).
E Maomé praticou tais atos baseados em quê?
Em mentiras!
.
ii - Ele MENTIU (SURAS 7:157 e 61:6), dizendo-se predito na Torah e no Evangelho  (LINKS). E tendo sido rejeitado pelos judeus e cristãos esclarecidos, quis vingar-se dos mesmos.
.
iii - POR QUE que qualquer judeu, esclarecido quanto às profecias da Torah, rejeita Maomé? 
A profecia de DEUTERONÔMIO 18:18, sobre um profeta semelhante a Moisés, se refere a um judeu. É exatamente isso que a expressão "DO MEIO DOS SEUS IRMÃOS" significa.
E os judeus são um povo formado (dos descendentes dos) DOZE FILHOS DE ISRAEL, nome que Deus daria, a Jacob, neto de Abraão.
Então: qual o lugar de Maomé nessa história e profecia?
Nenhum.
Além do mais, a profecia já havia se cumprido, 500 anos antes, na pessoa de Jesus  (EVANGELHO DE JOÃO 5:45-46, ATOS DOS APÓSTOLOS 3:18-24).
Abrindo o LINK,  o leitor verá a extensão do engano e do engodo do profeta do e  só para o Islamismo.
.
iv - POR QUE que qualquer cristão, esclarecido sobre as profecias do Evangelho, rejeita Maomé?
- Ele sabe que, depois de João Batista, não há mais profeta, como os que existiram antes da vinda de Jesus. 
João foi o último e o maior de todos, nas palavras do próprio Cristo  (EVANGELHO DE MATEUS 11:9-13).
.
E Jesus foi categórico:
"A Lei e os Profetas profetizaram até João."

Justamente nessa categoria; inclusive portando livros com supostas revelações recebidas; é que Maomé, assim como os Kacou Philippe da vida, se pretendeu colocar.
Mas... 
sequer conhecendo a história de Noé e do Dilúvio. Para ficar num dos muitos exemplos da sua comprovada ignorância, ao tratar das Escrituras, doutrinas e personagens biblicos (GÊNESIS 7:13 e 9:18-19 X ALCORÃO, Sura 11:42-43).
- Todo cristão sabe que os profetas de após a vinda de Jesus seriam enviados  por Ele, Jesus (EVANGELHO DE MATEUS 23:34). Logo, estes profetas precisariam vir  (e pregar) em nome de Jesus. E, consequentemente, somente viriam no ambiente da cristandade.
Maomé não foi enviado por Jesus. Nem falou em nome de Dele. Além de negar o que Jesus ensinou, até sobre Si mesmo (Deidade e Redenção).
.
v - Todo cristão também sabe que:
- Maomé, sendo um mero ser humano, não poderia ser identificado como ESPÍRITO;
- Muito menos (E até pelo rigoroso padrão bíblico.) identificado como SANTO;
- E menos ainda como o Espírito Santo CONSOLADOR.
Principalmente das viúvas e órfãs estupradas por ele e suas tropas, após o assassinato de seus pais e maridos. A ESCRAVIDÃO é o que se apura tanto no Alcorão  (SURA 24:33, 8:65-67,etc. ). E o ABUSO SEXUAL das mulheres, nas Tradições Islâmicas (MUSLIM 8.3243).
Um caso exemplar: Maomé torturou o rabi Kinana, até que este lhe contasse onde estava a sua fortuna. E, mesmo tendo lhe prometido poupar-lhe a vida, o matou. E depois, tomou Safyyia, esposa de Kinana por mulher  (SIRAT RASUL ALLAH, Ibn Ishaq, pág. 515, tradução para o Inglês por A. Guillaume).

E TAIS ATOS?
Dizem respeito ao Monoteísmo?
Ou... a um Satanismo travestido de religião???
É o que todo muçulmano deveria (se) perguntar.
Em especial, os que não fugirem a este DESAFIO.
.
vi - E POR QUE, não bastasse toda a mentirada, qualquer judeu ou cristão esclarecidos rejeitariam Maomé?
Por causa da sua CONDUTA, principalmente sexual. Isso será aprofundado na próxima parte; mas... é preciso adiantar: nenhum profeta do Deus verdadeiro se "casaria" com criança, com sua nora, nem cobiçaria a mulher do próximo, do próprio filho até e ficaria impune (LINK ).
.
vii - ALÉM DE MENTIR, MAOMÉ FEZ PIOR: usou  da mentira para cometer assassinatos (E em massa).
VAMOS AOS EXEMPLOS?

- ALCORÃO, Sura 9:30 - HN:
"E os judeus dizem: "Uzair é filho de Allah." E os cristãos dizem: "O Messias é filho de Allah."
Esse é o dito de suas bocas. Imitam o dito dos que, antes, renegaram a Fé. Que Allah os aniquile!..."
Nota:
Os judeus jamais tiveram a crença num tal Uzair ou Ezra ou Izrã  (Depende da tradução.) como o Filho de Deus.
Trata-se de uma ACUSAÇÃO LEVIANA. 
Já a acusação contra os cristãos não faz o menor sentido teológico (MARCOS 14:60-62; JOÃO 5:18; etc.).
Todavia, tais acusações serviram e ainda servem como "JUSTIFICATIVA" PARA A VIOLÊNCIA cometida até hoje contra os mesmos.
DESAFIE a um muçulmano a mostrar na literatura judaica religiosa, inspirada ou não, uma sequer comprovação da suposta crença atribuída aos judeus. Ele não terá como fazer.
Há 1400 anos a acusação foi feita e a suposta crença posta, por leviandade, na boca deles jamais pode ser comprovada.
E fora do Alcorão e de seus comentários, também mentirosos, nada é encontrado. Nem antes e nem no tempo do profeta.
.
- ALCORÃO, Sura 5:33 - HN:
"A recompensa dos que fazem guerra a Allah e a Seu Mensageiro (...), não é senão serem mortos ou serem crucificados ou terem cortadas as mãos e os pés, de lados opostos, ou serem banidos da terra. (...)."
Nota:
Entende agora onde o Terror da religião "da paz" supõe encontrar legitimidade?
E entenda que fazer "guerra a Allah e a Seu Mensageiro" implica tão somente rejeitar a doutrina maometana.
Mas, aceitar tal doutrina significa rejeitar a verdade, para concordar com mentiras. E todas elas, como estamos vendo,  geradoras de assassinatos.

CONCLUSÃO:
os Mandamentos em questão são:
- "Não matarás"; e
- "Não dirás falso testemunho contra o teu próximo".
E o que fez Maomé  (SURA 9:30)?
Forjou uma ACUSAÇÃO LEVIANA contra os judeus; e uma outra sem sentido aos cristãos; para tentar justificar a sua pregação do EXTERMÍNIO dos mesmos.
Nota Final:
este tema é debatido mais demoradamente em alguns capítulos do meu Resposta Ao Islam  (O Que Todo Cristão Precisa Saber Sobre O Islamismo & A Sua Própria Fé) - Volume 01:
http://missaoimpactar.blogspot.com.br/2014/07/vol-01-resposta-ao-isla-sobre-as.html
.
.
LINKS 
(Se não abrir, acesse pela data os que são deste blogue):

- MAIOR MÁQUINA DE ASSASSINATOS DA HISTÓRIA:
https://islamismoreal.wordpress.com/2015/09/13/isla-a-maior-maquina-de-assassinatos-da-historia/

- Maomé Predito Na Torah? Em Deuteronômio 18:18???  (Nov. 2017)
http://missaoimpactar.blogspot.com.br/2017/11/maome-predito-na-biblia-em-deuteronomio.html

- Maomé Predito Na Bíblia? Livro de Isaías 29:12??? (Novembro 2017)
http://missaoimpactar.blogspot.com.br/2017/11/maome-predito-na-biblia-livro-do.html

