quinta-feira, 30 de setembro de 2021

ALERTAS & DOSSIÊS: LINKS & etc.

(Artigos da Série Só Para Líderes E/Ou Cristãos Espiritualmente Responsáveis.)


"... veio um leão ou um urso e tomou uma ovelha do rebanho, e eu saí após ele..."

(PALAVRAS DE DAVI, 1 Samuel 17:34-35)


PROCURA-SE:

1 - Quem proteja e previna o rebanho (e aos seus): ATOS 20:28-32.

2 - Faça calar os falsos mestres e suas falácias: TITO 1:10-11.

3 - Tenha consciência desse nosso tempo (Fim dos Tempos): DANIEL 12:8-10.

4 - Corrige, repreendle e exorta, em toda ocasião (2 TIMÓTEO 4:1-4).

5 - Faça a defesa apologética da fé cristã:

Jd 3-4 (Quem lê entenda).

6 - Instrui-se pra instruir: 2 TIM 4:15.

7 - Maneja bem a palavra da verdade:  (2 TIMÓTEO 2:15.

"Todavia o fundamento de Deus fica firme, tendo este selo: O Senhor conhece os que são seus, e qualquer que profere o nome de Cristo aparte-se da iniqüidade." (2 TIMÓTEO 2:19)

LINKS:

https://bibliaestudos.com/acf/judas/


1 - Dossiê A IGREJA PERDENDO MEMBROS. IMAGINE ONDE E ATÉ PRA QUEM... O FUTURO PODE SE TORNAR ASSUSTADOR:

https://missaoimpactar.blogspot.com/2019/06/dossie-igreja-perdendo-membros-imagine.html?m=1

2 - Dossiê SÓ PARA LÍDERES E/OU CRISTÃOS ESPIRITUALMENTE RESPONSÁVEIS:

Ministério Apologético No Brasil: Pregar Num Quase Deserto & Para Um Povo  Desapercebido, Até Quando?

https://missaoimpactar.blogspot.com/2020/07/dossie-so-para-lideres-ou-cristaos.html?m=1

3 - SÓ PARA LÍDERES E/OU CRISTÃOS ESPIRITUALMENTE RESPONSÁVEIS 02. 

(Sobre os estágios de uma ocupação e a França e Moçambique como exemplos). 

https://missaoimpactar.blogspot.com/2020/11/so-para-lideres-cristaos.html?m=1

4 - SÓ PARA LÍDERES E/OU CRISTÃOS ESPIRITUALMENTE RESPONSÁVEIS 03.

(Respondendo se os odeio e revelando o meu amor de forma manifesta aos muçulmanos.)

https://missaoimpactar.blogspot.com/2020/11/so-para-lideres-eou-cristaos.html?m=1

5 - SÓ PARA LÍDERES E/OU CRISTÃOS ESPIRITUALMENTE RESPONSÁVEIS 04. 

(Você não imagina o que estão fazendo com a Bíblia; com Jesus, principalmente.  Se você soubesse...).  

https://missaoimpactar.blogspot.com/2021/03/so-para-lideres-eou-cristaos.html?m=1

6 - Só Para Os Líderes E/Ou Cristãos Espiritualmente Responsáveis (05): MONOTEÍSMO OU SATANISMO TRAVESTIDO DE RELIGIÃO??? (Sete Questionamentos Aos Que, Historicamente, Mais Combateram & Ainda Combatem A Fé Cristã):

https://missaoimpactar.blogspot.com/2021/04/monoteismo-ou-satanismo-travestido-de.html?m=1

7 - Só Para Líderes E/Ou Cristãos Espiritualmente Responsáveis (06):

JESUS SENDO BLASFEMADO! ADIVINHE POR QUEM E POR QUÊ...

https://missaoimpactar.blogspot.com/2021/06/jesus-sendo-blasfemado-adivinhe-por.html?m=

8 -  REDES SOCIAIS PARANÓICAS 09: Até Onde Isso Irá Chegar???

Ou Só Para Líderes E/Ou Cristãos Espiritualmente Responsáveis (07).

https://missaoimpactar.blogspot.com/2021/07/redes-sociais-paranoicas-09-ate-onde.html?m=1

9 - SÓ PARA LÍDERES E/OU CRISTÃOS ESPIRITUALMENTE RESPONSÁVEIS 7.2:

-O Alerta Que Seria O Último.

Sobre a POLIGAMIA e a opressão das mulheres sendo glamourizadas nas redes sociais. Imaginem por quem... 

https://missaoimpactar.blogspot.com/2021/07/so-para-lideres-eou-cristaos_24.html?m=1

10 - Só Para Líderes E/Ou Cristãos Espiritualmente Responsáveis 7.3.

SERIA JESUS DEUS FRACO??? (Resposta a um muslim que fez tal alegação, aliás, típica de alguns deles, os mais debochados)

https://missaoimpactar.blogspot.com/2021/08/jesus-deus-fraco-resposta-um-muslim-que.html?m=1

11 - ALERTA AOS DESAVISADOS

(& Aos Que Ignoram O Risco de Seu País Virar Um Afeganistão Ou Coisa Parecida):

https://missaoimpactar.blogspot.com/2021/08/alerta-aos-desavisados.html?m=1


.
IMPORTANTE:
Caso o leitor queira nos abençoar, leia
ESTE MINISTÉRIO APOLOGÉTICO & SUA COOPERAÇÃO, publicado em AGOSTO de 2019:
https://missaoimpactar.blogspot.com/2019/08/este-ministerio-apologetico-sua.html?m=1 

OUTRA OPÇÃO DE AJUDA:
Faça um PIX sem compromisso pras seguintes chaves:


OU:

m.madsaiin.ebook@gmail.com

"Pobres, mas enriquecendo a muitos; nada tendo, mas possuindo tudo."
(2 CORINTIOS 6: 10)




APÊNDICES

(Para Um Livro de REFUTAÇÕES):

1/



https://www.facebook.com/groups/Biblia.Alcorao/permalink/1982196531928648/


Prezado autor do post, 

RESPOSTA /REFUTAÇÃO (01):

1

VOCÊ PRECISA SABER: toda vez que um muslim questiona as Escrituras bíblicas sagradas, ele faz o quê?

Faz do seu Allah um estúpido.

Confira:

"QUESTIONE O MUSLIM: Falácia Taqiosa. 

- A falácia do Islam (sobre Escrituras bíblicas supostamente perdidas ou corrompidas) faz de Allah um estúpido. E do muçulmano? Um taqioso desinformado do  seu Alcorão!...

"Por que recorrem a ti (OS JUDEUS) por juiz, quando TÊM 👉A TORÁ que encerra o Juízo de Deus?👈 E mesmo depois disso, eles logo viram as costas. Estes em nada são fiéis. Revelamos a Torá, que 👉ENCERRA ORIENTAÇÃO E LUZ, com a qual os profetas, submetidos a Deus, julgam os judeus, bem como os rabinos e os doutos, aos quais estavam recomendadas a observância e a custódia do Livro de Deus. (…) Aqueles que não julgarem conforme o que Deus tem revelado👉 serão iníquos. E depois deles (profetas), enviamos Jesus, filho de Maria, 👉corroborando a Torá que o precedeu; e lhe 👉concedemos o EVANGELHO , que 👉ENCERRA ORIENTAÇÃO E LUZ ,👉 👉👉👉corroborante do que foi revelado na Tora e exortação para os tementes. 👉QUE OS ADEPTOS DO EVANGELHO JULGUEM 👉SEGUNDO O QUE DEUS NELE REVELOU,👉 porque aqueles que não julgarem conforme o que Deus revelou👉 serão depravados." 

(ALCORÃO, Sura 5:43-47)

NOTA: Os manuscritos + antigos da Bíblia são de séculos antes do Alcorão e existem até hoje. Como julgar p/ livros problemáticos, como diz o  Islã? É faz de Allah um estúpido.


QUESTÃO:

O que o muslim e o Islam julgam saber, hoje, que o seu deus não sabia?

Afinal, QUEM sabe mais no Islam?

Os muçulmanos ou deus deles?

Ou ambos não sabem coisa alguma?

Até porque o deus, no próprio Alcorão, demonstrou sequer fazer contas.


Prezado autor do post,

RESPOSTA/REFUTAÇÃO (02):

Todos os discípulos abandonaram a Jesus, QUANDO?

No momento da sua prisão.

Estava predito nas Escrituras e Jesus também previu aos discípulos (EVANGELHO DE MATEUS 26:20-22) sua rejeição e morte redentora. 

E o seu post não teve a honestidade intelectual de reconhecer e contextualizar isso.

2

MÁS...

Após a prisão, a Crucificação e morte redentora de Jesus foi:


a) ACOMPANHADA DE PERTO:

"25 Perto da cruz de Jesus estavam sua mãe, a irmã dela, Maria, mulher de Clopas, e Maria Madalena.

26 Quando Jesus viu sua mãe ali, e, perto dela, o discípulo a quem ele amava, disse à sua mãe: "Aí está o seu filho",

27 e ao discípulo: "Aí está a sua mãe". Daquela hora em diante, o discípulo a levou para casa."

(EVANGELHO DE JOÃO 19)

Nota:

João era o discípulo mencionado. E as mulheres, também seguidoras de Jesus.


b) ACOMPANHADA POR TODA JERUSALÉM:

" 48 E toda a multidão que se ajuntara a este espetáculo (A CRUCIFICAÇÃO) , vendo o que havia acontecido, voltava batendo nos peitos.

49 E todos os seus conhecidos, e as mulheres que juntamente o haviam seguido desde a Galiléia, estavam de longe vendo estas coisas."

(EVANGELHO DE LUCAS 23)

Nota:

Veja no PRINT, como a Crucificação foi um FATO PÚBLICO E NOTÓRIO.

QUESTÃO

(Sobre a Questão):

Você não sabia dessas coisas ou fez este seu post por Taqia mesmo?


2/


https://m.facebook.com/story.php?story_fbid=6153539421385221&id=100001876729454


Silas Malacheia,

MEUS CUMPRIMENTOS.

Eu poderia lhe responder na condição de um intelectual, com alguns livros e centenas de artigos publicados, além de ter a sua obra literária de cunho secular objeto de estudos acadêmicos no meu país e no exterior  Inclusive, dissertações de mestrado.

Mas, eu prefiro me colocar na mesma posição do meu mais humilde irmão em Cristo, muitos deles analfabetos ou semi-letrados, todavia, participantes das minhas mesmas convicções e alegria.

E faço isso para te dizer que, há 45 anos, Jesus Cristo, "ontem e hoje é o mesmo, e o será eternamente (HEBREUS 13:8)" curou-me de uma hemorragia interna e sem a menor chance para a Medicina. De lá pra cá, apenas para ficar nos casos mais exponenciais, eu vi e ouvi o testemunho de mais de dez a quem o Senhor Jesus os ressuscitou depois de mortos. . Alguns com o atestado de óbito já lavrado.

Razão pela qual, quando eu leio os Evangelhos, não o faço como quem ler uma história de cerca de 2000 anos atrás. Mas, como um documentário da vida real e que eu sei, por experiência própria, ser verdade.

Jesus disse: "Eu sou o caminho e a verdade e a vida" (JOÃO 14:6).

Devo a Ele os meus últimos 45 anos de vida e...  quanto custa 45 anos de vida? Algum dízimo ou oferta, voluntários, pagaria?

E isso nem tudo. Até porque, como disse Jesus: "Que adianta ao homem ganhar o mundo inteiro e perder a sua alma? E o. que ele daria em troca da sua salvação" (MARCOS 8:34-37)

Pra encerrar:não pretendo te convencer do que você não quer. Assim como a sua opinião não altera em nada a minha fé e nem pode modificar a minha experiência de vida com Jesus. E Ele é real.

Mas, precisava dar o meu TESTEMUNHO. Primeiro pra você entender que não estás tratando com um acéfalo. E, depois, para que você entenda que, o fato de ser um intelectual não me faz achar superior a ninguém. Por isso, preferi te falar na condição de uma humilde testemunha do Senhor Jesus. E, pondo-me na posição dos meus mais pequeninos irmãos, aos quais eu os considero superiores a mim.

Que Deus possa te abençoar. Tudo o que posso fazer (E estou fazendo.) é orar em seu favor. Não tenho a pretensão de te convencer do que você não quer.


3/


https://m.facebook.com/groups/1085343445307107/permalink/1213438372497613/



RESPOSTA À  TAQIA E/OU DESINFORMAÇÃO DO AUTOR DO POST:

I - 

1 - VEJAM O PRINT e o que o autor do post quer fazer supor:

o discípulo que ABANDONOU  a esposa e seguiu JESUS vai ter 100 Esposas na vida eterna!, ele alega. 

Isso não é verdade!

E o mínimo que ele deveria fazer é interpretar o TEXTO, levando em conta o seu CONTEXTO  Ou seja, todo o ensino de Jesus sobre a vida presente e a vida futura dos discípulos. 

2 -  O autor do post NÃO TEVE A PREOCUPAÇÃO (Ou teve mas, taqiosamente, omitiu?) de consultar os outros evangeliistas.

Se o fizesse, teria a real compreensão do que Jesus falou e do seu ensino. 

3 - E, então, por taqia e/ou desinformação, insistju na SUPOSIÇÃO : o discípulo que ABANDONOU  a esposa e seguiu JESUS vai ter 100 Esposas na vida eterna. 

Será?


II - 

3 - AGORA VEJAM O QUE JESUS REALMENTE FALOU NA OCASIÃO:

"Então, Pedro começou a dizer-lhe: Eis que nós tudo deixamos e te seguimos. Tornou Jesus: Em verdade vos digo que ninguém há que tenha deixado casa, ou irmãos, ou irmãs, ou mãe, ou pai, ou filhos, ou campos por amor de mim e por amor do Evangelho, que NÃO RECEBA , já no presente, o cêntuplo de casas, irmãos, irmãs, mães, filhos e campos, COM PERSEGUIÇÕES ; E, NO MUNDO POR VIR, a vida eterna."

(MARCOS 10: 28-30)

Nota:

1 - Jesus, após citar casas, irmãos, etc., ele usa a expressão "COM PERSEGUIÇÕES".

2 - E o que Ele quis dizer?

O que vocês supõem ganhar, materialmente (NO PRESENTE), virá, até cem vezes mais, porém, na forma de perseguições. Por isso, o "COM PERSEGUIÇÕES" ao final dos itens citados.

Entender isso requer saber interpretar o TEXTO e, no seu CONTEXTO, a vida de perseguição e morte por causa da fé cristã que os apóstolos, principalmente, tiveram.

3  - MAS NEM É TUDO:

Jesus tanto em Marcos como em Mateus (Citado taqiosamente em parte pelo autor do post?) fala de DOIS TEMPOS e de coisas distintas:

a) "29 E todos os que tiverem deixado casas, irmãos, irmãs, pai, mãe, filhos ou campos, por minha causa, receberão (VIDA PRESENTE) cem vezes mais e (NA VIDA FUTURA) herdarão a vida eterna."

(EVANGELHO DE MATEUS 19)

b) "30 Que não receba cem vezes tanto, já neste tempo, em casas, e irmãos, e irmãs, e mães, e filhos, e campos, com perseguições; e no século futuro a vida eterna."

(EVANGELHO DE MARCOS 10)

Notas:

i -  "JÁ NESTE TEMPO  em casas, e irmãos e irmãs, e mães, filhos, e campos, COM PERSEGUIÇÕES."

ii - Observem que a LINGUAGEM de Jesus é hiperbólica e trás, também um sentido figurado. Ninguém irá ganhar, por exemplo, mães cem vezes mais.

iii - "E NO SÉCULO FUTURO (ou."no mundo por vir") A VIDA ETERNA".

E como é essa vida eterna?

"Respondeu-lhes Jesus: Errais, não conhecendo as Escrituras nem o poder de Deus.

Porque, na ressurreição, nem casam, nem se dão em casamento; são, porém, como os anjos no céu." 

(MATEUS 22:29,30)

III - 

AGORA,  voltando ao que o autor do post alegou (Taqia ou desinformação?): o discípulo que ABANDONOU  a esposa e seguiu JESUS vai ter 100 Esposas na vida eterna!, ele alega. 

MAS... 

Jesus foi claro em dizer, no EVANGELHO DE MARCOS:

"... com (ATRAVÉS DE) perseguições E, NO MUNDO POR VIR, A VIDA ETERNA" (10:30-b)

MAS...

Jesus foi também claro no EVANGELHO DE MATEUS 19:29-b:

"receberá (VIDA PRESENTE) cem vezes tanto, e herdará a vida eterna (FUTURA)".

Então, são tempos e coisas distintas:

- receberá (VIDA E NO TEMPO PRESENTE).

_ e herdará (VIDA/TEMPO FUTURO) a vida eterna. 

CONCLUSÃO:

Jesus não disse que herdaram, na vida eterna, o que o autor do post. (Taqia, desinformação?) alega. E por uma simples razão:

E como é essa vida eterna?