- Maomé Predito Na Bíblia? No Evangelho de João???  (Nov 2017)
http://missaoimpactar.blogspot.com.br/2017/11/maome-predito-na-biblia-no-evangelho-de.html
IV - MUHAMMAD OBEDECEU AO OITAVO & AO DÉCIMO MANDAMENTOS?
.
- "Não furtarás";
- "NÃO cobiçarás a casa do teu próximo, não cobiçarás a mulher do teu próximo, nem o seu servo, nem a sua serva, nem o seu boi, nem o seu jumento, nem coisa alguma do teu próximo."  (TORAH, Livro do Êxodo 20)
.
i - Não é preciso insistir na tese de que o roubo nasce  da cobiça. Cobiça do que ao outro pertence.
O exemplo que demos no item anterior, (O Caso Safyyia.),  é emblemático. E merece ser pontuado outra vez, por exemplificar:
- GUERRAS sem causa ou por motivos torpes (SURA 9:30);
- ESPOLIAÇÃO de inocentes, tomados por inimigos  (8:1, 41, 65-67, 48:20-21, etc.);
-  ABUSO SEXUAL de suas viúvas e órfãs, conforme MUSLIM 8.3243, exemplificado no Caso Safyyia, relatado por IBN ISHAQ. E podemos acrescentar dois outros casos, também exemplares: 
- O Caso Juwairyia, filha do chefe do clã Banu Mustaliq  (MUSLIM 19:4292 e BUKHARI 3.46.717);
- O Caso Rayhanah: esta jovem, após a decapitação de 600 a 800 homens do seu clã, Banu Quraiza, teve a dignidade de recusar o Islam e de ser "deposada" por Maomé.
Então, ele a tomou por escrava sexual, de acordo com IBN ISHAQ.
.
ii - UMA QUESTÃO IMPORTANTE:
Quando se fala em guerras da religião, muçulmanos desinformados (Ou intencionadamente mal informados) se atrevem a comparar Muhammad  (Maomé) com Moisés. Ou seja: querem que o banho de sangue da Arábia, depois exportado para a África e a Europa, seja  comparado à conquista da antiga Canaã  (Atuais Israel e Palestina).
MAS...
estão desinformados ou esquecem do óbvio:
A) O FATOR PROFECIA:
A antiga Canaã  ( Atuais Israel e Palestina.) tinha sido prometida por Deus ao povo judeu, antes mesmo dele ser formado (TORAH, Livro da Gênesis 15). 
Deus fez Abraão, por fé, peregrinar aquela terra, como que tomando posse. E o mesmo fariam Isaque e Jacob, filhos e netos do patriarca, dos quais descenderam os judeus. 
.
- QUESTÃO 
(dentro da Questão) 01:
CADÊ, nas Escrituras bíblicas, qualquer  PROMESSA e/ou a PROFECIA sobre Maomé e o Islam?
- Para que pudessem subjugar e exterminar  judeus e cristãos;
- e para que viessem a conquistar outras nações pela espada.
Exterminar judeus e cristãos, como quer a SURA 9:30, é biblicamente impossível. São dois  povos que estarão no final da História. Mas... somente a  ESTUPIDEZ TEOLÓGICA de quem escreveu o Alcorão  (E não pode ser Deus!) não sabia  (MATEUS 24, ZACARIAS 12, etc. e etc.)
O Islam saiu da Arábia, assenhorou-se de Jerusalém, conquistou o Norte da África e chegou à Europa. E os muçulmanos são ensinados que todo esse EXPANSIONISMO, do passado, mediante guerras e escravidão, seriam "ações defensivas". 
A verdade é que Maomé e o Islam sequer estão preditos  (ou diretamente mencionados) nas Escrituras bíblicas.
Indiretamente, Jesus (EVANGELHO) e os escritores do NOVO TESTAMENTO falaram sobre o surgimento de falsas profetas e do crescimento dos conflitos entre as nações.
.
B) O FATOR MANDATO DIVINO:
Moisés recebeu de Deus ordens, tanto para tirar o povo de Israel do Egito. E também pra fazer-lhe entrar e conquistar Canaã, atuais Israel e Palestina. E isso até o Alcorão reconhece (SURA 5:20-21).
O recurso usado seria a GUERRA. Deus tratou diretamente com Faraó, através das pragas e na travessia do Mar Vermelho  (TORAH, Livro do Êxodo).  E o povo judeu, sob a liderança de Moisés e Josué, entrou e tomou posse da terra (LIVRO DE JOSUÉ, etc.).
.
- QUESTÃO
(sobre a Questão) 02:
CADÊ, nas Escrituras bíblicas, algum MANDADO DIVINO para Maomé e seus seguidores exterminar, como tentaram, judeus e cristãos e sair da Arábia, propagando a "religião da paz"??
O Islam fundamentou sua violência, contra judeus e cristãos principalmente, numa ACUSAÇÃO LEVIANA e numa outra sem o menor sentido (SURA 9:30). E a este verso do Alcorão somam-se outros, mais de uma centena, todos igualmente violentos.
Jesus já tinha dito que mentiroso e homicida é o Diabo (JOÃO 8:43-44). E que os filhos do pai da mentira fazem as suas obras. Até mesmo em nome de Deus ou de um suposto  (Ver DESAFIO INICIAL, 2, 3, 4 e 5).
.
C) O FATOR AUTORIDADE MORAL.
Simplificando ao máximo:
1 - Quem eram os habitantes da antiga Canaã, expulsos ou subjugados por Israel, no comando de Moisés e Josué?
Resposta 01:
Um povo de prática sexuais abomináveis:
- Abusadores de mulheres; 
- Sexo e "casamento" entre parentes;
- Mulheres e homens dados a PRÁTICAS HOMOSSEXUAIS.
Resposta 02:
Eram idolatras,  cultivavam a PROSTITUIÇÃO CULTUAL. E ainda faziam pior (no aspecto idolatria): ofereciam SACRIFÍCIOS HUMANOS,  principalmente de suas crianças ao deus Moloch, em fornalhas ardentes.
E é apenas um dos muitos exemplos (TORAH, Livro de Levítico 18 e 20:1-5).
.
2 - MAS...
QUEM ERAM os judeus e os cristãos que Maomé quis exterminar, primeiramente na Arábia e, depois, onde chegasse  o Islamismo?
Monoteístas e os únicos povos a ensinar, desde a Antiguidade e muito antes do Alcorão, a adoração ao Deus único e verdadeiro (TORAH  e EVANGELHO).
E, além disso, observavam a RIGOROSA CONDUTA SEXUAL e moral prescrita naqueles dois conjuntos de livros.
Conduta sexual infinitamente superior a de Maomé. Tanto que o profeta do Islam se deu a práticas dos pagãos expulsos por Moisés e Josué. E não ficou apenas nisso: também se deu as práticas sexuais sequer atribuídas àqueles pagãos justiçados na Torah.
.
E Deus, quando prometeu a Abraão a terra aos judeus  (TORAH, Gênesis 15), falou a razão do extermínio daqueles povos. E fez referência à idolatria e à  PROMISCUIDADE dos mesmos (Levítico 18, 20:1-5, etc.).
Não há, portanto, como comparar judeus e cristãos, de fé monoteísta e conduta rigorosa, com os antigos pagãos da Bíblia.
E os pagãos, conforme veremos a seguir, mais se assemelhavam, em sua conduta sexual promíscua, ao profeta do Islam.
.
3 - E qual a AUTORIDADE MORAL, para Maomé sentenciar à morte,  monoteístas de conduta moral e sexual infinitamente superior a dele???
R - À luz da verdade, nenhuma!
E é justamente por isso que também não há PROFECIA bíblica e nem MANDADO DIVINO para Maomé fazer o que, em nome de um suposto Deus fez: obras do Diabo  (Mentiras e assassinatos.) contra inocentes.
A próxima parte deste artigo amplia a nossa compreensão deste fato. 
.
V - OBEDECEU MUHAMMAD  (Maomé) AO SÉTIMO & AO DÉCIMO  MANDAMENTOS???
- "Não adulterarás."
- "NÃO cobiçarás a casa do teu próximo, não cobiçarás a mulher do teu próximo, nem o seu servo, nem a sua serva, nem o seu boi, nem o seu jumento, nem coisa alguma do teu próximo."
(TORAH, Livro do Êxodo 20)
.
i - Assim como o roubo, o adultério nasce da COBIÇA à mulher do próximo. E até daquelas que não devem ser vistas com concupiscência; mas, com a maior pureza. É o caso das crianças.
.
ii - E qual o comportamento do profeta do Islam, conforme o apurado no próprio Alcorão e nas Tradições Islâmicas? ??
.
iii - Maomé cobiçou sexualmente a esposa de seu próprio filho  (adotivo). E, depois, uma "revelação" seria forjada no Alcorão, concordando   (SURA 33: 37-38). E Deus, a quem o Islam supõe seja Allah, teria se tornado um alcoviteiro (LINK).
.
PIOR PARA O ISLAM:
- Na Torah  (Décimo Mandamento.) a cobiça da mulher do próximo é PECADO MORTAL. E o casamento ou sexo entre parentes é abominação  (LEVÍTICO 18).
- No Evangelho  (PALAVRAS DE JESUS), o apenas olhar para uma mulher com intenção impura já é ADULTÉRIO. E o adultério faz do seu praticante merecedor do INFERNO DE FOGO! E não da admiração idólatra dos desinformados, na suposição de que o Monoteísmo possa ser confundido com um Satanismo travestido de religião.