"Respondeu-lhes Jesus: Errais, não conhecendo as Escrituras nem o poder de Deus.

Porque, na ressurreição, nem casam, nem se dão em casamento; são, porém, como os anjos no céu." 

(MATEUS 22:29,30)

LINKS 

(de outras REFUTAÇÕES ao mesmo autor):

- ALLAH O DEUS PAGÃO DOS LIVROS PERDIDOS (Ou Refutando O Muslim Através do Seu Próprio Alcorão) 01

https://www.facebook.com/groups/1085343445307107/permalink/1198842820623835/

- ALLAH: O "DEUS" ESTÚPIDO DOS LIVROS PERDIDOS (Ou Refutando O Muslim Através do Seu Próprio Alcorão) - 02

 https://www.facebook.com/groups/1085343445307107/permalink/1199700957204688/

- ALLAH: O "DEUS" IMPOTENTE DOS LIVROS PERDIDOS (Ou Refutando O Muslim Através do Seu Próprio Alcorão) 03

https://www.facebook.com/groups/1085343445307107/permalink/1200418767132907/




-----





quinta-feira, 23 de setembro de 2021

HÁ AUTORIDADE ESPIRITUAL NO ALCORÃO & CREDIBILIDADE NO SEU PROFETA? (Sobre A insensatez dos Que Insistem Em Citar O Livro Para Mim). *

"É preciso fazê-los calar. Pois andam transtornando casas inteiras, ensinando o que não convém...".

(CARTA DE PAULO A TITO 1:10-11)

1

A exceção de alguns sheiks muito falaciosos,  QUEM são? Geralmente,  pessoas que defendem o que, talvez, não conheçam: o Islam e o próprio Alcorão. Mas, julgam (Todos eles!) poder questionar o que conhecem menos ainda: a fé cristã e as Escrituras bíblicas. 

2



Eles ignoram isto: O SER QUE SE ESCONDE POR DETRÁS DO NOME ALLAH, no Alcorão, alega, ser o que nunca foi: o  Deus das Escrituras bíblicas. E isso no próprio livro tido por sagrado pelo Islam. 

3

MAS HÁ UM GRANDE DIFERENCIAL: o deus do Alcorão, no próprio Alcorão, até se gaba de fazer o que Satanás deseja: desviar os homens para a perdição ( SUAS 4:60 X 7:178-179).  Enquanto que o Deus das Escrituras bíblicas "deseja que todos os homens sejam salvos, através do conhecimento da verdade" (PRIMEIRA CARTA A  TIMÓTEO 2:3-4).

4

Creio que já não seria preciso dizer mais nada.  Apenas para que  muslins e simpatizantes do Islam abram bem os seus olhos. Antes que seja tarde; antes que entrem, após a morte, nos portais da Eternidade. 

Todavia, há muito o que ainda podemos lhes dizer. Por exemplo: Allah e o seu profeta sequer conheciam a história de Noé e do Dilúvio E isso é coisa que qualquer criança judia ou cristã sabe de cor (APÊNDICE 01).

Logo, o  muslim, quando melhor informado, acaba sabendo mais do que o seu deus e profeta juntos. E não é sem razão que muitos a religião abandonam e do Alcorão passam fazer chacota, como irei mostrar. 

E,  afinal: que deus é esse?

Um dos 360 ídolos do Paganismo Árabe, cuja CAABA Muhammad (Maomé) até pensou em destruir. Mas, depois, achou conveniente manter o seu culto idólatra.

Até porque a relação de Maomé com a PEDRA NEGRA DA CAABA era uma relação também idólatra (LINKS).

5

E não é que Allah não sabe sequer Matemática? E hoje assistimos ex-mulins satirizando o VEXAME do seu ex-deus:


6

Então, como refutar um livro que tem a AUTORIDADE espiritual nenhuma do Alcorão?  Apontando o que acabei de demonstrar e desafiando o muslim  provar o contrário. Ele não conseguirá. E se tentar fazer, irá cair em maior contradição.

Mas...

Às vezes, com alguns, mais fanatizados, é preciso apontar também a CREDIBILIDADE nenhuma do profeta do e para o Islam. Pois se trata de um contumaz TRANSGRESSOR dos Mandamentos de Deus que se disse profeta da submissão, mas só se for ao Diabo, mentiroso e homicida, como disse Jesus (EVANGELHO DE JOÃO 8:43-44).

Confiram um "Só Para Início de Conversa" no APÊNDICE 02. E, caso queiram se aprofundar no assunto, abram os LINKS sobre o tema. 

7

Dito isso (E é o mínimo!), é bem capaz de você encontrar alguém ainda assim disposto a defender a AUTORIDADE nenhuma do Alcorão e a CREDIBILIDADE nenhuma do seu "profeta".

Há, é verdade, os que se retiram logo da discussão, ofendidos, tão somente você lhes aponte estas EVIDÊNCIAS. Julgam que você estaria difamando ao Deus verdadeiro e não a um  falso profeta. Ora, não é o caso;  e, de fato, eles optam  por continuarem a viver do e no auto-engano.

Mas, há, sim , infelizmente, o caso pior. O daqueles que ignoram todas as EVIDÊNCIAS apresentadas (e qualquer outra que você possa apresentar). Pois, estariam mesmo dispostos a defender o indefensável  E, para tanto, cultivam uma ATITUDE ESQUIZOFRÊNICA. 

Assim como ser que se esconde por detrás do nome Allah no Alcorão alegou ser o que NÃO era....

Assim como Maomé alegou ser o que NUNCA foi (Profeta do Deus das Escrituras bíblicas.)...

Estes sustentam longos DEBATES,  recheando-os de FALÁCIAS e apelando para enes SUPOSIÇÕES. Mas, porém, todavia e no entanto, JAMAIS levando em consideração o que você diz Eles apenas levam em conta supõe teriam a dizer.

E o dizem!  Com toda a AUTORIDADE nenhuma do livro de um deus que até se gaba de fazer o que Satanás deseja, óbvio!  E com toda a nenhuma CREDIBILIDADE  do seu profeta  Quem mesmo? Aquele contumaz TRANSGRESSOR dos Mandamentos de Deus que se disse profeta da submissão, mas só se for ao Diabo, mentiroso e homicida.

Alguns de seus temas preferenciais:

- A suposta adulteração das ESCRITURAS BÍBLICAS sagradas. Mas, sem sequer saber os mesmos definir o que seja uma Bíblia  E ignorando, obviamente, a história (Ou estória?) sórdida da COMPILAÇÃO do Alcorão, como é típico da tal Caravana de Dawah. 

- Mentiras a respeito A PESSOA DE JESUS 

E, aqui, é preciso esclarecer: quem fala, como é o caso, no espírito do Anticristo, não diz necessariamente "mal" de Jesus. Alguns deles até alegam que O amam!  Alguém pode até falar "o bem"  de Jesus. Mas, quando não diz a verdade, é no espírito do Anticristo que tal pessoa ensina. 

- E, por fim, ACUSAÇÕES infundadas contra a pessoa e a sabedoria divina de PAULO. Sabedoria esta reconhecida pelo principal apóstolo do próprio Jesus.

E quem poderia dizer o contrário? 

Bom. 

Acabei de traçar, principalmente, o que julgo ser o perfil e as psicoses de uma gama dos apologistas do Islam moderno. E, mais precisamente, as de um sheik de uma tal CARAVANA DE DAWAH, de Moçambique, África. E tanto aquilo que esse indivíduo em sua FALÁCIA explora quanto o que (Capciosamente.) omite estará em foco nesta seção, como  nas outras partes deste meu novo livro.

Jd 3-4 (Quem lê entenda).

(*) Introdução a Parte Primeira de "O Islam & Sua Falácias Contra As Escrituras Sagradas" e publicada originalmente no grupo de debates Bíblia & Alcorão, Facebook:

 https://www.facebook.com/groups/Biblia.Alcorao/permalink/1977084405773194/?app=fbl

PRINT (Ex-muslims North-American) 

https://www.facebook.com/ExMuslimsOrg/photos/a.167221723467566/1684604578395932/?type=3&app=fbl 

APÊNDICE 01:

QUESTIONE O MUSLIM: Allah, o estúpido 01.
Esse deus sabe menos que uma criança! 

ALCORÃO, Sura 11:42-43 - HN:
"...E Noé chamou seu filho, que se achava à parte: "Ó meu filho! Embarca conosco e não te deixes estar com os renegadores da Fé.  "Ele disse: "Abrigar-me-ei em uma montanha que me protegerá da água." (...) E as ondas se interpuseram entre ambos: então, foi ele dos afogados."
TORAH, Livro de Gênesis:
- ANTES do Dilúvio:
"E era Noé da idade de quinhentos anos, e gerou Noé a Sem, Cão e Jafé." (6:9-10)
- DEPOIS DO DILÚVIO:
"E os filhos de Noé, que da arca saíram, foram Sem, Cão e Jafé; e Cão é o pai de Canaã. Estes três foram os filhos de Noé; e destes se povoou toda a terra." (9:18-19)

NOTA:  tal como a 9:30 etc., a SURA 11:42-43 é mais um ATESTADO DE ESTUPIDEZ TEOLÓGICA do autor do Alcorão (E não pode ser Deus!). Ele sequer conhecia a história de Noé e do Dilúvio, coisa que qualquer criança judia ou cristã sabe de cor. O ignorante (autor do) Alcorão chega a afirmar que o Dilúvio teria sido no tempo dos faraós (7:130-133). Preciso dizer mais? Sim. É por isso que eu digo que um muçulmano, depois de esclarecido, acaba sabendo mais do que o seu deus e profeta juntos. Só no Islam!... 

APÊNDICE 02:

QUESTIONANDO DURAMENTE O MUSLIM:     - Que pensar de um deus e profeta desses? 

1 - Se acaso você soubesse que o líder da sua religião era um hipócrita... 

2 - E hipócrita, ao ponto de ser um contumaz TRANSGRESSOR dos Mandamentos de Deus que se dizia profeta da submissão, mas só se for ao Diabo, mentiroso e homicida, como disse Jesus (EVANGELHO DE JOÃO 8:43)...

3 - Sujo por dentro, ao ponto de cobiçar sexualmente até a esposa do filho (adotivo)...  4 - E falso, ao ponto de forjar revelação para justificar o "casamento" com a ex-nora...

5 - Tão desconhecedor da Torah, ao ponto de ser polígamo, não sabendo que o líder principal do verdadeiro Monoteísmo (E ele alegava ser.) tinha Mandamento para ser casado com uma só esposa...

6 - Fosse um praticante das obras do Diabo (Mentira e assassinatos), em nome do seu deus. Ao ponto de usar da mentira para assassinatos de inocentes, caso dos judeus e dos cristãos, no livro que dizia ser sagrado (SURA 9:30)...  (Mas... Será que a mentira e o homicídio foram "santificados" porque tal profeta e o seu deus os praticaram?)

Então, o que você faria? Seguiria tal profeta, o seu deus e o seu livro?  Ou a Jesus, "o caminho, e a verdade e a vida"? (JOÃO 14:6) 

Que dizer do deus de um profeta como Maomé? 

LINKS:

- ALLAH: A Idolatria (Mascarada) No Islam  (I)

https://missaoimpactar.blogspot.com/2019/09/allah-idolatria-mascarada-no-islam.html?m=1

- MUHAMMAD (MAOMÉ):

A Idolatria Mascarada No Islam  (I).

https://missaoimpactar.blogspot.com/2019/09/muhammad-idolatria-mascarada-no-islam-ii.html?m=1

- PEDRA NEGRA DA CAABA:

A Idolatria Mascarada No Islam (III)

- ALLAH, MUHAMMAD (MAOMÉ) & A PEDRA NEGRA (Ou A Idolatria Mascarada No Islamismo).

- MUHAMMAD (Maomé) OBEDECEU À TORAH? O Islam Seria Mesmo Submissão?? A Quem & A Quê, Exatamente???

https://missaoimpactar.blogspot.com/2020/01/muhammad-maome-obedeceu-torah-o-islam.html?m=1

- RELIGIÃO DA SUBMISSÃO, COMO? O Seu Profeta Obedeceu A Deus??? 

https://missaoimpactar.blogspot.com/2020/02/religiao-da-submissao-como-o-seu.html?m=1

- MUHAMMAD (MAOMÉ) & A MULHER DO PRÓXIMO

https://missaoimpactar.blogspot.com/2019/10/muhammad-maome-mulher-do-proximo.html?m=1

- Bônus:

POR QUE ALLAH NÃO É DEUS (O Mesmo Deus das Escrituras bíblicas)

https://missaoimpactar.blogspot.com/2021/04/por-que-allah-nao-e-deus.html?m=1



.
IMPORTANTE:

Caso o leitor queira nos abençoar, leia
ESTE MINISTÉRIO APOLOGÉTICO & SUA COOPERAÇÃO, publicado em AGOSTO de 2019:
https://missaoimpactar.blogspot.com/2019/08/este-ministerio-apologetico-sua.html?m=1 

OUTRA OPÇÃO DE AJUDA:
Faça um PIX sem compromisso pras seguintes chaves:



OU:

m.madsaiin.ebook@gmail.com

"Pobres, mas enriquecendo a muitos; nada tendo, mas possuindo tudo."
(2 CORINTIOS 6: 10)

.

sexta-feira, 17 de setembro de 2021

O DEBATE & OS GRUPOS DE DEBATES: O Que Pensar, Quando Parece Não Haver A Devida Seriedade Na Coisa? *

1 - O QUE PENSAR, quando alguém  entra na sua publicação, faz inúmeros comentários; e depois, simplesmente te bloqueia; para fingir (e fugir da) refutação?

Não houve um debate; óbvio. Apenas a  SABOTAGEM do seu post. 

Foi o que fez uma tal Yumna Siddiq (PRINTS 03 e 04), numa publicação minha. E, embora eu tenha denunciado o ocorrido aos administradores, a coisa ficou por isso mesmo. 


2 - O QUE PENSAR de  indivíduos que publicam inúmeros posts, com o que supõem ser QUESTIONAMENTOS  à religião do outro; mas..., quando respondidos e também questionados, apenas se prestam a FUGIR? Eles se dão ao direito de apenas questionar e questionar; porém, responder a pergunta nenhuma. 

Estamos lidando com um DESONESTO INTELECTUAL. E um grupo, sem regras e monitoramento, tende a ser um TERRENO FÉRTIL para sus proliferação. 


3 - E O QUE PENSAR do que se comportam como autênticos JIH*DIST*S NAS REDES SOCIAIS? 

Parece um absurdo ter que denunciar isso outra vez. Mas, é o COMPORTAMENTO de velhos conhecidos nossos. Tal comportamento eu já o descrevi, exatamente assim:

- "ELES AMAM SUA RELIGIÃO ACIMA DA VERDADE.. E são também dados a muitos memes, blá-blá-blá, Ka-ka-ka, palavras de efeitos, porém, vazias. E eu já tive a infelicidade de testemunhar a desonestidade de alguns chegar ao ponto da pessoa, vendo-se refutada, apagar os comentários que fez, nos quais caíra em contradição e ficou sem argumentos.."

- " Desnecessário falar dos que FAZEM AMEAÇAS, querem se utilizar da LINGUAGEM OBSCENA. E, sendo "homens", dirigem-se às mulheres da maneira mais indecorosa. Estes são mesmo uns CAPACHOS DA MALDADE."

-"Sendo que há os que transformam comentários, geralmente em excesso, numa forma de ASSÉDIO ao sexo oposto. Ou os utilizam, não para o debate sadio, mas, apenas para SABOTAGEM dos posts e comentários dos oponentes ou desafetos."

AGORA, RESTA SABER

como os administradores de um grupo sério, sendo principalmente cristãos, reagem a essa tipo de coisa? (Ou não reagem???)

Um irmão, na seu espanto, denunciou, ao que tudo indica, tais OCORRÊNCIAS (Prints 02 e 02). E eu, num comentário, lhe fiz saber exatamente o que penso.

Para minha estranheza, o post foi excluído. Por quê? Por quem?

Gostaria de saber a opinião de todos, principalmente, dos administradores a respeito do que acabo de expor. 

Meus cumprimentos a todos.

(*) Publicado originalmente no grupo Muçulmanos Para Cristo, neste mês de Setembro. E, lamentavelmente, a publicação, assim como o post na mesma referida, foi excluida. 

LINK:

- Sobre "JIH*DISTAS" DAS REDES SOCIAIS

https://missaoimpactar.blogspot.com/2020/09/sobre-jihdistas-das-redes-sociais_24.html?m=1 

PRINTS:








APÊNDICE 



-



.
IMPORTANTE:
Caso o leitor queira nos abençoar, leia
ESTE MINISTÉRIO APOLOGÉTICO & SUA COOPERAÇÃO, publicado em AGOSTO de 2019:
https://missaoimpactar.blogspot.com/2019/08/este-ministerio-apologetico-sua.html?m=1 

OUTRA OPÇÃO DE AJUDA:
Faça um PIX sem compromisso pras seguintes chaves:


OU/

m.madsaiin.ebook@gmail.com

"Pobres, mas enriquecendo a muitos; nada tendo, mas possuindo tudo."
(2 CORINTIOS 6: 10)

.