iv - O profeta, de acordo com as Tradições  (BUKHARI, MUSLIM, etc.), "casou-se" com Aisha, quando esta teria apenas seis anos. E teria consumado o ato sexual com a mesma, quando esta teria nove. 
E há Tradição falando de Aisha sendo vista e até entrando nos sonhos de Maomé, como futura "esposa".
E NÃO FICA NISSO:
A Sura 65:4 - HN, quando honestamente traduzida, faz o quê?
Traz a "revelação" para "casamento" e divórcio  (CONTEXTO) com meninas que sequer já tenham menstruado!
Tal prática sequer é atribuída aos piores pagãos da Bíblia.
.
v - QUESTÃO 
(sobre a Questão):
Será mesmo que o Deus da Torah e do Evangelho concorda com o Alcorão e teria revelado tal Sura???
.
vi - "Abdullah (Ibn Masud) narrou: Nós estávamos num expedição com o Mensageiro de Allah (...) e não tínhamos mulheres conosco. Nós dissemos: Não deveríamos nos castrar? Ele (Maomé) nos proibiu de fazê-lo. E, então, nos concedeu a permissão de contrair casamento temporário por um período específico dando a elas uma roupa. E Abdullah então recitou este verso: "Aos que crêem, não proíbam as coisas boas que Allah permitiu para vocês, e não transgridam. Allah não gosta dos transgressores (SURA 5:87).” 
(MUSLIM, Livro 08, Número 3243) 
NOTA:
De acordo com a "lógica" corânico-islâmica não havia transgressão em estuprar (E há mesmo algum outro termo aceitável?) viúvas e órfãs, no campo de batalha, desde que se contraísse com as mesmas um CASAMENTO TEMPORÁRIO e se lhes oferecesse um presente. Mais tarde, o NIKA AL-MUTAH (casamento por divertimento ou temporário), na prática a prostituição legalizada, faria parte da Escola Shia Usuli, dentro do Xiismo. E se alguém ler nas atuais traduções do Alcorão, a Sura citada por Masud (O primeiro dentre os principais recitadores, de acordo com Maomé, dirá BUKHARI.), perceberá uma tentativa de escamotear o sentido do verso na circunstância empregado.
.
vii - QUESTÃO 
(Sobre A Questão):
- Tendo cobiçado  sexualmente e, depois, se "casado" com a mulher do próximo;
- Sendo este próximo o próprio filho;
- Tendo cobiçado e, depois, se "casado" com uma criança;
- E tendo ordenado o "casamento" com viúvas e órfãs, após o assassinato de seus pais e esposos;
- Obedeceu Maomé a TORAH  (Livro de Levítico 18)?
- Respeitou as PALAVRAS DE JESUS  (Evangelho de Mateus 5:27-29) sobre o adultério e a pureza sexual??
- Ou.... o Islamismo ensina uma VENERAÇÃO IDÓLATRA por um contumaz transgressor dos Mandamentos da Lei e do ensino de Jesus???
.
E AGORA, ISLAM?
Na TORAH, a cobiça à mulher do próximo é PECADO MORTAL.
Não bastasse isso, Maomé cobiçou sexualmente para, depois, se "casar" com a esposa do próprio filho  (adotivo).
Ainda na TORAH, esse tipo de união conjugal não passa, aos olhos de Deus, de ABOMINAÇÃO. Ou seja, prática de que Ele sente nojo.
No EVANGELHO, simples olhar para uma mulher com intenção impura faz do homem um merecedor do INFERNO DE FOGO! Ao contrário de uma VENERAÇÃO IDÓLATRA dos seguidores desinformados de tal pessoa.
MAS... no Alcorão, até uma revelação seria forjada, concordando com os atos  (abomináveis) do profeta.
E Deus, a quem a religião supõe seja Allah?
Seria transformado num ALCOVITEIRO!...
E disso até Aisha se queixa numa Tradição. 
Mas será que o Deus verdadeiro, o da Torah e do Evangelho, aceita mesmo que se transgrida aos seus Mandamentos???
- "Não adulterarás."
- "NÃO cobiçarás a casa do teu próximo, não cobiçarás a mulher do teu próximo, nem o seu servo, nem a sua serva, nem o seu boi, nem o seu jumento, nem coisa alguma do teu próximo."  (TORAH, Livro do Êxodo 20)
.
NOTA IMPORTANTÍSSIMA:
Aos líderes do Monoteísmo verdadeiro ordenou Deus na Torah que não praticassem a POLIGAMIA. No geral, era o Sumo-Sacerdote, podendo a liderança espiritual da  nação  ser exercida também pelo rei ou um profeta. Casos de Davi, Salomão, Eliseu e de Elias. Aos reis, embora muitos tenham  desobedecido, não era permita a poligamia. E nem eram eles o principal líder, mas o sacerdote.  No DESAFIO 08, analisei a questão. E Maomé, tendo se "casado" e até ordenado "casamento" com meninas que sequer ainda menstruaram (SURA 65:4 - HN/ Tradições Islâmicas), se colocou em que condição? 
Na condição de quem praticou e ordenou que se praticasse uma ABOMINAÇÃO sequer atribuída aos piores pagãos da Bíblia. E isso é o Islam, praticado por seu profeta, bom ou péssimo exemplo de conduta sexual? A palavra pureza não cabe aqui.
Islam seria SUBMISSÃO.
Mas... A QUEM e A QUÊ  o seu profeta obedeceu???
- Ao Deus verdadeiro, da Torah e do Evangelho?
Aos seus  (baixos) instintos??  Ao Diabo???
.
VI - MUHAMMAD  (MAOMÉ) OBEDECEU OS TRÊS PRIMEIROS MANDAMENTOS???
.
- "Eu sou o Senhor teu Deus...
3 NÃO terás outros deuses diante de mim.
(...)
7 NÃO tomarás o nome do Senhor teu Deus em vão; porque o Senhor não terá por inocente o que tomar o seu nome em vão."
(TORAH, Livro do Êxodo 20).
.
i - Os três primeiros  Mandamentos são contra a prática da IDOLATRIA. E estão, obviamente, relacionados contra o FALSO JURAMENTO, assim como o INVOCAR COMO SE FOSSE DEUS  A UM  OUTRO SER. 
E quem seria o ser por detrás do nome Allah no Alcorão, a quem o Islamismo supõe seja Deus?
O mesmo Deus das Escrituras bíblicas??
E será mesmo que o Deus bíblico permitiria alguém fazer o que Maomé fez,  e que atribuísse a Ele (YHWH) o que está no Alcorão???
.
ii - O Monoteísmo pressupõe adoração ao Deus verdadeiro.
E eu dediquei boa parte deste DESAFIO à Caravana de Dawah em desmascarar, no Alcorão, QUEM está por detrás do nome Allah.
No DESAFIO 02: um ser que sequer soube traduzir o nome Jesus  (Yeshua ou Josué) para o Árabe.
Jesus não é Issa. E Issa é Esaú, nome de um obscuro personagem, além de significar "rubro"; e não "Deus salva". 
Mas... 
que deus MAU TRADUTOR é esse?
.
iii - No DESAFIO 03 e 04: um ser maligno e ignorante (SURA 9:30). Ele foi capaz de atribuir aos judeus uma crença que eles nunca tiveram. Além de fazer aos cristãos uma acusação sem o menor sentido e própria da estupidez teológica. 
Tal autor do Alcorão  (E seria mesmo Deus?) usou de uma ACUSAÇÃO LEVIANA para quê? 
Tentar justificar a violência e pregar o EXTERMÍNIO daqueles dois povos.
E o Deus das Escrituras bíblicas faria isso com os descendentes de Abraão e os seguidores de Jesus?
Mas...
que deus Allah LEVIANO, MALIGNO e IGNORANTE seria esse???
.
iv - No DESAFIO 05, mostramos que, além de plagiar e distorcer as Escrituras bíblicas, o tal Allah FORJOU ESTÓRIAS, COMO SE FOSSEM REVELAÇÕES.
E o Deus verdadeiro precisaria apelar para tais expedientes??? 
Até mesmo como um ALCOVITEIRO podemos identificar o deus do Alcorão. Ele forja "revelações", tão somente para atender aos CAPRICHOS SEXUAIS do profeta (SURA 33:37-38). E disso até mesmo Aisha, nas Tradições Islâmicas se queixa, contundentemente:
.
.
 “Narrou Aisha:
Eu menospreza aquelas moças que davam a si mesmas ao Apóstolo de Allah e tive de dizer: ‘Pode uma moça dar a si mesma (a um homem)?’ Mas, quando Allah revelou: ‘Podes abandonar, dentre elas as que desejares e tomar as que te agradarem, e se desejares tomar de novo (temporariamente) a qualquer delas que tiveres abandonado, não terás culpa alguma.’ (33:51). Eu disse (ao Profeta): ‘Sinto que teu Senhor se apressa em cumprir seus desejos e vontades.’.”
(BUKHARI, Vol. 06, Livro 60, Número 311).
.
De fato, a PROMISCUIDADE de Maomé foi levada para o próprio livro. No Alcorão, o paraíso é descrito como um harém. E pior para o Islam: Jesus foi taxativo em afirmar:
.
"Na RESSURREIÇÃO, não se casam, nem se dão em casamento; são, porém, como os anjos no céu."
(EVANGELHO DE MATEUS 23:30)
.
Logo quem escreveu o Alcorão  (E não pode ser Deus!), óbvio: promete o que não há.
E nem mesmo a ESCAPATÓRIA dos muçulmanos da companhia do lugar de tormento e companhia dos demônios poderia prometer. Jesus já tinha dito: tal escapatória não há  (EVANGELHO DE LUCAS 16 X SURA 19:67-72).
E que deus Allah é esse, DISSIMULADO, DISSIMULADOR (Sura 3:54), e que promete o que não há?
A este Allah, nada a ver com o Deus das Escrituras bíblicas, o profeta do Islamismo disse adorar. E, em seu nome,  transgrediu de maneira contumaz todos os mandamentos da TORAH  (Livro do Êxodo 20). Embora devemos excetuar a guarda do Sábado  (próprio dos judeus) e o honrar pai e mãe, até por ausência de informações sobre Maomé.
E o Alcorão é paupérrimo em informações sobre o profeta do Islam...
Além disso, conforme a SURA DE ABERTURA do Alcorão, o deus de Maomé é um ser que ora e diz adorar a QUEM não sabemos.
Pelos ATOS DO PROFETA, não fica difícil a qualquer pessoa, que se queira esclarecida, imaginar.
E ENTÃO?
Maomé adorou e obedeceu a quem e a quê?
Ao deus bíblico e aos Mandamentos da Torah???
Sim ou não???
IMPORTANTE:
A resposta a esta pergunta está em saber QUEM, em verdade, seria o deus ALLAH, conforme o meu artigo Allah: A Idolatria (Mascarada) No Islam.
https://missaoimpactar.blogspot.com/2019/09/allah-idolatria-mascarada-no-islam.html?m=1
QUEM TEM ouvidos ouça; e quem lê, entenda:
.
- "E conhecereis s verdade vos libertará." 
(PALAVRAS DE JESUS, Evangelho de João 8:32.)
.
- "Tu (YHWH) destróis os que proferem mentira; o SENHOR abomina ao sanguinário e ao fraudulento."
.
- "Ora, o fim (A FINALIDADE) mandamento (O AMOR A DEUS E AO SEMELHANTE  é o amor de um coração puro, e de uma boa consciência, e de uma fé não fingida.
Do que, desviando-se alguns, se entregaram a vãs contendas;
Querendo ser mestres da lei, e não entendendo nem o que dizem nem o que afirmam."
(PRIMEIRA CARTA A TIMÓTEO 1:5-7)

.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.

DESAFIO FINAL
(À Caravana de Dawah & demais muçulmanos):
- TRINDADE:
- O ISLAM ESTÁ APTO À DISCUSSÃO?
- E O SEU PROFETA: ESTAVA???
- Se estão, QUE TAL  darem eles resposta a TRÊS QUESTÕES sobre a Questão?
TESTE DE QUALIFICAÇÃO!
INTRODUÇÃO:
i - Este é o Décimo desafio. E sua proposição tende a ser transformada em livro. Ainda que nenhum membro da tal Caravana tenha se identificado como tal, no  Bíblia & Alcorão, para o responder. 
Se não ficou o debate, fica a proposição e a pertinência dos motivos. E que sirvam de SUBSÍDIOS aos cristãos que se disponham a refutar as mentiras ditas pela religião contra as Escrituras bíblicas. Principalmente, para os que querem (E porque devem.) fazer isso, com O MÍNIMO essencial de informações. O BÁSICO pode ter obtido nos meus artigos e livros, publicados nas redes. E, no final de cada obra sobre o tema, há uma rica bibliografia. Ela é indicada aos que querem um CONHECIMENTO  APROFUNDADO e resposta ao tema: Allah é Deus? Muhammad  (Maomé) seria mesmo profeta do Altíssimo?? E o Alcorão: seria de YHWH a Palavra???
.
ii - Pois bem. Não há nada pior, em um debate sério, do que discutir com alguém com o seguinte perfil:
- Põe-se a falar mal do que não sabe;
- e insiste fazer ousadas afirmações sobre o que deveria melhor se informar.
Este é o testemunho de Paulo, a respeito dos falsos mestres do tempos dos apóstolos  (PRIMEIRA CARTA A TIMÓTEO 1:5-7). E é o que posso dizer do autor do Alcorão  (E não pode ser Deus!), ao tratar das Escrituras, doutrinas, fatos e personagens bíblicos. Principalmente, no que diz respeito à fé cristã. O termo e o conceito TRINDADE fazem  parte da sua desinformada compreensão. E se alguém pensa o contrário, terá a oportunidade de demonstrar. É para isso que serve o debate e os Desafios.
iii - MAS...
A proposta deste DESAFIO não é provar se o termo e o conceito TRINDADE são ou não corretos. E nem mesmo dizer se a doutrina encontra ou não sua fundamentação nas Escrituras bíblicas. 
Este DESAFIO propõe, então, o quê exatamente?
Verificar, através de um TESTE DE QUALIFICAÇÃO, se quem escreveu o Alcorão estava apto a debater o tema. Pois isso é feito, no Alcorão (SURAS 4:171, 5:116, 5:73, etc). E resta-nos perguntar: com o devido conhecimento de causa?
.
iv - Em se concluindo que o autor do Alcorão não estava qualificado para o debate, a CONCLUSÃO ÓBVIA é de que os seguidores da religião também não estão. 
E daí, a perda de tempo no discutir tal assunto com os tais. A menos, óbvio,  que passem a saber bem mais do que o seu deus e profeta.
Mas...
que deus seria esse?
E que profeta???
SOBRE ALLAH & MAOMÉ:
Os Desafios Inicial, 2, 3, 4 e 5 foram feitos para mostrar QUEM seria o ser que se esconde por detrás do nome Deus, no Alcorão.
O Desafio 06 mostra que Maomé não foi predito nas Escrituras biblicas (Nem mesmo em ISAÍAS 29:12!). Assim como o Desafio 08 comprova que nenhum líder principal do verdadeiro Monoteísmo poderia ser praticante da poligamia. E o que dizer da Pedofilia e do estupro???
No Desafio 09, uma QUESTÃO CRUCIAL foi posta em pauta. Maomé: PRATICANTE OU TRANSGRESSOR contumaz da Torah???
Da resposta a esta pergunta dependerá a atenção a ser dada ao Alcorão e o seu profeta. E até mesmo sobre o TERMO e o CONCEITO Trindade, obviamente.
Vamos ao TESTE de qualificação?
Como eu digo num dos meus livros, não precisamos crer ou aceitar como verdade determinados ensinamentos. Mas, até para expor a nossa discordância se faz preciso que tenhamos dos mesmos uma compreensão não equivocada. È inaceitável, à honestidade intelectual e à Teologia,  o falar mal (Ou falar por falar.) do que não se sabe. 