.

terça-feira, 14 de setembro de 2021

"O 1SLAM & SUAS FALÁCIAS CONTRA AS ESCRITURAS BÍBLICAS SAGRADAS (Ou de Como A Religião Transformou A11ah No Estúpido & Não-Onipotente "Deus" do Alcor*o)"

Em elaboração, com previsão de redação final para Dezembro de 2021. 


Índice

  APRESENTAÇÃO 

  INTRODUÇÃO:

SOBRE TAQIA & A LE1 DA BLASFÊM1A

(As Duas Maiores Armas da Religião Que Teme Uma Caneta Mais Que Um Exército).

. PARTE PRIMEIRA:

"FALÁCIA: A QUESTÃO SIMPLIFICADA AO MÁXIMO, ATRAVÉS DE PEQUENOS POSTS."

Série QUESTIONE O MUSLIM: A  Bíblia & A Falácia:

1 - Qual a Bíblia verdadeira? 

E o A1corão? Viraria Palavra de Deus, tivesse sido incluído em uma Bíblia?

2 - Como a  Palavra de Deus foi conservada, através dos Tempos?

3 - Para Jesus (E o próprio A1corão.) CÓPIAS MANUSCRITAS conservam a Palavra de Deus. E teriam valor ao da igual da ESCRITURA ORIGINAL. Por que, então, os Papagaios dos sheiks insistem em dizer o contrário?

4 - Extraído de "The Concise Encyclopedia of Islam".

5 - Por que o 1slam não têm como responder "Qual Seria O A1corão Verdadeiro?. 

6 - Pedro & Paulo X Ibn Masud X Zaid.

7 - PARA FAZER CALAR UMA FALÁCIA

(À Propósito da Fala do Sheik da Tal C*ravana de D*wah Em Um Vídeo, A Respeito das Escrituras Bíblicas).

- COMO A PALAVRA DE DEUS FOI CONSERVADA, ATRAVÉS DOS MILÊNIOS. 

-  EVIDÊNCIA HISTÓRICA & TEOLÓGICA:

- A1CORÃO: PROCESSO & DESVANTAGENS DA COMPILAÇÃO (I):

- ALCORÃO:  PROCESSO & DESVANTAGENS DA COMPILAÇÃO (II) OU:  QUAL SERIA O ALCORÃO VERDADEIRO?

- RESPONDENDO À FALÁCIA DO SHE1K 01

- RESPONDENDO À FALÁCIA DO SHE1K

-  É MUITO IMPORTANTE SABER (01):

- É MUITO IMPORTANTE SABER (02)

. PARTE SEGUNDA:

TRÊS ARTIGOS (Para A Refutação de Um Muslim, Através do seu próprio Alcoră").:

i - A11AH O DEUS PAGÃO DOS LIVROS PERDIDOS (Ou Refutando O Mus1im Através do Seu Próprio A1corão) 01.

ii - A11AH: O "DEUS" ESTÚPIDO DOS LIVROS PERDIDOS (Ou Refutando O Muslim Através do Seu Próprio A1corão) - 02 

iii -. A11AH: O "DEUS" IMPOTENTE DOS LIVROS PERDIDOS (Ou Refutando O Mus1im  Através do Seu Próprio A1corão) - 03 

PARTE TERCEIRA:

SOBRE PAULO: O SHE1IK NÃO SABE NADA; PORÉM, INSISTE NUMA OUTRA FALÁCIA.

Obs: Desta parte constam uma ácida introdução às REFUTAÇÕES com demonstrações e desmentidos.


APRESENTAÇÃO

"Citar as Sagradas Escrituras não faz de ninguém um sábio; sequer um bem intencionado. Até Satã delas se utilizou. Não para ensinar, mas, para enganar."

1

Um sheik moçambicano de uma tal C*ravana de D"wah tem repetido o seu mestre, Muh*mm*d (M*omé), e os hereges dos tempos dos apóstolos de Jesus Cristo.

O mestre dele fez PLÁGIOS e distorções das Escrituras bíblicas sagradas. Assim como fez de outros livros religiosos e até de literatura pagã. É o que eu demonstro, p. ex.,no Capítulo 11 do meu ALCORÃO: APONTAMENTOS (Para Uma Crítica Interna & Externa). Já os falsos mestres dos tempos dos apóstolos, no dizer de Paulo, também queriam ser... mestres! Mas, "não compreendem nem o que dizem nem as coisas acerca das quais fazem afirmações tão categóricas" (1 TIMÓTEO 1:7).

Este O 1SLAM & SUA FALÁCIA, na mesma linha do meu DESAFIO À CARAVANA DE DAWAH: Livro, oferece-lhes, mais uma vez, a devida REFUTAÇÃO . E, obviamente,  disponibiliza SUBSÍDIOS aos meus irmãos cristãos. Caso  queiram com a devida propriedade, e como se faz preciso, pôr em prática Jd 3-4 (Quem lê entenda). Vivemos tempos trabalhosos. Urge prevenir os nossos e proteger o rebanho. Até porque, parafraseando Ambrósio de Milão, citar as Sagradas Escrituras não faz de ninguém um sábio; sequer um bem intencionado. Até Satã delas se utilizou. Não para ensinar, mas, para enganar. 

3

Dois  VÍDEOS do sheik foram objeto de minhas análises,. Visto que, nos mesmos, ele expressa, ainda que sucintamente, as suas já conhecidas opiniões (equivocadas).

Alem das Escrituras bíblicas, curiosamente, Paulo é um outro tema preferencial nas  FALÁCIAS do indivíduo. E, como de resto, de uma enormidade de musl1ns tão igualmente precipitados. Lendo o livro, o leitor saberá exatamente por que.

Como está escrito, "é preciso fazê-los calar" (TITO 1:10-11);× dado o risco de atraírem os incautos e de "transtornarem casas inteiras". E nenhum líder e/ou cristão espiritualmente responsável pode, para com tal possibilidade, se mostrar indiferente.

Meditação:

"8 Eu, pois, ouvi, mas não entendi; por isso eu disse: Senhor meu, qual será o fim destas coisas?

9 E ele disse: Vai, Daniel, porque estas palavras estão fechadas e seladas até ao tempo do fim.

10 Muitos serão purificados, e embranquecidos, e provados; mas os ímpios procederão impiamente, e nenhum dos ímpios entenderá, mas os sábios entenderão."

(LIVRO DO PROFETA DANIEL 12:8-10)


INTRODUÇÃO:

SOBRE TAQIA & A LEI DA BLASFÊMIA

(As Duas Maiores Armas da Religião Que Teme Uma Caneta Mais Que Um Exército)*

Importante: O artigo da Introdução pode ser lido no final da Parte Primeira. Ele acabou por ficar extenso, em virtude da quantidade de informações que achamos por bem no mesmo repassar. Razão pela qual optamos por assim fazer. 

In

PARTE PRIMEIRA:

QUESTÃO SIMPLIFICADA AO M jihÁXIMO, ATRAVÉS DE PEQUENOS POSTS


Qual a Bíblia verdadeira? 

E o Alcorão? Viraria Palavra de Deus, tivesse sido incluído em uma Bíblia? 


1/

QUESTIONE O MUSLIM: A  Bíblia & A Falácia (01)

"É preciso fazê-los calar, pois transtornam casas inteiras, ensinando o que não convém."

(CARTA DE PAULO A TITO 1:10-11) 


1Há uma FALÁCIA DO ISLAM, supondo poder questionar as Escrituras bíblicas sagradas. Por sinal, muito usada por um sheik da tal Caravana de Dawah, de Moçambique.

 E qual é?

iEles exploram (Taqia, desinformação?) o fato da Bíblia Católica e outras ter mais ou menos livros. Sabe-se: há os 66 considerados inspiração divina. Já os outros não, apesar do seu grande valor histórico.

QUAL A BÍBLIA VERDADEIRA?

 Todas

Isto é: desde que a desonestidade intelectual não os impeça definir o que é uma bíblia.

E O QUE É BÍBLIA?

É a palavra LIVRO encontrada no Novo Testamento em Grego. E Cale-se a voz da "ignorância"!

 Um livro ou BÍBLIA pode ser uma BIBLIOTECA.. E bibliotecas podem reunir livros sagrados e/ou não sagrados, caso da Bíblia Católica. Ou nem ter todos, caso da Bíblia Judaica.

 CONCLUSÃO: Estar numa bíblia não faz um livro virar sagrado. P. ex.: o Alcorão poderia ser incluído, mas, isso não o faria inspirado pelo Deus das Escrituras bíblicas sagradas. Não seria reconhecido como tal. Já os católicos, mesmo pondo acrescendo não sagrados, sabem quais realmente são.

É tudo uma questão de discernimento, mas, nos Taqia não há.

E será que o Islam pode responder : QUAL SERIA O ALCORÃO VERDADEIRO? As SOBRAS do que teria restado, de acordo com IBN UMAR? Ou... um dos mais de dez Alcoroes que foram QUEIMADOS pelo terceiro, Uthman, segundo BUKHARI? Inclusive os Alcoroes dos principais RECITADORES apontados por Maomé: MASUD e UBAY KAB.

 Espero que  a inteligência de alguns alcance. Pois sei que muitos não sabem nada e por isso mesmo, insistem em falácias. Insultam com as mesmas nossa inteligência. E a Deus, quando sabem que aquilo que propagam nada é mais do que Taqia. 


2/

QUESTIONE O MUSLIM: A Bíblia & A Falácia (02)

Se não existe mais a "Bíblia original", como a  Palavra de Deus foi conservada, através dos Tempos?

Traslado Ou Cópias Manuscritas. 

i - De vez em quando nos GRUPOS DE DEBATES, surge um muslim propondo o que supõe seria  uma questão. Então, ele grita: Cadê a Bíblia (Ou a Torah ou o Evangelho.) "original"

E o que ele quer, exatamente, dizer? 

O Islam teria  "Alcorão original" (Cópia manuscrita.); já o Cristianismo não. 

ii - MAS...

o que, exatamente, o muslim demonstra com tal falácia, suposto ser um forte argumento? 

Apenas ESTUPIDEZ

E estupidez a respeito de QUANDO E COMO as Escrituras sagradas foram escritas e conservadas. De modo que sua mensagem, ou seja a Palavra de Deus, pudesse chegar até os nossos dias. E elas atravessaram milênios! 

iii -

"18 Quando (O REI) subir ao trono do seu reino, mandará fazer num rolo, uma CÓPIA DA LEI, que está aos cuidados dos sacerdotes levitas para o seu próprio uso.

19 TRARÁ SEMPRE ESSA CÓPIA CONSIGO e terá que lê-la todos os dias da sua vida, para que aprenda a temer o Senhor, o seu Deus, e a cumprir fielmente todas as palavras desta lei, e todos estes decretos.

20 Isso fará que ele não se considere superior aos seus irmãos israelitas e a não se desvie da lei, nem para a direita, nem para a esquerda. Assim prolongará o seu reinado sobre Israel, bem como o dos seus descendentes."

(TORAH, Livro de Deuteronômio 17)

Nota:

Deus previu a necessidade de sua mensagem permanecer através dos tempos. . É conferiu ao TRASLADO (Cópias manuscritas .) o mesmo valor do livro original.

Será que o muslim não imagina o porquê?

É possível que alguns até o saibam. Mas, prefiram alimentar a "questão" e o suposto argumento por mera Taqia.

EM TEMPO:

Os manuscritos mais antigos da Bíblia são de séculos antes do Alcorão; e existem até hoje.


3/

QUESTIONE O MUSLIM: A Bíblia & A Falácia (03)

Para Jesus (E o próprio Alcorão.) CÓPIAS MANUSCRITAS conservam a Palavra de Deus. E teriam valor ao da igual da ESCRITURA ORIGINAL. Por que, então, os Papagaios dos sheiks insistem em dizer o contrário?

Taqia e/ou Desinformação.

i - EVANGELHO DE LUCAS 4:

"14 JESUS VOLTOU PARA A GALILÉIA no poder do Espírito, e por toda aquela região se espalhou a sua fama.

15 Ensinava nas sinagogas, e todos o elogiavam.  (...)

17 FOI-LHE ENTREGUE O LIVRO DO PROFETA ISAÍAS. Abriu-o e encontrou o lugar onde está escrito:

18 "O Espírito do Senhor está sobre mim, porque ele me ungiu para pregar boas novas aos pobres. Ele me enviou para proclamar liberdade aos presos e recuperação da vista aos cegos, para libertar os oprimidos

19 e proclamar o ano da graça do Senhor".

20 Então ele fechou o livro, devolveu-o ao assistente e assentou-se. Na sinagoga todos tinham os olhos fitos nele;

21 e ele começou a dizer-lhes: "HOJE SE CUMPRIU A ESCRITURA que vocês acabaram de ouvir"."

ii - NOTAS:

1 - Jesus não leu o MANUSCRITO ORIGINAL do Livro do Profeta Isaías. Mas, uma CÓPIA MANUSCRITA da obra.

E por quê? O manuscrito original, escrito em PAPIRO, havia sido desintegrado com o tempo. O papiro, quando manuseado, durava cerca de 200 anos. E Isaías tinha escrito o seu livro cerca de 750 anos atrás. 

2 - Jesus considerou a COPIA MANUSCRITA como? Escritura sagrada.

3 - E o próprio Alcorão faz o mesmo. 

 Ele diz que a Torah e o Evangelho "encerram orientação e luz" (SURA 5:46-48). Séculos antes do Alcorão, passou-se a usar o PERGAMINHO, para as CÓPIAS MANUSCRITAS . Este material tem maior durabilidade; e as cópias mais antigas da Bíblia são de séculos antes do Alcorão. E o livro tido por sagrado pelo Islam somente poderia falar o que disse de cópias manuscritas e não dos livros originais. Os mais antigos da Bíblia (Biblioteca.) eram, na época, de 2000 anos antes. Já e os mais novos, de cerca de 500 anos antes do Alcorão. 

iii - QUESTÃO (Sobre a Questão):

É possível que o sheik da tal Caravana de Dawah até saiba dessas coisas. Mas, será que a Taqia o permite reconhecer?


4/

QUESTIONE O MUSLIM: Bíblia & Falácia (04)

"A VERSÃO DO ALCORÃO usada atualmente foi basicamente compilada por um só homem, Zaid Ibn Thabit, sob as instruções de. 'Uthman bin' Affan, o Terceiro Califa chefe muçulmano, cerca de vinte anos após a morte de Maomé (o fundador da religião islâmica)."

"SUA REVISÃO FINAL de todo o material veio a tornar-se O ALCORÃO  OFICIAL e, Uthman ordenou a DESTRUIÇÃO de todas as OUTRAS VERSÕES existentes na época. Muitos protestaram contra e este ato mostra que haviam importantes variações entre as diferentes versões do Alcorão."

"De acordo a tradição, Mas'ud, que estava narrando as suratas (cada um dos capítulos em que se divide o Alcorão) enquanto Zaid ainda era bebê, era companheiro de Maomé, que escreveu o seu próprio Alcorão.  Outro escritor, Ubay, era o secretário pessoal de Maomé, ESTAS PRIMEIRAS VERSÕES DISCORDAM COM A DE ZAID, por exemplo, nas suratas 2 204, 4.101, 4.143, 5.48 e 17 6. As suratas completas encontradas numa versão estão faltando na outra."

"Portanto, o Alcorão possivelmente possui partes perdidas e adicionadas aos ensinamentos originais de Maomé, o que é contraditório com à afirmação islâmica de que o seu "Livro Sagrado" é uma transcrição perfeita de tábulas do céu, recitadas à Maomé pelo  anjo Gabriel."

"Nafi (de Medina); Abu 'Amr" al-' Aka' (de Damasco); Hamzah (de Kufah(; Ibn Khathir (de Meca); Ibn 'Amir (de Basra); al-Qisa'i (de Kufah); Abu Bakr 'Asim (de Kufah)."

Extraído de 

Cyril Glasse, The Concise Encyclopedia of Islam, San Francisco, Harper & Row, 1989, p. 324.

NOTA:

i - Eu realcei, com  maiusculas  algumas partes. E temos, nestas poucas linhas da enciclopédia, uma MICRO VISÃO dos PROBLEMAS MACRO de uma história. A história  (Ou estória?) sórdida da COMPILAÇÃO do Alcorão.

ii - Por esta história (Ou estória?), de acordo com o apurado nas Tradições Islâmicas, ficamos sabendo de coisas que os sheiks não contam. Principalmente para os ingênuos que ainda supõem que o Alcorão seria "uma transcrição perfeita de tábulas do céu, recitadas à Maomé pelo  anjo Gabriel.".

iii - Por esta mesma história (Ou estória?) também podemos saber:

- MANUSCRITOS considerados a palavra de Allah foram para o fogo!