II - TESTE DE QUALIFICAÇÃO
(Ou Um Desafio Em Três Questões Sobre A Questão):
.
"ALCORÃO, Sura 5:116 - HN-a:
"E lembra-lhes de quando Allah dirá: "Ó Jesus, filho de Maria. Disseste tu aos homens: "Tomai-me e a minha mãe por dois deuses, além de Allah?".
QUESTÕES SOBRE A QUESTÃO:
Maomé faz referência à TRINDADE na SURA 4:171. E  usa, varias vezes o Alcorão, a palavra "thalathah" (como se fosse Três). Mas... três "não poderia nunca ser traduzido ou entendido como Trindade" (John Gilchrist).
Estamos diante de uma deficiência semântica ou de um ERRO INTENCIONAL de tradução. E seria o mesmo o que aconteceu com a  "tradução" de Yeshua (Jesus ou Josué) por Issa  (Esaú)? E, quem sabe, para dissimular o real significado do nome (Deus salva)??? Ou teria o comprovadamente  ignorante deus do Alcorão, assim como fez confusão entre Maria e Miriam (19: 27-28),  confundido Jesus com o irmão de Jacob?
Voltando ao tema: NÃO foi com esse significado (Três.) que o termo e conceito Trindade  foram adotados e sempre utilizados. Veremos isso, mais adiante.
PIOR é como, pela Sura 5:116,  Maomé definiria a Trindade.

QUESTÃO 01:
Maomé e o deus do Alcorão, ao falar da Trindade: fazem a REFERÊNCIA CORRETA?
Ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo (Expressão de Jesus em Mateus 28.) ou... ao PAI, ao FILHO e à... MARIA???

QUESTÃO 02:
Os muçulmanos de hoje, ao falar da Trindade, fazem REFERÊNCIA À QUEM?
Ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo  (corretamente) ou... ao Pai, ao Filho e à Maria (incorretamente)???

QUESTÃO 03:
QUE DIZER de um deus e de um profeta, cujos seguidores podem, se quiserem,  saber mais do que eles sobre determinados assuntos?
E os seguidores de tais deus, profeta e livro?
Estariam mesmo em condições de  fazer qualquer debate sobre as Escrituras biblicas??? 
Ainda mais, tomando por  "fundamento" o que dizem o seu deus, livro e profeta..."
Extraído de
TRINDADE  (Em 03 & Outras 07 Questões):
http://missaoimpactar.blogspot.com/2019/08/trindade-em-03-outras-07-questoes.html?m=1

III - PALAVRA FINAL:
Prezado muçulmano;
a sua opinião, sem antes  primeiramente responder ao TESTE DE QUALIFICAÇÃO, não me interessa  e nem a este DESAFIO.
E como eu disse, eu não propus estas QUESTÕES para provar se a doutrina da Trindade é a mais correta sobre Deus ou se tem ou não fundamento bíblico. 
Também não quero tratar de OBVIEDADES. Quem primeiro ensina o Monoteísmo são a TORAH e os escritores do Antigo Testamento; assim como o EVANGELHO e os escritores do Novo Testamento. Depois de dois mil anos da Torah e mais de 500, após o Evangelho, é que viria o Alcorão, dizendo o óbvio: Deus é um e único. Mas... isso até Satanás já sabia  (TIAGO 2:19) e bem antes que qualquer ser humano!
O que temos sobre Deus, para a revelação do seu caráter, atributos, ações são as Escrituras por Ele reveladas. E, por elas, Deus é um ser complexo e que está além da nossa compreensão. E não pode ser reduzido a um número  (Embora seja em sua natureza ou essência um.) e a um ser limitado.
Maligno, nem pensar! Isso é contra a sua identidade.
E sendo o TODO-PODEROSO, pode ser como é e se permitiu revelar, nas Escrituras. E jamais será como queira qualquer vã filosofia, aquém ou que se queira ir além do que está escrito e revelado  (TORAH, Deuteronômio 29:29; 2 JOÃO 9-11, etc.).
A minha convicção pessoal pode ser conhecida, lendo o leitor o meu artigo TRINDADE (Em Três & Outras Sete Questões).
E por uma questão de princípios: não debato o tema com muçulmanos. Sem que, primeiramente, estes respondam ao TESTE DE QUALIFICAÇÃO com a honestidade e dignidade exigidas. Falta encontrar.  E que Deus nos ilumine!
Meditação:
"Porventura, desvendarás os arcanos de Deus ou penetrarás até a perfeição do Todo-Poderoso? Como as alturas dos céus é a sua sabedoria; que poderás fazer? Mais profunda é ela do que o abismo; que poderás saber?"  (LIVRO DE JOB 11:7-9)
FONTES DE ESTUDOS E PARA CONSULTAS:
.
.
1 – A BÍBLIA SAGRADA:
- Bíblia Online NVI;
- Bíblia Sagrada ACF, RA. RC e outras versões.

2 - ALCORÃO:
- Fonte digital: Centro Cultural Beneficente Árabe Islâmico de Foz do Iguaçu (RocketEdition);
- Tradução de Sentido do NOBRE ALCORÃO Para A Língua Portuguesa, realizada por Dr. Helmi NASR. (Por ordem e às   expensas do Rei Fahd, da Arábia Saudita).


3 – AUTORES:
. Andrew Rippin:
- Muçulmanos Suas Crenças e Práticas.
. Don Richardson:
- Segredos do Alcorão.
. John Gilchrist:
- Enfrentando O Desafio Muçulmano;
- Jam Qur´an  (A Codificação do Texto Corânico).
. Joshua Lingel:
- Reconsiderando a Vocação.
. Lee Strobel:
- Em Defesa de Cristo.
M. (Marcos Antonio) Madsaiin Dias:
- Resposta Ao Islã (O que todo cristão precisa saber sobre o Islamismo & sobre a sua própria fé) – Vols. 01, 02 e 03;
- A Bíblia & O Islã: 50 Perguntas (Cujas respostas precisam soar mais alto do que o silêncio islâmico & do que as contradições corânicas);
- Maomé: Predito Na Bíblia?(O Que Dizem As Sagradas Escrituras);
- Manual Defesa da Fé Cristã (Contra Os Ataques do Islamismo) – Vols. 01, 02 e 03;
- Muhammad (Maomé): Predito Na Bíblia? (O Que Dizem As Sagradas Escrituras);
- Crer ou Crer na Trindade (Implicações & Apontamentos Históricos). *
. Toby Lester:
- O Que é O Corão? Uma Análise Histórico-arqueológica.
. W.H.T. Gairdner:
- A Vida Real de Maomé.
. Jay Smith:
- A Bíblia e o Corão, Uma Comparação Histórica;
- Evidências Para A Autoridade da Bíblia – Uma Apologética Cristã; - Autoridade do Corão – Uma Crítica Interna;
- O Corão: Uma Análise Apologética;
- Maomé – Uma Apologética Cristã;
- OUSARÍAMOS CONFRONTAR? Um chamado a um novo paradigma de evangelismo a muçulmanos.
- Apostilas e DVDs da Amal (M3), Curso de missões e evangelismo.
- Artigos publicados originalmente no blog MISSÃO IMPACTAR e no grupo Bíblia & Alcorão / Facebook.
(*) Obra ainda inédita.


















.
APÊNDICE:

CALANDO O ISLAM SOBRE PAULO & O EVANGELHO.



EPÍGRAFES:
- "Olhai, pois, por vós, e por todo o rebanho sobre que o Espírito Santo vos constituiu bispos, para apascentardes a igreja de Deus, que ele resgatou com seu próprio sangue."
(ATOS 20:28)

- "Querendo ser mestres da lei, e não entendendo nem o que dizem nem o que afirmam."
(1 TIMÓTEO 1:7)

- "Aos quais convém tapar a boca; homens que transtornam casas inteiras ensinando o que não convém..."
(TITO 1: 11)


I - CONTEXTUALIZAÇÃO / Introdução:
.
Há VÍDEO circulando na Internet e foi recentemente compartilhado no Bíblia & Alcorão, grupo de debates do Facebook, do qual sou um dos administradores.
E do que se trata?
Certo indivíduo, tentando distorcer as Escrituras bíblicas, para, então, tentar fazer prevalecer a sua SUPOSIÇÃO: os Evangelhos bíblicos não seriam a Palavra de Deus. E, ainda de acordo com tal SUPOSIÇÃO: sendo os referidos livros segundo Mateus, Marcos, Lucas e João; e tendo Paulo usado a expressão "o meu Evangelho", os referidos livros não seriam o Evangelho de Cristo.
Será que o indivíduo tem a mínima noção do que fala???
As RÉPLICAS que dei aos que postaram tais disparates no grupo, assim como TESTEMUNHO dos apóstolos e primeiros discípulos e do próprio Jesus a respeito de Paulo, respondem à QUESTÃO  (Vídeo fraudulento ou não???).
E que o leitor tire as suas próprias CONCLUSÕES.
LINK da publicação:
https://www.facebook.com/groups/Biblia.Alcorao/permalink/1477802132368093/

II - AS RÉPLICAS:
.
i - VAMOS SER HONESTOS 01 
(&,  para início de conversa, nos perguntar):
.
1 - Quem são os autores das Escrituras bíblicas?
R - "Homens santos inspirados (movidos) pelo Espírito Santo" (2PEDRO 1: 21)
.
2 - E quem teria ditado o Alcorão??
R - Um homem que NÃO obedeceu a Torah e o Evangelho, além de ter tido uma conduta sexual pior que dos piores pagãos da Bíblia  (LINK).
.
3 - A quem ouvir???

https://missaoimpactar.blogspot.com/2020/01/muhammad-maome-obedeceu-torah-o-islam.html?m=1
IMPORTANTE:
Se não abrir o link, acesse o artigo neste blogue, pela data (Ano e mês.) de sua publicação.


ii - VAMOS SER HONESTOS 02 
(& Comparar a honestidade das TRADUÇÕES):
.
1 - No VÍDEO o muçulmano, citando  TRADUÇÕES de 2 TIMÓTEO 3:17-18, quer ver problema em "divinamente inspirada" e "inspirada por  Deus", como se a A MESMA COISA não estivesse sendo dita de MANEIRAS DIFERENTES.
Ora, não há nada "inspirado por  Deus" que não seja "divinamente inspirado".
Claro ou precisa desenhar?
.
2 - VAMOS COMPARAR?
2 Timóteo 3:17-18 X SURA 65:4:
.
A - TRADUÇÕES de 2 Timóteo 3:17-18: "divinamente inspirada" por   (ou para) "inspirada por Deus".
Questão:
Há alguma ALTERAÇÃO do sentido?
Não.
.
B - "NO ALCORÃO (SURA 65:4), QUANDO A VERSÃO É MAIS HONESTA, APURA-SE A PRÁTICA DE “CASAMENTOS” COM MENINAS IMPÚBERES, OU SEJA: CRIANÇAS QUE SEQUER MENSTRUARAM.
.
1 – SURA 65:4 (Versão eletrônica):
“Quanto àquelas, das vossas mulheres, que tiverem chegado à menopausa, se tiverdes dúvida quanto a isso, o seu período prescrito será de três meses; o mesmo se
diga, com respeito àquelas que ainda não tiverem chegado a tal condição; e, quanto às grávidas, o seu período estará terminado quando derem à luz. Mas, a quem temer a
Deus, Ele lhe aplainará o assunto.”
NOTAS:
- Fonte digital: Centro Cultural Beneficente Árabe Islâmico de Foz do Iguaçu, num download feito por mim em 2014.
- O texto, quando lido no seu contexto, classifica os tipos de mulheres de quem, após cumprido certo trâmite, se podia Maomé e os islâmicos delas se DIVORCIAR. Nessa tradução, elas são: as “que tiverem chegado à menopausa”, as “que ainda não chegaram a tal condição” e as grávidas. E tudo leva supor tratar-se apenas de mulheres adultas.
- Mas... NÃO É ISSO que uma versão mais honesta nos mostra.
.
2 – SURA 65:4 (Versão Corânica Dr. Helmi NARS):
.
“E, aquelas de vossas mulheres, que não mais esperam o menstruo, sua ciddah , se duvidais, será de três meses e, assim também, a das que não menstruam (2). E as mulheres grávidas, seu termo será o deporem (3) suas cargas. E quem teme a Allah, Ele lhe fará facilidade em sua condição.”
Notas:
a) Este verso classifica as mulheres de quem se podia divorciar.
b) São três as categorias: a) as “que não mais esperam o menstruo” (AS IDOSAS); b) mulheres grávidas; c) e as “que não menstruam”. Estas, segundo a nota 02, à página 945, da versão do Dr. Helmi Nars, são as IMPÚBERES: meninas que nem ainda  tiveram menstruação. Fica claro a pedofilia como um ato “normal” e coisa ordinária. O que nos leva inferir que o Caso Aisha teria sido romantizado para encobrir uma prática social.
c) A versão do Dr. Helmi Nars, mais honesta que as da internet hoje disponibilizadas e politicamente corretas, foi impressa e o seu Árabe revisado na Arábia Saudita."
Extraído de A Cultura do Estupro No Alcorão & Nas Tradições Islâmicas (LINK).
.
- QUESTÃO:
Houve ALTERAÇÃO de sentido?
Sim. Houve SUBTRAÇÃO de informações.
E para quê?
Para não deixar evidente a PEDOFILIA no livro.
LINK:
https://missaoimpactar.blogspot.com/2017/12/a-cultura-do-estupro-no-alcorao-nas.html?m=1

iii - VAMOS SER HONESTO 03
(& analisar como o indivíduo, por não entender o uso de uma expressão, quis manipular o sentido em que foi empregada):
.
A pessoa que  fala no VÍDEO  somente pode ser classificada como um ESTÚPIDO TEOLÓGICO.
Vejamos:
1 - Ele supõe (E aqui é ignorância mesmo.) que, pelo fato de Paulo ter usado a EXPRESSÃO "segundo o meu Evangelho", ele teria pregado (Já que nem escreveu qualquer Evangelho...) um outro Evangelho.
A expressão está em 2 TIMÓTEO 2:8.
E pior para o muçulmano:
neste mesmo versículo, Paulo se refere a Jesus descendente (no aspecto humano de Davi) e ressuscitado.
E em que isso diferencia do Evangelho de Marcos, Mateus, Lucas e João e assim chamados porque escritos por eles?
Em nada!
.
2 - E qual o sentido do que Paulo disse?
O Evangelho que eu prego.
.
3 - E qual o Evangelho Paulo pregava?
O Evangelho que ele recebeu do Senhor Jesus.
Tanto que o próprio Paulo diz (1 CORINTIOS 11:23):
"Porque eu recebi do Senhor o que também vos entreguei...."
E o que Paulo recebeu de Jesus?
O mesmo Evangelho dos apóstolos e primeiros discípulos; sendo isto reconhecido pelos principais apóstolos. (GÁLATAS 2:1-10).
.
CONCLUSÃO:
Por que a pessoa do vídeo se mostra tão estúpida a respeito de Paulo e do que ele escreveu?
Ela não deve ter a mínima noção da importância de Paulo para a igreja, para o principal dos apóstolos (Pedro) e para o próprio Jesus, de quem Paulo era servo e fiel seguidor.
E o leitor poderá medir tal importância, abrindo o LINK.
E depois se perguntar:
1 - A QUEM ouvir sobre Paulo?
2 - A igreja, a Pedro e ao próprio Jesus??
3 - Ou... a um seguidor de um profeta que sequer conhecia a história de Noé e do Dilúvio (PRINT),  além de ter se tornado num contumaz TRANSGRESSOR da Torah e  do Evangelho (LINK)???
.
https://1.bp.blogspot.com/-ORNI0Drs860/XjFSIuHub4I/AAAAAAAAEoA/bMV8i1h6uI4uLh3ATDTzgQtFdQTgWSGzwCLcBGAsYHQ/s640/FB_IMG_1580286824461.jpg
LINK:
https://missaoimpactar.blogspot.com/2019/10/o-que-04-responder-ao-islam-sobre-paulo.html?m=1
.
iv - VAMOS SER HONESTO 04 
(& provar, através de PERGUNTAS SIMPLES que o indivíduo do vídeo  não tem noção do que fala):