- Quem os teria escrito (E eram o Alcorão que teriam ouvido do "profeta".) sofreriam AMEAÇAS DE MORTE.

- O Alcorão (Ou SOBRAS do que teria restado, diria IBN UMAR.), assim como suas as CÓPIAS MANUSCRITAS teriam sido consideradas a palavra de Allah. Tanto é que varias CÓPIAS foram enviadas, como tal, às principais províncias do Islam, naquele tempo.

Mas....

Não vemos o sheik moçambicano, da tal Caravana de Dawah, fazendo palestras e vídeos sobre estes temas. Será por quê?

Talvez por que a história (Ou estória?) seja tão sórdida, ao ponto do Islam sequer poder responder:

- QUAL SERIA O ALCORÃO VERDADEIRO?

- As SOBRAS do que teria restado, de acordo com IBN UMAR???

- Ou... um dos mais de dez Alcoroes que foram QUEIMADOS pelo terceiro, Uthman, de acordo com BUKHARI?

Inclusive, os Alcoroes dos principais RECITADORES apontados por Maomé: IBN MASUD e UBAY KAB.

Em tempo:

Em duas obras minhas (LINKS), eu trato de com pormenores das QUESTÕES geradas pela COMPILAÇÃO do Alcorão. Na primeira, faço até uma COMPARAÇÃO entre a compilação do Alcorão e a FORMAÇÃO DO NOVO TESTAMENTO.

LINKS:

- RESPOSTA AO ISLAM (O Que Todo Cristão Precisa Saber O Islamismo & Sobre A Questão Própria Fé) - Volume 01:

http://missaoimpactar.blogspot.com.br/2014/07/vol-01-resposta-ao-isla-sobre-as.html

- ALCORÃO: APONTAMENTOS (Para Uma Crítica Interna & Externa):

https://missaoimpactar.blogspot.com/2018/07/vem-ai.html?m=1


 5/

QUESTIONE O MUSLIM:  A Bíblia & A Falácia (05).

Por que o Islam não têm como responder "Qual Seria O Alcorão Verdadeiro?. 


"Narrou Anas bin Malik:

Hudhaifa bin Al-Yaman veio a 'Uthman no momento em que o povo de Sham e o povo do Iraque estavam travando uma guerra para conquistar Arminya e Adharbijan.

Hudhaifa estava com medo de suas (o povo de Sham e do Iraque) DIFERENÇAS NA RECITAÇÃO DO ALCORÃO (entre o povo da Síria e o do Iraque) , então ele disse a 'Uthman, "Ó chefe dos Crentes! Salve esta nação antes que eles discordem um

Então, `Uthman enviou uma mensagem a Hafsa dizendo:" ENVIE-NOS OS MANUSCRITOS do Alcorão para que possamos compilar os materiais do Alcorão em cópias perfeitas e devolver os manuscritos para você. "

Hafsa enviou para `Uthman. `Uthman então ordenou que Zaid bin Thabit,` Abdullah bin AzZubair, Sa`id bin Al-As e `AbdurRahman bin Harith bin Hisham REESCREVESSEM OS MANUSCRITOS em cópias perfeitas.

 `Uthman disse aos três homens Coraixitas," Caso você discorde de Zaid bin Thabit em qualquer ponto do Alcorão, então escreva no dialeto dos Coraixitas, o Alcorão foi revelado em sua língua. " Eles o fizeram, e depois de terem escrito muitas cópias, 'Uthman devolveu os manuscritos originais a Hafsa.

`UTHMAN ENVIOU A CADA PROVÍNCIA MUÇULMANA UMA CÓPIA do que haviam copiado e ORDENOU QUE TODOS OS OUTROS MATERIAIS DO ALCORÃO, escritos em manuscritos fragmentados ou cópias inteiras, FOSSEM QUEIMADOS."

FONTE:

Reference  : Sahih al-Bukhari 4987In-book reference  : Book 66, Hadith 9U SC-MSA web (English) reference  : Vol. 6, Book 61, Hadith 510

NOTAS:

1 - Realcei  com maiusculas o que achei mais interessante Agora vamos direto ao ponto. Revisar, fazer um "Alcorão oficial" e depois queimar os demais manuscritos... E qual teria sido a "justificativa"? Havia recitações DIFERENTES. Ora, a desculpa é absurda! Recitações diferentes não alteram palavras iguais. Palavras diferentes fazem serem diferentes as recitações.

2 - O "argumento" de Huidafha é absurdo de inaceitável. Pois judeus e cristãos não divergem sobre as Escrituras bíblicas sagradas que lhe são comuns. Apenas quanto a interpretação das mesmas, no que diz respeito à Jesus.

3 - O GRANDE PROBLEMA que o Islam criou para si, tomando uma DECISÃO POLÍTICA, quando a mesma deveria ser uma DECISÃO TEOLÓGICA::

i - Os principais RECITADORES apontados por Muhammad (Maomé) não participam da COMPILAÇÃO do "Alcorão oficial".

ii - Os principais recitadores (IBN MASUD e UBAY KAB) tiveram os seus Alcoroes queimados. O mesmo aconteceria com os manuscritos de outros mais de dez.

iii - De acordo com IBN UMAR, o Alcorão que teria restado seria apenas uma SOBRA (As Suyuti, Al-Itqan Fii Ulum Al-Quran, pág. 524).

E o Islam não tem como responder:

QUAL SERIA O ALCORÃO VERDADEIRO?

As SOBRAS do que teria restado?

Ou um dos mais de dez Alcoroes que foram QUEIMADOS pelo terceiro califa, pressionado por um comandante de guerra?

Não vemos o sheik moçambicano, da tal Caravana de Dawah, fazendo palestras e vídeos a respeito destas QUESTÕES, tão delicadas. Apenas muçulmanos, como papagaios desinformados, repetindo que o Alcorão seria "transcrição perfeita de tábulas do céu, recitadas à Maomé pelo  anjo Gabriel.".

Resumindo: só FALÁCIAS sobre o que não conhecem, nem os sheiks, parece, têm a honestidade de lhes informar. Mesmo assim, muitos deles se "especializam" em discutir a respeito do que conhecem menos ainda: como foram escritas e conservadas as Escrituras bíblicas sagradas.


6/

QUESTIONE O MUSLIM:  Bíblia & Falácia (06):

- Pedro & Paulo X Ibn Masud X Zaid. 

i - Pedro foi O PRINCIPAL DOS APÓSTOLOS de Jesus. E alguém já imaginou PEDRO, dizendo que as CARTAS DE PAULO não teriam sido escritas com sabedoria divina ou pela inspiração do Espírito Santo? Já imaginou Pedro se referindo à Paulo com desdém?

Não é o que acontece nas Escrituras bíblicas; antes, pelo contrário. 

ii - JÁ NO ISLAM...

O principal dos RECITADORES apontado por Muhammad (Maomé) disse que o Alcorão, (Ou SOBRAS do. que teria restado.), não era o da mesma recitação ou leitura do "profeta".

iii - VAMOS COMPARAR?

- PALAVRAS DE PEDRO (Sobre Paulo):

"15 Tenham em mente que a paciência de nosso Senhor significa salvação, como também o NOSSO AMADO IRMÃO Paulo lhes escreveu, COM A SABEDORIA QUE DEUS LHE DEU. 

16 Ele escreve da mesma forma em todas as suas cartas, falando nelas destes assuntos. Suas cartas contêm algumas coisas difíceis de entender, as quais os ignorantes e instáveis torcem, como também o fazem com as demais Escrituras, para a própria destruição deles."

(SEGUNDA CARTA DE PEDRO 3)

Nota:

Pedro sempre falou em nome dos apóstolos. 

- PALAVRAS DE IBN MASUD (Sobre Zaid Ibn Thabit,  compilador do manuscritos  do Alcorão que teria restado):-

"As pessoas foram acusadas de embuste (ENGANO) na leitura do Alcorão. Eu prefiro que seja melhor ler de acordo com a recitação dele (Maomé), a quem eu amo, do que com a (recitação) de Zaid Ibn Thabit."

(IBN SAD, Kitab al-Tabaqat al-Kabir, Vol. 02, pág. 444, citação em A Codificação do Texto Corânico, de John Gilchrist).

Nota:

Ibn Masud foi apontado por Maomé como o principal dos RECITADORES. De acordo com apurado nas Tradições Islâmicas, ele não depreciou apenas o Alcorão (Ou SOBRAS do.) que teria restado, a COMPILAÇÃO de Zaid Ibn Thabit. Ele depreciou o próprio Zaid, por ele considerado um novato.

QUESTÃO

(Sobre a Questão):

Pedro, o principal do apóstolos, não questionou as Cartas de Paulo, constantes do Novo Testamento. Aliás, nenhum dos DOZE. E eram estes e mais ninguém quem poderia o fazer, mas... não o fizeram. 

E qual a credibilidade nenhuma autoridade espiritual de um sheik muçulmano, no Século XXI, para fazê-lo?

EM TEMPO:

Já passou da hora do Islam e do sheik da tal Caravana de Dawah, ao contrário de falar "abobrinhas" sobre as Escrituras bíblicas e contra a pessoa de Paulo, fazer o quê? 

Tentarem resolver (E será mesmo possível?) esta e outras muitas contradições de uma história (Ou estória?) sórdida. A da COMPILAÇÃO do Alcorão. 

LINKS:

(CONTINUA)


7/

QUESTIONE:O MUSLIM:A Bíblia & A Falácia (07)

PARA FAZER CALAR UMA FALÁCIA

(À Propósito da Fala do Sheik da Tal Caravana de Dawah Em Um Vídeo, A Respeito das Escrituras Bíblicas). 


https://m.facebook.com/story.php?story_fbid=494867261956115&id=100042985373576

1 -

COMO A PALAVRA DE DEUS FOI CONSERVADA, ATRAVÉS DOS MILÊNIOS. 

Os primeiros cinco livros das Escrituras bíblicas sagradas formam a Torah. Moisés os escreveu em PAPIRO, reunindo-os em um só volume ou LIVRO. 

Temos, então, um primeiro exemplo do conceito BÍBLIA (Biblioteca.); tendo em vista que a Torah é um conjunto dos cincos livros de Moisés. E este conjunto de cinco livros, à época em elaboração, é referido como o Livro da Lei (TORAH, Livro do Exodo 24).

i - E O QUE ERA A PALAVRA DE DEUS?

O LIVRO FÍSICO escrito por Moisés ou a MENSAGEM divina nele contida?

R - Obviamente que a mensagem, conforme iremos demonstrar. 

ii - E Por que a PALAVRA DO DEUS não era  (apenas) o livro físico escrito por Moisés e por nenhum dos profetas e escritores bíblicos que o sucederam?

R - Por que o material no qual foram escritos os LIVROS FÍSICOS, por Moisés e pelos demais profetas, iria simplesmente se desintegrar 

Os livros foram escritos em PAPIRO (Tecnologia usada em sua época.). E esse material, quando manuseado, tinha a durabilidade de 200 anos.

Sendo assim, a Torah, escrita de próprio punho por Moisés, existia em  1450 a.C. Mas, em 1250 a.C., aquele LIVRO FÍSICO (Ou o manuscrito original.) já deveria ter sido desintegrado pela ação do tempo. Havendo, obviamente, o seu constante manuseio, até mesmo para a sua reprodução, através de CÓPIAS MANUSCRITAS. 

iii - COM ISSO A MENSAGEM SE PERDEU?

R - Não, obviamente. O próprio Deus, prevendo a necessidade de PRESERVAÇÃO e propagação da sua Palavra, deu às CÓPIAS MANUSCRITAS o mesmo status do MANUSCRITO ORIGINAL Ou seja, do primeiro livro físico. 

iv - E qual foi o status dado por Deus?

R - O status de Palavra de Deus. Visto que o rei deveria "cumprir fielmente todas as palavras desta lei, e todos estes decretos", constantes de uma CÓPIA MANUSCRITA 

"18 Quando (O REI) subir ao trono do seu reino, mandará fazer num rolo, uma CÓPIA DA LEI, que está aos cuidados dos sacerdotes levitas para o seu próprio uso.

19 TRARÁ SEMPRE ESSA CÓPIA CONSIGO e terá que lê-la todos os dias da sua vida, para que aprenda a temer o Senhor, o seu Deus, e a cumprir fielmente todas as palavras desta lei, e todos estes decretos.

20 Isso fará que ele não se considere superior aos seus irmãos israelitas e a não se desvie da lei, nem para a direita, nem para a esquerda. Assim prolongará o seu reinado sobre Israel, bem como o dos seus descendentes."

(TORAH, Livro de Deuteronômio 17)

Nota:

Para Deus, de acordo com a Torah, o LIVRO FÍSICO original e as CÓPIAS MANUSCRITAS, feitas depois e sucessivamente, eram a sua Palavra.

E convém lembrar que o seguinte: Israel teria o seu primeiro rei, Saul, mais de 400 anos depois desta instrução. 

Logo, a CÓPIA MANUSCRITA que teria chegado às mãos do rei Saul já não podia mesmo ser o LIVRO FÍSICO (Ou o manuscrito original) feito por Moisés.

2 - 

EVIDÊNCIA HISTÓRICA & TEOLÓGICA:

"1 Josias tinha oito anos de idade quando começou a reinar, e reinou trinta e um anos em Jerusalém.

(...)

3 No décimo oitavo ano do seu reinado, o rei Josias enviou o secretário Safã, filho de Azalias e neto de Mesulão, ao templo do Senhor, dizendo:

(...)

8 Então o sumo sacerdote Hilquias disse ao secretário Safã: "ENCONTREI O LIVRO DA LEI NO TEMPLO DO SENHOR". Ele o entregou a Safã, que o leu

(...)

9 O secretário Safã voltou ao rei e lhe informou: (...).

10 E o secretário Safã acrescentou: "O sacerdote Hilquias entregou-me um livro". E Safã o leu para o rei.

11 Assim que o rei ouviu as palavras do livro da Lei, rasgou suas vestes

12 e deu estas ordens ao sacerdote Hilquias, a Aicam, filho de Safã, a Acbor, filho de Micaías, ao secretário Safã e ao auxiliar real Asaías:

13 "Vão consultar o Senhor por mim, pelo povo e por todo Judá acerca do que está escrito neste livro que foi encontrado. A ira do Senhor contra nós deve ser grande, pois nossos antepassados não obedeceram às palavras deste livro, nem agiram de acordo com tudo que nele está escrito a nosso respeito".

14 O sacerdote Hilquias, Aicam, Acbor, Safã e Asaías foram falar com a profetisa Hulda, mulher de Salum, filho de Ticvá e neto de Harás, responsável pelo guarda-roupa do templo. Ela morava no bairro novo de Jerusalém.

15 Ela lhes disse: "Assim diz o Senhor, o Deus de Israel: ‘Digam ao homem que os enviou a mim:

16 Assim diz o Senhor: Eu vou trazer desgraça sobre este lugar e sobre seus habitantes; tudo o que está escrito no livro que o rei de Judá leu

(...) 

18 Digam ao rei de Judá, que os enviou para consultar o Senhor: ‘Assim diz o Senhor, o Deus de Israel, acerca das palavras que você ouviu:

19 Já que o seu coração se abriu e você se humilhou diante do Senhor, ao ouvir o que falei contra este lugar e contra seus habitantes, que seriam arrasados e amaldiçoados, e porque você rasgou as vestes e chorou na minha presença, eu o ouvi, declara o Senhor.

20 Portanto, eu o reunirei aos seus antepassados, e você será sepultado em paz. Seus olhos não verão toda a desgraça que eu vou trazer sobre este lugar’ ". Então eles levaram a resposta ao rei

(SEGUNDO LIVRO DOS REIS DE ISRAEL 22)

Nota:

Este fato se dá quase mil anos depois de Moisés.

E, aqui, convém nós lembrar:

- Estava previsto na TORAH (Livro de Deuteronômio 28, etc.) ser toda a nação castigada. E isso se daria, caso não obedecessem a Deus, com quem os seus pais fizeram a Antiga Aliança, com promessa de fidelidade.

- O Livro da Lei encontrado não era,  obviamente, tantos séculos depois, o LIVRO FÍSICO escrito de próprio punho por Moisés. Mas, uma das CÓPIAS MANUSCRITAS, a qual tinha preservado a MENSAGEM ORIGINAL através do tempo.

- E Deus, sendo consultado, através da profetiza Hulda, não questionou aquela cópia. Pois se tratava da sua Palavra ou MENSAGEM. E esta, fora conservada, dos tempos de Moisés até aquela data, como? Através das CÓPIAS MANUSCRITAS que foram feitas, sucessivamente. 

"18 ... Assim diz o Senhor, o Deus de Israel, acerca das palavras que você ouviu:

19 Já que o seu coração se abriu e você se humilhou diante do Senhor, ao ouvir o que falei..."

(2 REIS 22)

Nota:

A Palavra de Deus, reproduzida através de inúmeras CÓPIAS MANUSCRITAS, assim como através das TRADUÇÕES , é o que nos dá segurança quanto à preservação da MENSAGEM dada por Ele aos seus profetas.

Então, quanto em maior NÚMERO e quanto maior a ANTIGUIDADE dos manuscritos torna-se mais seguro e fácil de saber qual a MENSAGEM original.

Isso nunca foi problema em se tratando das Escrituras bíblicas sagradas. Já no que diz respeito ao Alcorão, o quadro se inverte totalmente. Pois um próprio Califa da religião teria mandado queimar  os MANUSCRITOS ORIGINAIS de mais de dez recitadores. Inclusive, os principais RECITADORES apontados por Muhammad (Maomé). 

3 - 

ALCORÃO: PROCESSO & DESVANTAGENS DA COMPILAÇÃO (I):

Narrou Anas bin Malik:

Hudhaifa bin Al-Yaman veio a 'Uthman no momento em que o povo de Sham e o povo do Iraque estavam travando uma guerra para conquistar Arminya e Adharbijan.

Hudhaifa estava com medo de suas (o povo de Sham e do Iraque) DIFERENÇAS NA RECITAÇÃO DO ALCORÃO (entre o povo da Síria e o do Iraque) , então ele disse a 'Uthman, "Ó chefe dos Crentes! Salve esta nação antes que eles discordem sobre o Livro (Alcorão ) como judeus e cristãos faziam antes. "

Então, `Uthman enviou uma mensagem a Hafsa dizendo:" ENVIE-NOS OS MANUSCRITOS do Alcorão para que possamos compilar os materiais do Alcorão em cópias perfeitas e devolver os manuscritos para você. "

Hafsa enviou para `Uthman. `Uthman então ordenou que Zaid bin Thabit,` Abdullah bin AzZubair, Sa`id bin Al-As e `AbdurRahman bin Harith bin Hisham REESCREVESSEM OS MANUSCRITOS em cópias perfeitas.

 `Uthman disse aos três homens Coraixitas," Caso você discorde de Zaid bin Thabit em qualquer ponto do Alcorão, então escreva no dialeto dos Coraixitas, o Alcorão foi revelado em sua língua. " Eles o fizeram, e depois de terem escrito muitas cópias, 'Uthman devolveu os manuscritos originais a Hafsa.

`UTHMAN ENVIOU A CADA PROVÍNCIA MUÇULMANA UMA CÓPIA do que haviam copiado e ORDENOU QUE TODOS OS OUTROS MATERIAIS DO ALCORÃO, escritos em manuscritos fragmentados ou cópias inteiras, FOSSEM QUEIMADOS."

Fonte:

Reference  : Sahih al-Bukhari 4987I, n-book reference  : Book 66, Hadith 9U SC-MSA web (English) reference  : Vol. 6, Book 61, Hadith 510

4 - 

ALCORÃO:  PROCESSO & DESVANTAGENS DA COMPILAÇÃO (II) OU:  QUAL SERIA O ALCORÃO VERDADEIRO?

1 - A história (Ou estória?) sórdida da COMPILAÇÃO do Alcorão é muito bem investigada e criticada por alguns acadêmicos. E estes, foram às fontes islâmicas de informação,  caso das Tradições .Fato este que nos possibilita  levantar QUESTÕES que a religião simplesmente não tem como responder. 

O  livro JAN QUR'AN (À Codificação do Texto Corânico.), de John Gilchrist, além de exemplar, dada a seriedade com que o tema é tratado, nos fornece uma BIBLIOGRAFIA extensa.

A principal QUESTÃO que tradições Islâmicas, como a transcrita acima, e livros sérios como o de Gilchrist, impõe é a seguinte:

-QUAL SERIA O ALCORÃO VERDADEIRO?

- As SOBRAS do que teria restado, de acordo com IBN UMAR???

- Ou... um dos mais de dez Alcoroes que foram QUEIMADOS pelo terceiro, Uthman, de acordo com BUKHARI?

Inclusive, os Alcoroes dos principais RECITADORES apontados por Maomé: MASUD e UBAY KAB.

O que passo a fazer agora, para mostrar a pertinência da QUESTÃO, é analisar o hadith de Bukhari, mas, no CONTEXTO de outras Tradições.

E podemos levar em conta o próprio Alcorão. Pois este, nem teria sido "revelado"  como um LIVRO FÍSICO. Precisamos ter em vista que Maomé seria analfabeto. Logo, a própria COMPILAÇÃO já é, por si mesma, um ato questionável.

Principalmente, se levarmos também em conta uma outra FALÁCIA de alguns muçulmanos. Tal falácia alega o seguinte: ainda que não tivesse ocorrido a tão contraditória e questionável COMPILAÇÃO, o Alcorão teria sido preservado na memória dos muslins.

Será?

Ainda não haviam inventado o CHIP para que pudesse ser implantado no cérebro de cada um deles. E o terceiro califa tinha tanto "apreço" pela propalada memória dos muçulmanos, ao ponto de mandar para o fogo os Alcoroes de mais de dez recitadores, inclusive os dos principais RECITADORES apontados por Maomé.

E caso estes mesmos recitadores e compiladores se recusassem a entregar os seus MANUSCRITOS ORIGINAIS, registro do Alcorão que teriam memórizado? 

Eles simplesmente seriam exterminados, através de afogamento, dizer de Hudhaifa, comandante militar, numa outra Tradição. Tamanho o "apreço" do califa e do seu comandante de guerra pela memória e pelo Alcorão memórizado pelos muçulmanos. 

QUESTÕES

(Sobre a Questão) :

i - O ALCORÃO, ao contrário das Escrituras bíblicas não teria sido "revelado" como um LIVRO FÍSICO. E onde estaria, nos próprios versos do livro, a instrução para que fosse revisado e transformado em livro (Físico) ?

Então o que temos? Por um lado, a ABSURDA TEORIA da possibilidade (nenhuma) do Alcorão conservado apenas na memória dos muslins. Indo até o final deste texto, o leitor entenderá por que. E por outro lado, o fato do Alcorão não autorizar a sua transformação em LIVRO FÍSICO. 

ii - Se Allah, a quem o Islam supõe seja Deus, quisesse mesmo um LIVRO FÍSICO, o teria "revelado" a um analfabeto?

Não haveria como um analfabeto transformar as supostas revelações recebidas em livro físico.

Logo, o FATO de transformar o Alcorão em um livro físico, não teria sido um ATO contrário à natureza da sua "revelação"? 

iii - MAS...

Mesmo mo não tendo sido "revelado" como um LIVRO FÍSICO; e mesmo sido a sua COMPILAÇÃO após a morte de Maomé; o autor do Alcorão refere ao livro como se fosse um livro físico:

ALCORÃO, Sura 15:90-92:

 "Tal como admoestamos aqueles que dividiram (as escrituras),

E que fizeram o Alcorão em frangalhos!

Por teu Senhor que pediremos contas a todos."

- ALCORÃO, Sura 15:90-92 - HN:

"Como o que fizemos descer sobre os que dividiram o Livro,

Que fizeram o Alcorão em fragmentos.

Então, Muhammad, por teu Senhor! Interrogá-lo-emos, a todos."

.Notas:

1 - Estes versos fazem REFERÊNCIA a um Alcorão supostamente completo e que teria sido feito em frangalhos (Fragmentado.).

Adivinhem por quem?...

2 -  Será que os muçulmanos conseguem enxergar o tamanho da CONTRADIÇÃO que há nisso?

iv - A "JUSTIFICATIVA" do comandante de guerra Hudhaifa, para a imposição do Alcorão que teria sido se tornado oficial, é mesmo aceitável?

O que pode fazer diferentes cada RECITAÇÃO (Fosse esse mesmo o caso.) de MANUSCRITOS iguais: sotaques, entonacao, etc. Logo, o problema estaria em quem  o  recitasse. 

Será que tal justificativa, esdrúxula, não procurou encobrir a verdade de que havia MANUSCRITOS DIFERENTES?

A obra de. John Gilchrist aponta várias evidências quanto a isso. É o que iremos ver mais adiante. 

v - No que diz respeito às ESCRITURAS BÍBLICAS, seja do Antigo ou do Novo Testamento, a decisão de quem determinou quais eram os livros sagrados foi uma DECISÃO TEOLÓGICA. Já no caso da decisão de revisar, para, depois, considerar um apenas dos manuscritos do ALCORÃO a palavra de Allah, foi uma decisão e IMPOSIÇÃO POLITICA.

No caso das ESCRITURAS BÍBLICAS , bispos do Catolicismo ratificaram (E não retificaram.) toda uma TRADIÇÃO, vinda desde o tempo dos apóstolos. E esta mesmo tradição atestava DATA AUTORIA e o STATUS de Escrituras inspiradas dos livros do NOVO TESTAMENTO. Pois eram livros de uso regular nas comunidades cristãs, desde o primeiro século. Já no caso do ANTIGO TESTAMENTO, líderes religiosos do Judaísmo já haviam definido, no Concílio de Jamia quais Escrituras bíblicas deveriam conservar o status. Foi, também, uma DECISÃO TEOLÓGICA.

Mas... E quanto ao ALCORÃO?

Por que o ATO POLÍTICO não levou em conta os recitadores, nem mesmo os principais apontados por Maomé?

vi - O QUE DEVERIA SER MAIS RELEVANTE na história (Ou estória?) sórdida da COMPILAÇÃO do Alcorão?

a "JUSTIFICATIVA" equivocada de um comandante de guerra ou a OPINIÃO e os próprios manuscritos dos recitadores?

vii - 

1 - IBN UMAR:

"Que nenhum de vós diga: Adquiri todo o Alcorão.

Como pode alguém saber que todo é esse, quando MUITO DO ALCORÃO DESAPARECEU?

Ao invés disso, diga: Adquiri O QUE SOBREVIVEU (do Alcorão) ATÉ NÓS."

(As Suyuti, AL-ITQAN FII ULUM AL-QUR'AN, pág. 524)

Nota:

Eu realcei, com maiúsculas algumas palavras atribuídas ao filho do segundo califa do Islam. E de acordo com o apurado nas Tradições Islâmicas, temos informações sobre:

- Versos cancelados;

- Versos ignorados;

- Versos alterados;

- Versos esquecidos (Até pelo próprio Maomé!);

- Sura de grande extensão perdida;

- Além do fato do próprio Alcorão dado como o oficial ter sofrido, posteriormente, alterações. Ex.:

- “Ao todo, al-Hajjaj ibn Yusuf fez onze modificações na versão do texto Utmanico (...).

Em al-Baqarah (Sura 2.259) lia-se, originalmente, Lam yatasanna waandhur, mas foi alterado para Lam yatasannah ... Em al-Ma‟ida (Sura 5.48) lia-se Shari ya’atan wa minhaajaan mas foi alterado para shir ‘atawwa minhaajaan.” (IBN ABI DAWUD, Kitab Al-Masahif, Pág.117)..

FONTE::

Enfrentando O Desafio Muçulmano, de John Gilchrist .


2 - As QUESTÕES postas, apenas resumidamente no item anterior, dizem respeito à CRÍTICA EXTERNA que pode e  precisa ser feita ao Alcorão. E, obviamente, não vemos o sheik da tal Caravana de Dawah falando sobre essas coisas. E a razão é simples: os muçulmanos, a despeito do que acabei de expor, são levados a acreditar que o Alcorão teria sido conservado intacto.

Falta saber: que Alcorão é qual seria o verdadeiro?

As QUESTÕES a que refiro (e várias outras) são tratadas, como eu já disse, com pormenores e exaustivamente no JAN QUR'AN de John Gilchirist. E mais pontualmente no meu  ALCORÃO: APONTAMENTOS (Para Uma Crítica Interna & Externa).

Não é só de QUESTÕES DELICADAS, quanto à crítica externa, que está repleto o Alcorão. Na minha obra, eu faço também uma CRÍTICA INTERNA do livro, podendo adiantar para o leitor interessado:

- Cerca de 100 IMPROPRIEDADES de toda ordem. Plenamente refutáveis, elas não encontram o menor fundamento na Ciência, na História. além de em outras áreas do saber.

- Além de: Mentiras Sobre O Monoteísmo, Abraão, Isaque & Ismael; Mentiras Contra & Sobre Jesus Cristo;

Mentiras Contra & Sobre Os Judeu; Mentiras Contra Os Cristãos & O Cristianismo (Bíblico) 

E haveria como a religião resolver tamanhas contradições???

3 - LINKS:

(Aguardem) 

5 - 

RESPONDENDO À FALÁCIA DO SHEIK 01

No vídeo do sheik da tal Caravana de Dawah, ele gasta quase a metade do seu tempo falando uma obviedade. Então, descreve a quantidade desigual dos livros existentes nas Bíblias protestante, católica, judaica e outras.

Taqia ou desinformação?

Como demonstro, já no início deste capítulo, em "QUESTIONE O MUSLIM: Bíblia & Falácia 01, basta  saber o que é uma Bíblia. E, logo, todos os  falsos argumentos do sheik se revelam o que são: sofismas.

Ninguém acrescentou ou retirou de suas bibliotecas (Bíblias.), a MENSAGEM Deus, conservadas através do tempo nas CÓPIAS MANUSCRITAS dos livros sagrados. O que o Catolicismo e a Igreja Ortodoxa fizeram foi formar uma biblioteca (Bíblia.), reunindo livros sagrados e não sagrados.

Não é caso de estar numa bíblia que dá a qualquer livro o STATUS de literatura divinamente inspirada. O próprio Alcorão poderia ser inserido numa bíblia (Biblioteca.), mas, isso o tornaria sagrado (para os judeus e/ou os cristãos).

Para não precisar gastar o meu tempo maus com esse sofisma, recomendo ao leitor voltar ao artigo por mim mencionado.

RESPONDENDO À FALÁCIA DO SHEIK 02 

i - A segunda parte do vídeo do sheik é dedicada a descrever o que os TESTEMUNHAS DE JEOVÁ intentaram fazer com as Escrituras bíblicas sagradas.

Por que eu digo intentaram?

Assim como o Alcorão faz distorções das Escrituras bíblicas, na suas traduções, intitulada Novo Mundo, esse grupo fez o mesmo.

Lograram êxito?

Não. Esse grupo, não cristão, e definido corretamente pelo sheik (Pelo menos isso!) como do ramo do Protestantismo ; é um grupo minoritário. Tal como, por exemplo, é o SUFISMO no Islamismo.

ii - Pior do que isso, os TJs são considerados pelos cristãos uma SEITA  (herética). Do mesmo modo que o Islam considera ser o Sufismo e outras das suas correntes minoritárias.

E QUAL O PROBLEMA do Sufismo com o Islam? Interpretação diferente do Alcorão. Só que o Sufismo, até onde eu saiba não fez a sua própria tradução do Alcorão.

Mas... os TJs ficaram daa Escrituras bíblicas. E uma tradução distorcida e tendenciosa, visando favorecer aos seus erros doutrinários.

E como refuta-los? 

Combatendo-os com a verdade dos MANUSCRITOS E TRADUÇÕES ANTIGOS.

Nenhum cristão autêntico, principalmente nos dias de hoje, irá sair por aí, querendo exterminar os TJs por afogamento, como o comandante de guerra e o terceiro califa do Islam queriam fazer com os recitadores e compiladores do Alcorão.

Nem é preciso queimar as Traduções Novo Mundo dos TJs, como o terceiro califa do Islam fez com os Alcoroes (MANUSCRITOS ORIGINAIS) até dos principais RECITADORES apontados por Maomé: Abdullah Ibn Masud e Ubay Kab.

iii - E qual a autoridade espiritual  nenhuma de uma seita como a dos TJs?

A de quem previu o Armagedom em 1914 e o início do reinado de Cristo na terra, em 1925. Mas.... até hoje Ele ainda não voltou.

Acho que sobre isso não é preciso dizer mais.

iv - Na sua FALÁCIA, o sheik acusa os TJs daquilo que o Alcorão faz, no que diz respeito às Escrituras bíblicas sagradas. E também é verificado na história (Ou estória?) sórdida da COMPILAÇÃO do Alcorão, com relação ao próprio Alcorão. 

Vejamos:

1 - O SHEIK ACUSA os TJs de retirar versículos das Escrituras. MAS... ele se esqueceu (Ou, por Taqia, não quis lembrar?) que o Alcorão faz o mesmo?

A SURA 19, narra, ao seu modo distorcido, o anúncio do NASCIMENTO DE JESUS. Trata-se portanto de um PLÁGIO do Evangelho (Conjunto de livros.) bíblicos. Principalmente do livro de LUCAS 01. A narrativa do Alcorão guarda semelhanças com o Evangelho de Lucas: Maria sendo visitada por um anjo, dizendo não poder dar à luz sendo ainda virgem e o anjo lhe dizendo que a sua gravidez seria sobrenatural, sem nenhum ato sexual.