1 - E POR QUE
os Evangelhos são segundo os apóstolos de Jesus?
Qual é a base bíblica para que seja assim??
Será que a pessoa do vídeo saberia responder???
.
2 - Onde estaria escrito que Jesus, sendo o Verbo, escreveria qualquer livro?
Que tal o Islamismo responder???
.
3 - O Evangelho foi escrito por apóstolos e pelos primeiros seguidores de Jesus.
O que até o Alcorão diz sobre os mesmos?
E o que será que o indivíduo do vídeo sabe (contra) que o autor do Alcorão não sabia???
EM TEMPO:
Irei responder estas perguntas ao final, caso o autor e quem postou o VÍDEO não o façam.
.
v - VAMOS SER HONESTO  05
(& ajudar o indivíduo do vídeo entender O QUE É INSPIRAÇÃO DIVINA e, depois, questionar a autenticidade  do Alcorão):
.
1 - ESCLARECENDO:
i - A Bíblia é a palavra de Deus?
Sim.
ii  - E por quê?
Primeiramente por que ela é A PALAVRA DA VERDADE.
E por isso ela traz PROFECIAS e MANDAMENTOS de Deus, através de seus profetas, anjos ou Dele mesmo falando pessoalmente.
Mas...
a Bíblia conta, também, a VERDADE sobre acontecimentos e sobre a HISTÓRIA de povos e pessoas. E, logo, registra com VERDADE o que tais pessoas e povos fizeram ou disseram.
ii  - E o que tais pessoas e povos e até seres disseram era inspiração divina (Ou a Palavra de Deus)?
Não necessariamente.
Todavia, 
o REGISTRO verdadeiro do que tais povos e pessoas  disseram, ainda que Deus não concordasse com o que tenham dito ou fizeram, é Palavra de Deus???
Sim. 
DEMONSTRAÇÃO:
Na TORAH (Gênesis 3), Deus inspirou Moisés a deixar um REGISTRO do pecado de Adão e Eva.
Deus concordou com o que fizeram e disseram (e ficaria registrado)?
Não.
Mas... Deus fez o seu próprio REGISTRO, através de Moisés, do que  Adão e Eva fizeram e disseram???
Sim. 
E isso (O REGISTRO) é a Palavra de Deus???
Sim.
Tanto é que está na Torah, a qual até o Alcorão  (SURA 5:46-48) reconhece ser Palavra de Deus, a quem o Islam  supõe que seja Allah.
.
2 - QUESTIONANDO O ISLAM (01):

https://1.bp.blogspot.com/-corXWYxO7bY/XimQx6xtDrI/AAAAAAAAEmQ/w7Vox4xhRYwbauN67G3h-qcRZP00GKV6QCEwYBhgL/s640/Screenshot_2019-12-29-07-06-02.png

 QUESTÃO:
A mentira é palavra de Deus?
E o fato dela estar num livro tido por sagrado transforma a mentira em verdade???
Não.
E o Islam  (PRINT) não tem como provar a ACUSAÇÃO LEVIANA feita pelo autor do Alcorão  (E não pode ser Deus!) aos judeus e aos cristãos.
E agora, Islam?
E nem mesmo a IGNORÂNCIA é a Palavra de Deus; ainda que ao mesmo atribuída, como é o caso (dentre muitos) da SURA 11:42-43: a suposta morte de um suposto filho de Noé no Dilúvio.
.
3 - QUESTIONANDO O ISLAM  (02):
.
O indivíduo do vídeo, na sua ESTUPIDEZ TEOLÓGICA, supõe que o fato da Bíblia trazer o REGISTRO  (inspirado) de palavras de outros seres e pessoas, além de Deus, então ela não seria totalmente inspirada.
Ele NÃO TEM NOÇÃO das implicações do que diz.
DEMONSTRAÇÃO:
- ALCORÃO, Sura 1:5-6:
"Só a Ti adoramos e só de Ti imploramos ajuda.
Guia-nos à senda reta."
Questão:
SE o Alcorão é tão somente a palavra de Allah, a quem o Islam supõe ser Deus, QUE TAL o indivíduo do vídeo e quem o postou responder:
- A QUEM Allah orava?
- COM QUEM orava, já que o texto está no plural??
- E A QUEM ele diz adorar? Seria a um ser tão maligno quanto ele (LINK)???
LINK:
Islam. 
https://missaoimpactar.blogspot.com/2019/09/allah-idolatria-mascarada-no-islam.html?m=1

vi - VAMOS SER  HONESTOS 06
(& provar como o indivíduo do vídeo se mostra SEM NOÇÃO do que afirma a respeito dos Evangelho bíblicos. E saberia as IMPLICAÇÕES, quando confrontado com a história da COMPILAÇÃO do Alcorão? ).
.
1 - Ele alega que os Evangelhos bíblicos não seriam de Cristo, porque são segundo  (Narrativas de.) Mateus, Marcos, Lucas e João. 
Mas... quem eram estes escritores?
E o que o próprio Alcorão diz sobre os mesmos???
Estou aguardando a resposta do autor ou de quem postou o vídeo.
Se não responderem, respondo no final.
.
2 - ACONTECE, PORÉM...
que as SOBRAS do Alcorão (Diria Ibn Umar.), que o Islam teria hoje em mãos, seria segundo  (COMPILAÇÃO de.) Zaid Ibn Thabit.
PIOR PARA O ISLAM:
Zaid não foi o único compilador ou editor do Alcorão. Houve mais de DEZ COMPILADORES, inclusive MASUD e UBAY KAB, apontados por Maomé como os principais recitadores.
E o que aconteceu com os seus Alcoroes compilados? 
Foram QUEIMADOS pelo terceiro califa, UTHMAN.
E o Islam até poderia ter o ou um Alcorão, segundo Masud, Kab e muitos outros.
.
3 - PIOR AINDA MAIS PARA O ISLAM:
As SOBRAS do Alcorão que restou, a COMPILAÇÃO de Zaid, foi rejeitada pelo principal dos recitadores apontado por Maomé.
Ora, PEDRO, o principal dos apóstolos, tinha MARCOS como filho, não rejeitou os livros de LUCAS e até elogiou a sabedoria divina de PAULO. Mateus e João eram também apóstolos.
Dá para comparar???
.
JÁ MASUD,  DISSE SOBRE O ALCORÃO:
- "As pessoas foram acusadas de embuste (engano) na leitura do Alcorão. Eu prefiro que seja melhor ler de acordo com a recitação dele (Muhammad), a quem eu amo, do que com a (recitação)de Zaid Ibn Thabit."
(IBN SAD, Kitab al-Tabaqat al-Kabir, Vol. 02, pág. 444).
QUESTÃO:
Para Masud, o Alcorão de Zaid não era o da recitação de Maomé.
Então, QUAL SERIA O ALCORÃO VERDADEIRO?
As SOBRAS do que restou, diria Ibn Umar??
Ou... um dos mais de dez, QUEIMADOS pelo terceiro califa, de acordo com Sahih Bukhari???
LINK:
https://missaoimpactar.blogspot.com/2018/08/cap-04-alcorao-apontamentos-para-uma.html?m=1

vii - VAMOS SER HONESTOS 07
(& responder para o indivíduo do vídeo e para quem o postou as perguntas que eles NÃO souberam responder; tendo-se em vista as IMPLICAÇÕES das respostas):
.
1 - POR QUE 
os Evangelhos são segundo os evangelistas e/ou apóstolos de Jesus?
R - Porque Jesus jamais disse que iria escrever qualquer livro. Porém, Ele ordenou aos seus apóstolos e primeiros discípulos que:
a) Pregassem o seu EVANGELHO  (Boas novas de salvação.) a todas as criaturas.
b) E, como parte da mesma ordem, também ordenou-lhes que ENSINASSEM, em todas as nações, TODAS AS COISAS que Ele tinha ordenado.
c) Além disso e para isso, prometeu-lhes o Espírito Santo e para quê? ENSINAR-LHES e fazer-lhes SE LEMBRAR tudo o que Jesus lhes tinha dito.
Em resumo: além da MEMÓRIA, teriam o AUXÍLIO do Espírito Santo.

- QUAL
é a base bíblica para que seja assim??
R - EVANGELHO DE MATEUS 28:
"Portanto ide, fazei discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo;
Ensinando-os a guardar todas as coisas que eu vos tenho mandado; e eis que eu estou convosco todos os dias, até a consumação dos séculos. Amém."

R - EVANGELHO DE MARCOS 16:
"E disse-lhes: Ide por todo omundo, pregai o evangelho a toda criatura.
Quem crer e for batizado será salvo; mas quem não crer será condenado."

R - EVANGELHO  DE JOÃO 14:26:
"Mas o Consolador, o Espírito Santo, que o Pai enviará em meu nome, esse vos ensinará todas as coisas, e vos fará lembrar de tudo quanto vos tenho dito."

- SERÁ
que o indivíduo do vídeo e quem o postou saberiam responder???
R - Não: não responderam.
Aliás, como geralmente ocorre, quando se vêem devidamente confrontados, abandonam o debate que eles mesmos abriram. E, se em outros grupos não se vêem refutados, exploram ali as suas inverdades ao máximo. E haja taqyyia!
OS QUESTIONAMENTOS foram feitos há cinco dias. E até hoje, e ainda que alguns sejam do dia da publicação do vídeo  (21 de Janeiro), NÃO RECEBERAM RÉPLICA. E as poucas que vieram, estavam no mesmo nível das suposições do vídeo. E foram, obviamente, refutadas.

2 - ONDE ESTARIA ESCRITO
que Jesus, sendo o Verbo, escreveria qualquer livro?
Que tal o Islamismo responder???
R - Não há e nem o Islamismo teria como responder.

3 - O Evangelho foi escrito por apóstolos e pelos primeiros seguidores de Jesus.
E o que até o Alcorão diz sobre os mesmos?
R - Na SURA 61:14, que o deus Allah os teria auxiliado e os feito prevalecer.
IMPORTANTE:
A ideia (equivocada) que o texto passa é que eles teriam prevalecido física e materialmente. Todavia, bem sabemos: os DOZE apóstolos, assim como os primeiros discípulos, foram MARTIRIZADOS.
Logo, eles prevaleceram apenas moralmente; tendo a história sido dividida em antes e depois do Jesus Cristo que eles pregaram.

- E O QUE SERÁ
que o indivíduo do vídeo sabe (contra os Evangelhos e seus autores) que o autor do Alcorão não sabia???
Esta é uma daquelas muitas perguntas que o Islamismo somente poderá responder com o SILÊNCIO ou, como de sempre, com outras muitas CONTRADIÇÕES.

III - E PARA FINALIZAR, O TESTEMUNHO DE JESUS SOBRE PAULO. PRECISO DIZER MAIS???
.
1 - O TESTEMUNHO DA IGREJA CRISTÃ SOBRE PAULO:
.
"Então pareceu bem aos apóstolos e aos anciãos, com toda a igreja, eleger homens dentre eles e enviá-los com Paulo e Barnabé a Antioquia, a saber: Judas, chamado Barsabás, e Silas, homens distintos entre os irmãos.
(...)
Pareceu-nos bem, reunidos concordemente, eleger alguns homens e enviá-los com os nossos AMADOS BARNABÉ E PAULO,
Homens que já EXPUSERAM AS SUAS VIDAS pelo nome de nosso Senhor Jesus Cristo."
(ATOS DOS APÓSTOLOS 15: 22-26)
.
Questão 01:
A quem ouvir?
Aos líderes e membros da Igreja cristã em Jerusalém, no Século I ou... a um desinformado seguidor de Muhammad  (Maomé) do Século XXI???
Nota:
E por falar em Maomé: ele mentiu, dizendo-se predito numa profecia já cumprida, 500 anos antes, na pessoa de Jesus.
SAIBA
nos seus pormenores, abrindo o LINK:
Maomé Predito Na Torah? Em Deuteronômio 18:18??? 
http://missaoimpactar.blogspot.com.br/2017/11/maome-predito-na-biblia-em-deuteronomio.html
.
2 - O TESTEMUNHO DE PEDRO, O PRINCIPAL DOS APÓSTOLOS, SOBRE PAULO:
.
"E tende por salvação a longanimidade de nosso Senhor; como também O NOSSO AMADO IRMÃO PAULO vos escreveu, segundo a SABEDORIA QUE LHE FOI DADA;
Falando disto, como em todas as suas epístolas, entre as quais há pontos difíceis de entender, que os indoutos e inconstantes torcem, e igualmente as outras Escrituras, para sua própria perdição."
(SEGUNDA CARTA 3: 15-16)
.
Questão 02:
A quem ouvir?
A Pedro, o principal dos apóstolos de Cristo??
Ou... a sheiks, imames e seguidores de uma religião em que, sendo melhor informados, saberiam bem mais que o seu deus e profeta (sobre temas e personagens biblicos)???
 .
iii - O TESTEMUNHO DO PRÓPRIO JESUS SOBRE PAULO:
.
"E havia em Damasco um certo discípulo chamado Ananias; e disse-lhe o Senhor (JESUS) em visão: Ananias! E ele respondeu: Eis-me aqui, Senhor.
E disse-lhe o Senhor: Levanta-te, e vai à rua chamada Direita, e pergunta em casa de Judas por um homem de Tarso chamado Saulo; pois eis que ele está orando;
E numa visão ele viu que entrava um homem chamado Ananias, e punha sobre ele a mão, para que tornasse a ver.
E respondeu Ananias: Senhor, a muitos ouvi acerca deste homem, quantos males tem feito aos teus santos em Jerusalém;
E aqui tem poder dos principais dos sacerdotes para prender a todos os que invocam o teu nome.
Disse-lhe, porém, o Senhor: Vai, porque ESTE É PARA MIM UM VASO ESCOLHIDO, PARA LEVAR O MEU NOME DIANTE DOS GENTIOS, E DOS REIS E  DOS FILHOS DE ISRAEL.
E EU LHE MOSTRAREI QUANTO DEVE PADECER PELO MEU NOME.
E Ananias foi, e entrou na casa e, impondo-lhe as mãos, disse: Irmão Saulo, o Senhor Jesus, que te apareceu no caminho por onde vinhas, me enviou, para que tornes a ver e sejas cheio do Espírito Santo.
E  logo lhe caíram dos olhos como que umas escamas, e recuperou a vista; e, levantando-se, foi batizado."
.
Questão 03:
A quem ouvir sobre Paulo?
Ao próprio Jesus e o testemunho das Escrituras ou... a pessoas sem a menor noção do que foi exposto???
E MAIS:
O que dizer de tais pessoas?
São como disse o próprio Paulo (Ex-Saulo de Tarso.), a respeito dos falsos mestres do seu tempo:
.
"Pretendem se passar por mestres da lei; não compreendo, todavia, o que dizem, nem os assuntos sobre os quais fazem ousadas asseverações" 
(PRIMEIRA CARTA A TIMÓTEO 1:7)
.
LINK
(Postagem  do VÍDEO no Bíblia & Alcorão / Facebook):
https://www.facebook.com/groups/Biblia.Alcorao/permalink/1477802132368093/





Nenhum comentário:

Postar um comentário