Todavia, O ALCORÃO OMITE e, portanto, retira dados da história,  como o anjo dizendo à Maria que Jesus é o Salvador (MATEUS 1:21) e o Filho de Deus (LUCAS 1:35 e 2:11).

Acho não ser preciso dizer por que.

Mas, caso o leitor queira ir nos pormenores desta questão, indico o meu artigo O ISLAM MENTIU (03) PARA VOCÊ (Links). 

E agora, Islam?

2 - E nem não é só isso: o ALCORÃO TAMBÉM ACRESCENTA dados inexistentes às Escrituras bíblicas. Um exemplo claro é inventar que Noé teria perdido um de seus filhos, afogado no Dilúvio (SURA 11:42-43). Enquanto a TORAH (Livro de Gênesis, capítulos 6 ao 9), que narra a história por inteiro, deixa claro que que isso não aconteceu. 

3 - Pior pra o Islam  os revisores e compiladores do Alcorão (Ou das SOBRAS do que teria restado.) que teria se tornado o oficial deram um sumiço sabe-se lá em quantos versos. 

Apenas para ficar com um exemplo:

"Deus enviou Maomé e enviou-lhe a Escritura. Parte que ele enviou foi a passagem do apedrejamento. Umar diz: 'Nós lemos a passagem, nós a ensinamos e nós a obedecemos. O apóstolo apedrejou e nós também apedrejamos, seguindo o seu exemplo. Eu temo que, no futuro, os homens dirão que não encontraram qualquer menção de apedrejamento no Livro de Deus, e a partir de então, se desviarão em negligência a uma ordenança que Deus enviou. Verdadeiramente, o apedrejamento no Livro de Deus é uma pena aplicada a homens e mulheres casados que cometeram adultério."

(IBN ISHAQ, Sirat Rasul Allah, pág. 684.)

.Notas:

1 - Esta informação a respeito do VERSO DO APEDREJAMENTO, diria Umar bin Al-Khattab, consta também em Muwatta Imam Malik e na Sunnan Ibn Majah. Falam sobre o verso UMAR (O segundo califa do Islam.), MALIK (O quinto.) é também AISHA (A esposa preferida de Maomé.). Assim como IBN ISHAQ (Autor da mais antiga Sirat, biografia de Maomé.) e IBN MAJAH.

2 - MAS... CADÊ O VERSO do Apedrejamento?

Ele não é encontrado no Alcorão (ou nas SOBRAS do Alcorão que teria restado, diria IBN UMAR)?

E quais é quantos outros versos teriam, assim como este, foram sumidos do Alcorão?

RESPONDENDO À FALÁCIA DO SHEIK 03

O  capítulo terceiro de A CODIFICAÇÃO DO TEXTO CORANICO, de John Gilchrist, é intitulado OS CODICES DE IBN MAS'UD E UBAYY IBN KA'B. No texto, Gilchrist dá-nos alguns exemplos de VARIANTES TEXTUAIS (Variações de um para o outro Alcorão, nas CÓPIAS MANUSCRITAS ORIGINAL). E compara os Alcoroes de Masud e de Ubay Kab com o de Zaid Ibn Thabit. 

Gilchrist faz as seguintes DECLARAÇÕES, às quais, à luz de tudo o que expus até agora, não é possível ignorar:

i -"Havia inúmeras DIFERENÇAS DE LEITURA entre os textos de Zaid e Ibn Mas'ud".

Nota:

O texto de Zaid Ibn Thabit seria o Alcorão que, após revisão, foi imposto aos muçulmanos. Já Masud, foi o principal RECITADOR apontado por Maomé. E ele, assim como mais de outros dez, tornou-se um dos COMPILADORES do Alcorão. 

ii - "Como já foi mencionado, os registros no Kitab al-Masahif de Ibn Abi Dawud preenchem nada menos que dezenove páginas e, de todas as fontes disponíveis, pode-se encontrar nada menos que 101 VARIANTES APENAS NA SURATUL-BAQARAH".

Nora:

Trata-se da SURA 02, uma das mais extensas do Alcorão.

iii - ".1. A Sura 2.275 começa com as palavras Allathina yaakuluunar-ribaa laa yaquumuuna - "aqueles que devoram a usura não resistirão". O texto de Ibn Mas'ud teve a mesma introdução, mas depois da última palavra foi acrescentada a expressão yawmal qiyaamati , isto é, eles não seriam capazes de se levantar no "Dia da Ressurreição. (...)."

iv - "2. A Surah 5.91, no texto padrão, contém a exortação fasiyaamu thalaathati ayyaamin ' - "jejue por três dias". O texto de Ibn Mas'ud teve, após a última palavra, o adjetivo mutataabi'aatin , significando três dias "sucessivos" (...)."

v -"3. Sura 6.153 começa Wa anna haathaa siraatii - "Na verdade este é o meu caminho". O texto de Ibn Mas'ud dizia Wa haathaa siraatu rabbakum - "Este é o caminho do seu Senhor". (...)."

vi -"4. A Sura 33.6 contém a seguinte declaração sobre a relação entre as esposas de Maomé e os crentes: wa azwaajuhuu ummahaatuhuu - "e suas esposas são suas mães". O texto de Ibn-Mas'ud acrescentou as palavras wa huwa abuu laahum - "e ele é o pai delas"(...)."

Nota:

Para cada um dos exemplos acima dados, Gilchrist aponta as suas fontes.

E fica evidente não ter havido apenas RETIRADAS de versos, como no caso do verso do Apedrejamento. Por certo que houve também ACRÉSCIMOS e, obviamente, ALTERAÇÕES.

E tudo com o AGRAVANTE da religião sequer poder responder:

QUAL SERIA O ALCORÃO VERDADEIRO?

As SOBRAS do que teria restado, de acordo com IBN UMAR???

Ou.... Um dos mais de dez Alcoroes que foram QUEIMADOS pelo terceiro califa, Uthman, de acordo com BUKHARI?

Inclusive, os Alcoroes dos principais RECITADORES apontados por Maomé: MASUD e UBAY KAB.

E apenas caso de Masud, em se comparando com o Alcorão de Zaid, tornado, após revisão, o Alcorão oficial, havia muitas discrepâncias.

E quando vemos um sheik taqioso, insistindo nas suas FALÁCIAS contra as Escrituras bíblicas sagradas, há que se perguntar: o que ele teria a declarar a respeito da história (Ou estória?) sórdida da COMPILAÇÃO do Alcorão?

vii - ".Estas são apenas UMA PEQUENA SELEÇÃO DAS CENTENAS DE LEITURAS VARIANTES entre os textos de Ibn Mas'ud e Zaid dando uma idéia aproximada do tipo de diferenças que existiam entre seus códices."

Nota:

Eu realcei com maiúsculas as partes mais importantes das declarações de Gilchrist. 

6 - 

É MUITO IMPORTANTE SABER (01):

“Quanto à DEFINIÇÃO DOS LIVROS INTEGRANTES do Novo Testamento, se dará, mas apenas oficialmente, nos Anos Trezentos. E por que temos que dizer “apenas oficialmente”? Porque UM DOS PRINCIPAIS CRITÉRIOS para a escolha de qualquer livro era: já ser o mesmo LARGAMENTE UTILIZADO PELA IGREJA CRISTÃ, DESDE O SÉCULO PRIMEIRO. E a mesma tradição (oral ou manuscrita) que lhes atribuía autoria, também dava testemunho, através de VÁRIOS MEIOS COMPROBATÓRIOS, da utilização dos mesmos. Como, por exemplo, as transcrições de passagens bíblicas feitas pelos LÍDERES PÓS-APOSTÓLICOS E PRÉ-CATOLICISMO.

Depois da morte dos escritores do Novo Testamento, LIDERANÇAS CRISTÃS PÓS-APOSTÓLICAS PRÉ-CATOLICISMO tinham o hábito de TRANSCREVER TRECHOS BÍBLICOS em suas cartas, sermões e escritos. Mesmo depois de a Igreja Católica surgir, esta tradição continuou. PORÉM, DE ANTES DE 325 d.C. quando ocorreu o Concílio de Nicéia, SOMAM-SE DEZENAS DE MILHARES DE TRANSCRIÇÕES.

E Jay Smith observa:

“Em realidade, há 32.000 citações do Novo Testamento encontradas em escritos que datam de antes do Concílio de Nicéia em 325 d.C. (...) J. Harold Greenlee ressalta que as citações da escritura nas obras dos escritores da Igreja Primitiva são tão extensas que o Novo Testamento poderia ser virtualmente reconstruído a partir delas sem a necessidade de utilizar-se os manuscritos originais do Novo Testamento.

Sir David Dalrymple se esforçou em extremo para realizar tal feito e, lançando mão apenas dos escritos dos pais da Igreja datados dos séculos II e III, ele foi capaz de reconstruir todo o Novo Testamento citado, com exceção de apenas onze versículos (...) Portanto, poderíamos nos desfazer dos manuscritos do Novo Testamento e, ainda assim, reconstruí-lo com o auxílio destas simples cartas. Alguns exemplos destes escritos estão em Evidência, Mcdowell, 1972, pg. 5.”

Extraído de

RESPOSTA AO ISLÃ (O Que todo cristão precisa saber sobre o Islamismo & sobre a sua própria fé.) Vol. 01

http://missaoimpactar.blogspot.com.br/2014/07/vol-01-resposta-ao-isla-sobre-as.html

7 - 

É MUITO IMPORTANTE SABER (02):

1/ 3500 Anos de História da Bíblia:

A história da revelação, escrita e conservação dos livros bíblicos, através do tempo, é a história de um milagre. E prova inconteste do agir soberano de Deus na História. Como eu digo em RESPOSTA AO ISLÃ (O Que Todo Cristão Precisa Saber Sobre o Islamismo & Sobre A Sua Própria Fè) - Vol. 01:

“Antes de Moisés, os fatos mais importantes da História da humanidade, do início da vida no planeta àqueles dias (Cerca de 1450 a.C.) foram retransmitidos entre os judeus, através da tradição oral. (...) Mais tarde, a classe dos escribas judeus surgiu da necessidade de se conservar a Palavra de Deus através de manuscritos, porque estes ensejavam uma maior segurança que a da oralidade. (...) SOMENTE UMA CONCEPÇÃO TACANHA DE DEUS pode ignorar que a Bíblia (tal como a temos hoje) é o único livro que conserva os fatos mais importantes da História humana desde Adão e Eva."

Extraído de

EM DEFESA DA BÍBLIA (01): Resolvendo & Refutando Conceitos Sobre Supostas Alterações, Na Perspectiva Teológica do Que Sejam Deus & Escrituras Sagradas.

http://missaoimpactar.blogspot.com/2016/10/sobre-supostas-adulteracoes-na-biblia_29.html?m=1


.
IMPORTANTE:

Caso o leitor queira nos abençoar, leia
ESTE MINISTÉRIO APOLOGÉTICO & SUA COOPERAÇÃO, publicado em AGOSTO de 2019:
https://missaoimpactar.blogspot.com/2019/08/este-ministerio-apologetico-sua.html?m=1 

OUTRA OPÇÃO DE AJUDA:
Faça um PIX sem compromisso pras seguintes chaves (CAIXA ECONÔMICA FEDERAL) 

OU:

m.madsaiin.ebook@gmail.com

"Pobres, mas enriquecendo a muitos; nada tendo, mas possuindo tudo."
(2 CORINTIOS 6: 10)


INTRODUÇÃO:

SOBRE TAQIA & A LEI DA BLASFÊMIA

(As Duas Maiores Armas da Religião Que Teme Uma Caneta Mais Que  A Um Exército). 

1 - Uma Tática Sórdida. 

Tive, recentemente, num dos grupos de debates do Facebook, o seguinte COMENTÁRIO DENUNCIADO:



É impossível imaginar que um SIMPLES PEDIDO para não ser marcado em uma publicação fira os padrões de qualquer comunidade. Principalmente, quando se trata de um grupo de debates, no caso, o MUÇULMANOS PARA CRISTO, Facebook.

Acontece, porém, que acompanhava o comentário o LINK deste livro (ainda em elaboração). E, certamente por isso, foram feitas, em um curto espaço de tempo, várias denúncias; sendo o comentário, sucessivamente retirado.

Trata-se de uma TÁTICA SÓRDIDA da religião, desde o seu início, isto: o querer calar (Usando de todos os meios possíveis.) aqueles que à ela se opõem com argumentos. E de sua praxe, o  uso também da força bruta contra a liberdade de opinião e sua expressão.  E, de fato, a famigerada LEI DA BLASFÊMIA advoga exatamente isso. 

Tal religião, se pudesse,  implantaria o referido absurdo no mundo inteiro. Formal ou  informalmente, através dos seus radicais. E, hoje mais do que nunca, ela age nesse sentido.  Como eu digo no título que dei a um dos meus artigos (LINK 01),  não há religião que mais 

tema uma caneta do que a um exercito.


2 - Terror Ontem & Hoje.

i - 

Há DOIS NOMES que o pesquisador deve buscar na história, quando se trata do início do Islam e da sua imposição, através da força: ABU AFAK e ASMA AYMAT

- ABU AFAK: apesar dos seus mais de cem anos de idade, foi covardemente assassinado. 

- ASMA BINT MARWAN::

"Umayr, um muçulmano zeloso, decidiu executar a vontade do Profeta. Naquela mesma noite, ele penetrou na casa da escritora, enquanto ela dormia rodeada por seus filhos. Havia um que tinha adormecido enquanto amamentava. Umayr retirou o bebê e mergulhou a sua espada no peito da poetiza.."

Este último relato consta de SEGREDOS DO ALCORÃO, de Don Richardsom, estudioso das Tradições Islâmicas.

De fato, o idoso e a escritora ousaram argumentar contra a "Religião da Paz", tendo o seu profeta já se tornado o senhor da vida e da morte na Arábia.

Era apenas o início das milhões, quem sabe bilhão, de execuções daquela  que pode ser considerada a maior máquina de assassinatos da história humanidade (LINK 02).

Nos dias atuais, fora as notícias frequentes, quase diárias, dos atos dos seus extremistas, uma LISTA ENORME DE NOMES pode (e deve) ser elaborada. Caso da lista das pessoas atingidas, formal ou informalmente, pela famigerada LEI DA A BLASFÊMIA.

ii - 

Fazendo uma visita hoje, 13 de Outubro de 2021, quando escrevo e adianto o teor desta Introdução, ao site PERSECUTION.EXMULINS.ORG (Link 03), verifico os  casos a seguir. Eles são denunciados pela página EX-MUSLIMS NORTH-AMERICAN, numa série intitulada ACCUSEDY OF BLASPHEMY. 

- "9 anos atrás: O PASTOR KARMA PATRAS declarou em um sermão que o sacrifício de animais era desnecessário, citando a Bíblia. Os muçulmanos o acusaram de blasfemar contra o Islã e ameaçaram queimar seus filhos vivos se eles não saíssem da cidade. Patras foi preso."

Nota: Ocorrido no Paquistão.

- AMED SHERWAN:

""8 anos atrás: Depois de dizer a seu pai que ele não acreditava mais em Deus, o pai de Amed o denunciou à polícia. Ele foi preso em confinamento solitário, torturado por choque elétrico, até ser libertado sob fiança."

Nota: Ocorrido no Iraque. 

- ""27 anos atrás: NAGUIB MAHFOUZ, 82, um escritor egípcio proeminente e premiado, sofreu várias facadas no pescoço fora de sua casa no Cairo. Ele havia sido acusado de blasfêmia por seus escritos e colocado em uma lista de alvos."


iii  - 

 E há na página EX-MUSLIMS NORTH-AMERICAN, a seguinte relação de casos ocorridos ocorrendo apenas no EGITO.

(Cabe abrir um parêntese, para lembrar  rque o Egito seria uma nação de tradição parlamentar, os cristãos coptas de lá gozariam de  relativa liberdade religiosa e o governo da radical Irmandade Islâmica foi destituído. Logo, aquela nação muçulmana não teria o mesmo perfil ainda mais intolerante de uma Arábia  (Sunita.), de um Irã (Xiita.) e de um Afeganistão (sabe-se lá o que). 

- O ativista AHMED HARKAN  e a esposa grávida foram agredidos e brutalizados pela polícia. Ela acabou abortando. 

- O  copta ALBER SABER foi preso após compartilhar um filme satírico sobre o Islã.

-:O estudante KAREEM AMER foi expulso da escola e foi preso por três anos, sendo torturado por blasfêmia e ateísmo. 

- O ativista ANAS HASSAN foi condenado a três anos de prisão e  multado por página ateia do Facebook. 

-:AYMAN YUSEF MANSUR foi condenado por blasfêmia no Facebook:  três anos de prisão com trabalhos forçados. 

- Os coptas AYMAN RIDA HANNA e MOUNIR MASSAD HANNA foram presos por vídeo blasfemo nas redes sociais

- BISHOY KAMEEL foi preso e espancado por postagens consideradas blasfemas, publicadas no Facebook. 

- DIMIANA ABDEL-NOUR, professora: foi acusada de blasfêmia e presa. 

- O  professor secularista e proeminente escritor FARAG FODA: assassinado.

- A poetisa e jornalista FATIMA NAOOT foi sentenciada a  três anos de prisão por criticar o "massacre de Eid. 

- O professor copta GAD YOUNAN e alunos zombaram do ISIS. Ele foi preso por blasfêmia, multado, e exilado

- GAMAL ABDOU MASSOUD, um copta de apenas 17 anos, 8condenado a três anos de prisão por blasfêmia.

- Um Programa de TV pró-reforma islâmica foi cancelado e o apresentador preso por blasfêmia. 

-  KARIM AL-BANNA, estudante, foi preso por anunciar ateísmo online. 

- O ativista MAIKEL NABIL SANAD foi submetido a investigação oficial de blasfêmia e se autoexilou do país. 

- O secretário de uma escola cristã, MAKRAM DIAB, foi sentenciado a seis anos de prisão, por fazer perguntas "blasfemas"

-:SHEIKH MIZO o ensinava a tolerância e fez critica as escrituras islâmicas. Recebeu por isso uma sentença de cinco anos de prisão. 

- O comediante MOHAMED ASHRAF f3 preso sob acusação de blasfêmia. Ele teria zombado do programa de rádio do Alcorão.

-:O ativista MUSTAFA ABDEL-NABI foi condenado a três anos por postagens ateístas no Facebook

-:As crianças coptas NABIL NAGY RIZK e MINA NADY y FARAG foram presas por blasfêmia

- Uam autor, NAGUIB MAHFOUZ, sofreu tentativa de assassinato por escritos blasfemos.

O  principal teólogo liberal e escritor NASR ABU ZAYD foi forçado a se exilar. 

- O advogado copta ROMAN MURAD SAAD foi condenado a um ano de prisão, com  trabalhos forçados por "ridicularizar" o Alcorão

- O YouTuber SHERIF GABER, famoso crítico islâmico, foi preso tentando escapar do Egito

_: O estudante YOUSSEF HANI preso por apoiar a França em meio a controvérsia sobre a blasfêmia.

Então, cabe, de novo, enfatizar que estamos falando de casos (E, obviamente, não de todos.) apenas no Egito. E aquela nação muçulmana, portanto, não teria o mesmo perfil ainda mais intolerante de tantas outras. 

Na LISTA DO PORTAS ABERTAS, constante dos  cinquenta países onde a perseguição religiosa é mais cruel e sangrenta, trinta e oito são muçulmanos. E além mais, os exemplos citados acima se restringem a países de maioria e/ou de governos  muçulmanos. E não que os riscos impostos  pela "Religião da Paz", na pessoa dos mais autênticos seguidores do seu profeta (Quem lê o Alcorão entenda.), já não tenha espalhado por quase todo o mundo. Creio estarem vivos em nossa memória mais recente:

- O 11 DE SETEMBRO (Estados Unidos da América);

- O caso CHARLIE HEBDO e episódios frequentes, na França;

- E, no REINO UNIDO, ainda agora, há fortes suspeitas da Polícia de que o assassinato de um político de Direita tenha a mesma motivação. E não, como sabemos, o primeiro ou dos únicos casos. 

Como eu tenho dito, onde tal religião cresce, crescerá também, obviamente, o número dos seus radicais. MOÇAMBIQUE é toda a África que o digam! 


3 - Uma Tática Sórdida 02.

i - Diante do que acabo de expor, a DESONESTIDADE INTELECTUAL no uso das redes sociais por integrantes de tal religião parece ser o de menos. Assim como o fato (E já ocorreu várias vezes.) de eu ter comentários nada ofensivos denunciados. Ao que tudo indica, pelo temor da REFUTAÇÃO que nesta obra proponho às FALÁCIAS do sheik moçambicano da tal Caravana de Dawah,.

Pode até parecer algo prá lá de irrisório. Mas, não é (e jamais pode ser.)

Precisamos sempre ter em vista que a IMPOSIÇÃO DO SILÊNCIO aos que não crêem tende a começar por ações como essas. E quem quer que seja (Ainda que não direta e involuntariamente, conscientemente ou não.) que se torne disso participante, precisa ser alertado. É devidamente esclarecido do quanto estaria contribuindo para a imposição da LEI DA BLASFÊMIA ao mundo. Obviamente que isso estou levando em conta apenas pessoas que se querem livres, sensatas e não fanatizadas pela religiosidade. 

Denúncias de  publicações (Até mesmo das realmente ofensivaa.) com se um crime fosse,.em primeira e última análise, o que realmente  são? 

Atos de flagrante desrespeito à liberdade de opinião e da sua expressão. E estes,  bem mais do que possa parecer, acabam por dar "razão" aos fanatizados. E são os fanatizados pela "Religião da Paz" os que perpetram e perpetuam a violência. 

E, aqui, é preciso também lembrar, como eu faço no meu artigo O AUXÍLIO LUXUOSO DOS INOCENTES ÚTEIS À RELIGIÃO DO TALEBAN (Link 04): Enquanto, nas Escrituras bíblicas, temos uma VIOLÊNCIA DESCRITA, a qual ficou no passado, o que temos no livro tido por sagrado por tal religião?  A VIOLÊNCIA PRESCRITA. Ela é autorizada , estando "legitimada" até que tal religião "prevaleça sobre todas as demais" (61:9). Uma vez que se trata do que seria um dos seus "legítimos" meio de expressão. 

E nem é tudo. 

ii -  Mas, por que a suposta religião da paz apelou, desde o seu início, para a sua imposição através da força? 

Sempre foi do seu interesse ifazer calar as vozes discordantes, principalmente dos judeus e dos cristãos. Visto que a mesma nunca teve identidade própria. E o seu "profeta" somente pode fazer o que fez: apropriar-se da literatura religiosa das outras na fabricação da sua.

O Alcorão faz PLÁGIOS e distorções das Escrituras bíblicas. Assim como de outros livros religiosos e até de literatura pagã (LINK 05). Logo, não é nenhuma novidade que um sheik moçambicano, em pleno Século XXI, queira desqualificar o que um analfabeto e estúpido teológico plagiou e distorceu. Trata-se de uma estratégia a mais; embora insana, como eu demonstro na PARTE SEGUNDA desta obra 

Simplificando ao máximo: eles atiram para todos os lados, tentando atingir as Escrituras bíblicas sagradas. Mas, quando refutados, verifica-se de que somente acertam o Alcorão. E o Alcorão, diria um de seus críticos também enfáticos como eu, tem mais furos do que um queijo suíço. 

Através de três artigos, eu fiz ver a um outro muçulmano o quanto a religião transforma o seu próprio deus em um estúpido. Já que muitos de seus desavisados seguidores são afoitos (Ou taqiosos?) em questionar Escrituras bíblicas que o próprio deus, em seu livro, alega as teria dado. 

Tornar manifesta a Taqia (Ou desinformação?) do  sheik e da tal Caravana é o que proponho na PRIMEIRA e na TERCEIRA PARTE deste O Islam & Sua Falácia Contra As Escrituras Sagradas. 

Na primeira, um conjunto de textos curtos, exceto o último artigo, contesta a FALÁCIA do sheik sobre as mesmas. Eu os intitulo  QUESTIONE O MUSLIM: A Bíblia & A Falácia. Pois a Taqia e/ou desinformação do sheik  levaram-no a uma explanação obtusa. Tendo partido de um pressuposto equivocado, de quem sequer soube definir corretamente o que é uma bíblia, os seus questionamentos soam apenas capciosos.   Além de, taqiosamente, ele ignorar que críticas bem  mais consistentes podem ser feitas ao Alcorão. Por isso, eu tanto faço a DEFESA da  autoridade e da infabilidade das Escrituras bíblicas sagradas, quanto ofereço SUBSÍDIOS a queira iniciar nas críticas externa e interna do livro do Islam. . 

Da terceira e última parte desta obra  consta, principalmente, a REFUTAÇÃO que fiz de um outro vídeo do sheik moçambicano. É comum encontrarmos ele falando, como se diz no meu país, "abobrinhas" a respeito do apóstolo Paulo nas redes. E, certamente, ele nunca teve a honestidade intelectual de responder:

- Qual o TESTEMUNHO da Igreja de Jerusalém e dos apóstolos a respeito de Paulo?

-Qual o TESTEMUNHO de Pedro, o principal dos apóstolos,??? 

- E qual o TESTEMUNHO do próprio Senhor Jesus sobre Paulo.

Como se vê, estas PERGUNTAS são por si mesmas a mais incontestável REFUTAÇÃO. Faltando apenas também perguntar: a QUEM dá crédito a respeito de Paulo? À Igreja de Jerusalém, aos apóstolos, a Pedro e ao próprio Jesus?  Ou às FALÁCIAS de quem faz ousadas asseverações sobre o que não sabe e precisa melhor se informar?

E, talvez, até saiba, mas, prefere fazer da Taqia (Mentira para o favorecimento da religião.) sua estratégia. Como estou demonstrando, na "Religião da Paz", desde o seu início, as coisas funcionam exatamente assim. 

iii - E precisava escrever um livro, para refutar o que foi dito em dois pequenos vídeos, recortes de alguma palestra ou debates?  E possível que você, leitor ou leitora, esteja fazendo a pergunta. . E acredito que a exposição dos motivos feita até aqui  sirva como resposta.

Historicamente, não vemos apenas a "Religião da Paz" tentando anular as críticas dos "infiéis". Mas, também é desde o seu início, plagiando e distorcendo o Credo e a literatura sagrada de outras. Foi o expediente do qual lse utilizou para forjar e impor o Alcorão. 

Então, é preciso que fique bem claro: a DEFESA apologética da fé cristã contra os ataques taqiosos da "Religião da Paz" é, em primeira e última análise, um ATO DE DEFESA  Como eu costumo dizer, nos meus  debates quase que diários com os seus seguidores, desde o início da década passada: nem eu mesmo  precisaria estar aqui, fazendo a DEFESA APOLOGÉTICA da fé cristã e das Escrituras bíblicas, se um analfabeto é estúpido teológico não as tivesse distorcido. 

O sheik, em Moçambique, apenas repete o seu profeta  Mas, como diria Paulo: "É preciso fazê-los calar, pois transtornam  casas inteiras, ensinando o que não convém..." (CARTA A TITO 1:10-11). E que nenhum líder e/ou cristão espiritualmente responsável (LINK 06) dos países da Língua Portuguesa possa ficar indiferente a ações tão nefastas. Todos haveremos de comparecer perante o Tribunal de Cristo. E a omissão não há de ficar de  impune, em razão dos males que as FALÁCIAS do Islam, não sendo devidamente refutadas, possam (aos seus rebanhos) causar. 

Não é a primeira vez que julguei ser necessário contestar as FALÁCIAS de tal sheik e de tal Caravana. A atuação dos mesmos nas redes sociais  levaram-me a lhes propor vários DESAFIOS, no grupo Bíblia & Alcorão (Facebook.). Ninguém, todavia, compareceu em nome da mesma para as discussões. Os artigos publicados constam do meu DESAFIOS À CARAVANA DE DAWAH: O Livro (LINK 07).

Na ocasião, fiquei sabendo que o tal sheik teria alegado que só faz debate presencial e que não levaria a sério quem não mostra o rosto. E alguns muslins, ao tratarem comigo, usaram desse tipo de alegação como se fosse um mantra. Então, eu tive de os fazer calar também quanto a isso. Bastou apontar para os mesmos o  histórico de violência da "Religião da Paz" contra aqueles que a ousaram questionar.

E lhes perguntei: qual o RISCO de, após um acirrado debate, um cristão autêntico esfaquear alguém ou, num abraço, explodir-se a si mesmo para também "suicidar" algum "infiel"?. Nenhum. Mas, se for o contrário e, logo, em se tratando dos mais autêntica seguidores do "profeta"?  Como de sempre, eles ficaram sem argumentos. E o "mantra", perdeu a força que já nem tinha, diante do histórico de execuções de tal religião. 

Eu não aconselho aos cristãos participarem de  debates presenciais e passo a explicar o principal de todos os porquês. Não há como o cristão devidamente esclarecido debater com os seguidores da "Religião da Paz", partindo dos seguintes pressupostos:

- De que Allah seja Deus (e o mesmo Deus das Escrituras bíblicas);

- De que Maomé tivesse sido profeta do Deus das Escrituras bíblicas !ainda que, no Alcorão, Allah alegue que seriam);

- E de que o Alcorão seja, tal como são as Escrituras bíblicas sagradas, livro da inspiração de IHWH Elohim. 

 Não há como fazer isso, simplesmente por que tais PRESSUPOSTOS não são verdadeiros.  E a obrigação do cristão, é demonstrar, com argumentos e evidências, que a nossa rejeição a Maomé não é gratuita. E para tanto, torna-se ainda mais obrigatório apontar-lhes a credibilidade nenhuma do  "profeta". Pois, além dos PLÁGIOS e distorções das Escrituras bíblicas encontrados no Alcorão, a 

conduta do mesmo, biblicamente falando, foi abominável.

Só que os seguidores mais fanatizados, óbvio, não suportam ouvir a respeito dessas coisas. Ainda que usemos como fonte de informação o próprio Alcorão e as Tradições Islâmicas.

É natural, portanto, que advoguem e queiram nos impor o silêncio; quando há o risco do efeito de suas FALÁCIAS  ser anulado por uma ARGUMENTAÇÃO consistente. 

Este livro, bem mais que responder a dois vídeos; e, no geral, aos posts publicados por tal sheik e tal Caravana nas redes sociais, procura oferecer aos meus irmãos e amigos SUBSÍDIOS. E SUBSÍDIOS para refutação das falácias do Islam contra as Escrituras bíblicas sagradas. Assim como toda a minha produção literária em DEFESA da fé cristã contra os ataques do Alcorão.

Belo Horizonte, Outubro de 2021.

:

LINKS:

1 - SOBRE A RELIGIÃO QUE TEME UMA CANETA MAIS DO QUE A UM EXÉRCITO (E Será Por quê???)

https://missaoimpactar.blogspot.com/2020/10/sobre-religiao-teme-uma-caneta-mais-do.html?m=1

2 -  MAIOR MÁQUINA DE ASSASSINATOS DA HISTÓRIA


3   - PERSECUTION.EXMULINS.ORG

https://persecution.exmuslims.org/cases/pastor-karma-patras-arrested-family-death-threatened-for-saying-animal

4 - O AUXÍLIO LUXUOSO DOS "INOCENTES ÚTEIS" À RELIGIÃO DO TALEBAN (Apontamentos Sobre Uma História Insensatamente Vivida Aqui & Agora) .*

https://missaoimpactar.blogspot.com/2021/09/o-auxilio-luxuoso-dos-inocentes-uteis.html?m=1

5 - APT. 11

- A QUESTÃO CRÍTICA INTERNA 01: PLÁGIO 

- QUESTÃO:

Seria Deus dotado de um extremo mau gosto literário?

 E inescrupuloso, ao ponto de fazer apropriações indevidas de obras alheias, inclusive da literatura pagã, para dar-lhes o status de (nova) revelação divina??

 E a verdade no Alcorão: um detalhe irrelevante ou valor absoluto???https://missaoimpactar.blogspot.com/2018/10/cap-11.html?m=1

6 - ALERTAS & DOSSIÊS: LINKS & etc. (Artigos da Série Só Para Líderes E/Ou Cristãos Espiritualmente Responsáveis.)

https://missaoimpactar.blogspot.com/2021/09/alertas-dossies.html?m=1

7 - DESAFIOS À CARAVANA DE DAWAH: O Livro.

https://missaoimpactar.blogspot.com/2020/02/desafio-caravana-de-dawah-o-livro.html?m=1 


... 

.
IMPORTANTE:

Caso o leitor queira nos abençoar, leia
ESTE MINISTÉRIO APOLOGÉTICO & SUA COOPERAÇÃO, publicado em AGOSTO de 2019:
https://missaoimpactar.blogspot.com/2019/08/este-ministerio-apologetico-sua.html?m=1 

OUTRA OPÇÃO DE AJUDA:
Faça um PIX sem compromisso pras seguintes chaves (CAIXA ECONÔMICA FEDERAL) 

OU:

m.madsaiin.ebook@gmail.com

"Pobres, mas enriquecendo a muitos; nada tendo, mas possuindo tudo."
(2 CORINTIOS 6: 10)

PARTE SEGUNDA:

TRÊS ARTIGOS (Para A Refutação de Um Muslim Através do Seu Próprio Alcorão?) *


I - ARTIGO:

ALLAH O DEUS PAGÃO DOS LIVROS PERDIDOS (Ou Refutando O Muslim Através do Seu Próprio Alcorão) 01. *

1/ No PRINT abaixo: a falácia do Islam de que a Torah e o Evangelho teriam sido perdidos. Não os do Deus das Escrituras bíblicas, óbvio, como iremos ver.



LINK:

https://m.facebook.com/groups/1085343445307107/permalink/1198725747302209/


2/ Nem o próprio Alcorão admite tal falácia. Assim como renomados escritores do Islam.

Talvez o Muslim não saiba. Ou por Taqia prefira ignorar.


3/ QUESTÃO/ REFUTAÇÃO 01:

ALCORÃO, Sura 5:47-a - HN:

"E que os seguidores do Evangelho JULGUEM conforme Allah fez descer sobre ele."

Nota:

COMO JULGAR pelo o que não se tem mãos?

Conclusão óbvia: os judeus e os cristãos tinham, sempre tiveram e terão.

Mas... 

Quando tal verso teria sido *revelado", o Alcorão, como livro, não existia. E os  muçulmanos é que não poderiam julgar pelo seu Alcorão. Ou as SOBRAS do que dele teria restado (Ibn Umar). Estas seriam, após a morte de Maomé, transformadas em livro. E o mais curioso é que o nenhum verso do Alcorão ordena isso. Ou seja: que o Alcorão, embora mencionado como livro, fosse transformado em manuscritos (livro físico). 


SOBRE A VERDADEIRA PALAVRA DE DEUS 01:

"7 A relva murcha e cai a sua flor, quando o vento do Senhor sopra sobre eles; o povo não passa de relva.

8 A relva murcha, e as flores caem, mas a palavra de nosso Deus permanece para sempre."

(LIVRO DO PROFETA ISAÍAS 40)

Nota:

Se os livros do tal Allah se perderam, eis a EVIDÊNCIA de que o mesmo não é Deus e o Deus das Escrituras bíblicas.

SOBRE A VERDADEIRA PALAVRA DE DEUS 02:

"11 Ainda veio a mim a palavra do Senhor, dizendo: Que é que vês, Jeremias? E eu disse: Vejo uma vara de amendoeira.

12 E disse-me o Senhor: Viste bem; porque eu velo sobre a minha palavra para cumpri-la."

(LIVRO DO PROFETA JEREMIAS 1)

Nota:

Nas Escrituras bíblicas, é Deus o principal interessado em preservar a sua palavra e não os homens.

Já no Islam, nem o homem.

Tanto é que o Islam sequer pode responder:

QUAL SERIA O ALCORÃO VERDADEIRO?

As SOBRAS do que teria restado, de acordo com IBN UMAR???

Ou um dos mais de dez Alcoroes que foram QUEIMADOS pelo terceiro califa, Uthman, segundo BUKHARI?

Inclusive, os Alcoroes dos principais RECITADORES apontados por Maomé: MASUD e UBAY KAB.

SOBRE A VERDADEIRA PALAVRA DE DEUS 03:

"35 O céu e a terra passarão, mas as minhas palavras não hão de passar."

(MATEUS 24)

Nota:

Precisa dizer mais? O Injil do Alcorão não pode ser o Evangelho de Jesus (Conjunto de livros que formam um todo, assim como a Torah).

Conclusão óbvia: a verdadeira Palavra de Deus é preservada pela Providência divina. 

SAIBA MAIS:

- ALLAH: O "DEUS" ESTÚPIDO DOS LIVROS PERDIDOS (...) 02

https://www.facebook.com/groups/1085343445307107/permalink/1199700957204688/?app=fbl

- ALLAH: O "DEUS" IMPOTENTE DOS LIVROS PERDIDOS (...) 03:

https://www.facebook.com/groups/1085343445307107/permalink/1200418767132907/?app=fbl

- Vol. 01 RESPOSTA AO ISLÃ

(O Que Todo Cristão Precisa Saber O Alcorão & A Sua Própria Fé)

http://missaoimpactar.blogspot.com/2014/07/vol-01-resposta-ao-isla-sobre-as.html?m=1

OBS.: O volume trata da FORMAÇÃO do Novo Testamento, em comparação com a COMPILAÇÃO do Alcorão

- ALCORÃO: APONTAMENTOS (Para Uma Crítica Interna & Externa)

https://missaoimpactar.blogspot.com/2018/07/vem-ai.html?m=1

- POR QUE ALLAH NÃO É DEUS

(O Mesmo Deus das Escrituras bíblicas)

https://missaoimpactar.blogspot.com/2021/04/por-que-allah-nao-e-deus.html?m=

(*) Publicado originalmente no grupo de debates Muçulmanos Para Cristo, Facebook:

 https://www.facebook.com/groups/1085343445307107/permalink/1198842820623835/?app=fbl

(*) O muçulmano refutado, através destes três artigos, publicados originalmente no grupo MUÇULMANOS PARA CRISTO, do Facebook, em Setembro de 2021, não é o referido sheik da tal Caravana de Dawah. Mas, no geral, tal como se fossem papagaios, vários moçambicanos repercutem os conceitos do sheik (e do Islam). 


II - ARTIGO:

ALLAH: O "DEUS" ESTÚPIDO DOS LIVROS PERDIDOS (Ou Refutando O Muslim Através do Seu Próprio Alcorão) - 02 *


1/ No PRINT logo acima: o que diz o Allah do Alcorão sobre a Torah e o Evangelho. Já no PRINT do primeiro artigo desta Série,  o que vimos? Um muslim alimentando a FALÁCIA do Islam de que as referidas Escrituras bíblicas seriam LIVROS PERDIDOS

Nas suposições do Islam, as Escrituras bíblicas teriam sido também corrompidas.

Corrompidas ou perdidas? 

Na verdade, a religião não sabe exatamente o que alegar, "baseada" em suposições e/ou no desconhecimento do seu próprio livro tido por sagrado. E o pior: não sabe como tais alegações, infundadas, fazem do deus do Alcorão um estúpido.

Não é que não seja. Confiram:

QUESTIONE O MUSLIM: Allah, o estúpido 01.

- Esse deus sabe menos que uma criança! 

ALCORÃO, Sura 11:42-43 - HN:

"...E Noé chamou seu filho, que se achava à parte: "Ó meu filho! Embarca conosco e não te deixes estar com os renegadores da Fé.  "Ele disse: "Abrigar-me-ei em uma montanha que me protegerá da água." (...) E as ondas se interpuseram entre ambos: então, foi ele dos afogados."

TORAH, Livro de Gênesis:

- ANTES do Dilúvio:

"E era Noé da idade de quinhentos anos, e gerou Noé a Sem, Cão e Jafé." (6:9-10)

- DEPOIS DO DILÚVIO:

"E os filhos de Noé, que da arca saíram, foram Sem, Cão e Jafé; e Cão é o pai de Canaã. Estes três foram os filhos de Noé; e destes se povoou toda a terra." (9:18-19)

NOTA:

Tal como a 9:30 etc., a SURA 11:42-43 é mais um ATESTADO DE ESTUPIDEZ TEOLÓGICA do autor do Alcorão (E não pode ser Deus!). Ele sequer conhecia a história de Noé e do Dilúvio, coisa que qualquer criança judia ou cristã sabe de cor. O ignorante (autor do) Alcorão chega a afirmar que o Dilúvio teria sido no tempo dos faraós (7:130-133). Preciso dizer mais? Sim. É por isso que eu digo que um muçulmano, depois de esclarecido, acaba sabendo mais do que o seu deus e profeta juntos. Só no Islam!...

2/ Temos assistido o sr صالح المنصوري,, aqui neste grupo MUÇULMANOS PARA CRISTO, insistir em um erro fatal. 

Ele atira contra as Escrituras bíblicas, mas... atinge apenas o (deus do) Alcorão:

QUESTÃO:

Para dizer que livros perdidos ou corrompidos "encerram orientação e luz" é preciso ser um (deus muito) estúpido.

É isso mesmo que o Islam pensa do seu Allah???

Afinal, o que o muslim sabe, hoje, que o seu deus não sabia?


3/

SOBRE A VERDADEIRA PALAVRA DE DEUS 01:

"7 A relva murcha e cai a sua flor, quando o vento do Senhor sopra sobre eles; o povo não passa de relva.

8 A relva murcha, e as flores caem, mas a palavra de nosso Deus permanece para sempre."

(LIVRO DO PROFETA ISAÍAS 40)

Nota:

Se os livros do tal Allah se perderam, eis a EVIDÊNCIA de que o mesmo não é Deus e o Deus das Escrituras bíblicas.

SOBRE A VERDADEIRA PALAVRA DE DEUS 02:

"11 Ainda veio a mim a palavra do Senhor, dizendo: Que é que vês, Jeremias? E eu disse: Vejo uma vara de amendoeira.

12 E disse-me o Senhor: Viste bem; porque eu velo sobre a minha palavra para cumpri-la."

(LIVRO DO PROFETA JEREMIAS 1)

Nota:

Nas Escrituras bíblicas, é Deus o principal interessado em preservar a sua palavra e não os homens.

Já no Islam, nem o homem.

Tanto é que o Islam sequer pode responder:

QUAL SERIA O ALCORÃO VERDADEIRO?

As SOBRAS do que teria restado, de acordo com IBN UMAR???

Ou um dos mais de dez Alcoroes que foram QUEIMADOS pelo terceiro califa, Uthman, segundo BUKHARI?

Inclusive, os Alcoroes dos principais RECITADORES apontados por Maomé: MASUD e UBAY KAB.

SOBRE A VERDADEIRA PALAVRA DE DEUS 03:

"35 O céu e a terra passarão, mas as minhas palavras não hão de passar."

(MATEUS 24)

Nota:

Precisa dizer mais? O Injil do Alcorão não pode ser o Evangelho de Jesus (Conjunto de livros que formam um todo, assim como a Torah).

Conclusão óbvia: a verdadeira Palavra de Deus é preservada pela Providência divina. 

SAIBA MAIS:

- ALLAH: O "DEUS" PAGÃO DOS LIVROS PERDIDOS (...) 01 

https://www.facebook.com/groups/1085343445307107/permalink/1198842820623835/?app=fbl

- ALLAH: O "DEUS" IMPOTENTE DOS LIVROS PERDIDOS (...) 03:

https://www.facebook.com/groups/1085343445307107/permalink/1200418767132907/?app=fbl

- Vol. 01 RESPOSTA AO ISLÃ

(O Que Todo Cristão Precisa Saber O Alcorão & A Sua Própria Fé)

http://missaoimpactar.blogspot.com/2014/07/vol-01-resposta-ao-isla-sobre-as.html?m=1

OBS.: O volume trata da FORMAÇÃO do Novo Testamento, em comparação com a COMPILAÇÃO do Alcorão. 

- ALCORÃO: APONTAMENTOS (Para Uma Crítica Interna & Externa)

https://missaoimpactar.blogspot.com/2018/07/vem-ai.html?m=1

- POR QUE ALLAH NÃO É DEUS

(O Mesmo Deus das Escrituras bíblicas)

https://missaoimpactar.blogspot.com/2021/04/por-que-allah-nao-e-deus.html?m=1

(*) Publicado originalmente no grupo de debates Muçulmanos Para Cristo, Facebook:

https://www.facebook.com/groups/1085343445307107/permalink/1199700957204688/?app=fbl

APÊNDICE:






III - ARTIGO:

ALLAH: O "DEUS" IMPOTENTE DOS LIVROS PERDIDOS (Ou Refutando O Muslim Através do Seu Próprio Alcorão) 03 *


ALCORÃO, Sura 6:34 - HN:

"Não há quem troque as palavras de Allah."

Em uma outra tradução diz:

"Nossas decisões são inexoráveis."

Será mesmo??? 

Versos e livros, principalmente, não estariam na conta das "decisões inexoráveis" ou das palavras de Allah "que não há quem troque" (Alteraria.)

Para o muslim altera. 

Mas, cadê o impotente Allah? Não pode fazer o verso se cumprir? 


1/Em vários posts seus, aqui neste grupo,   صالح المنصوري,  insistiu numa típica FALÁCIA DO ISLAM. Voltem ao PRINT no primeiro artigo desta Série

Tal FALÁCIA, de muslins taqiosos ou desinformados do seu próprio Alcorão, depõe contra o seu deus. Pois faz de Allah um IGNORANTE, como demonstro no  primeiro artigo desta Série.

Bem pior que ignorante: tal FALÁCIA faz de Allah um ESTÚPIDO (Ver o artigo 02).

Mas... não é tudo! 

Neste último artigo, veremos o que ainda mais tal FALÁCIA faz.  Faz de Allah um deus IMPOTENTE. Pois o ser que se esconde por detrás do nome Allah no Alcorão não pode velar pela palavra que alega ser dele. Demonstração que pode ser feita, através de uma simples questão

QUESTÃO / Desafio 

i - Na SURA 6:34 - HN, o Alcorão diz:

"E não há quem troque as palavras de Allah". 

Numa tradução menos feliz, diz que seriam inexoraveis as decisões de Allah. Então, versos e livros precisam estar nessa  conta: "decisões inexoráveis". 

No mesmo Alcorão, Allah alega teria dado a TORAH, O EVANGELHO E OS SALMOS (5:46-48 e 16:44 - HN). E cita dezenas de profetas e/ou personagens bíblicos, cujos livros e histórias somente na Bíblia se encontram, em se tratando de livros sagrados.

ii - O muslim e o Islam, por DESINFORMAÇÃO ou má-fé, alegam que tais livros teriam sido corrompidos e até perdidos.

3 - QUESTÃO 

(Sobre A Questão):

- QUEM estaria dizendo a verdade?

 - O muslim e o Islam??? 

- A SURA 6:34 ? 

Ou.. todos mentem???


- E POR QUE o deus Allah NÃO FOI ONIPOTENTE o suficiente pra impedir e fazer cumprir o que é dito? 

- E POR QUE o tal Allah NÃO FOI ONISCIENTE pra não dizer ser "luz e orientação" de livros que o Islam supõe (E alega.) perdidos ou corrompidos?

MAS... 

Não eram tais livros decisões inexoráveis e palavras de Allah que "não há quem  troque" (Alteraria.)?

E agora, muslim? 

E agora, Islam???

EM TEMPO:



O muslim صالح المنصوري, (Ver PRINT acima.), também insiste em OUTRA FALÁCIA do Islam. Agora contra Paulo e o nome cristão. E, de novo, fala o que não sabe e deveria melhor se informar. Ou, pelo menos, procurar ser honesto, intelectualmente falando. Nós PRINTS 04 e 05, essa outra falácia é também refutada.

Conclusão a ser tirada:

O muslim aprendeu com o deus e o profeta do Alcorão a falar (mal) do que não sabe. 

i - 

QUESTIONE O MUSLIM: Allah, o estúpido 01.

- Esse deus sabe menos que uma criança! 

ALCORÃO, Sura 11:42-43 - HN:

"...E Noé chamou seu filho, que se achava à parte: "Ó meu filho! Embarca conosco e não te deixes estar com os renegadores da Fé.  "Ele disse: "Abrigar-me-ei em uma montanha que me protegerá da água." (...) E as ondas se interpuseram entre ambos: então, foi ele dos afogados."

TORAH, Livro de Gênesis:

- ANTES do Dilúvio:

"E era Noé da idade de quinhentos anos, e gerou Noé a Sem, Cão e Jafé." (6:9-10)

- DEPOIS DO DILÚVIO:

"E os filhos de Noé, que da arca saíram, foram Sem, Cão e Jafé; e Cão é o pai de Canaã. Estes três foram os filhos de Noé; e destes se povoou toda a terra." (9:18-19)

NOTA:

Tal como a 9:30 etc., a SURA 11:42-43 é mais um ATESTADO DE ESTUPIDEZ TEOLÓGICA do autor do Alcorão (E não pode ser Deus!). Ele sequer conhecia a história de Noé e do Dilúvio, coisa que qualquer criança judia ou cristã sabe de cor. O ignorante (autor do) Alcorão chega a afirmar que o Dilúvio teria sido no tempo dos faraós (7:130-133). Preciso dizer mais? Sim. É por isso que eu digo que um muçulmano, depois de esclarecido, acaba sabendo mais do que o seu deus e profeta juntos. Só no Islam!...

ii - 

QUESTIONE O MUSLIM: Paulo & os  cristãos. 

- E quando os papagaios e os sheiks, desinformados, falam sobre quem e o que não sabem e precisam melhor se informar?

1 - PERGUNTE & O MUSLIM SE CALA:

Paulo é reconhecido, nas Escrituras bíblicas, como um discípulos de Jesus. E  o que deus Allah, no Alcorão, alega teria feito aos discípulos? (ALCORÃO, Sura  61:14)

2 - PERGUNTE & O MUSLIM SE CALA 02:

i - Qual o TESTEMUNHO da Igreja de Jerusalém e dos apóstolos sobre Paulo?

ii - Qual o TESTEMUNHO de Pedro, o principal dos apóstolos, sobre ele??? 

iii - E qual o TESTEMUNHO do próprio Jesus a respeito de Paulo!

QUESTÃO (Sobre a Questão):

A quem ouvir? Aos papagaios dos sheiks??? Ou à Igreja de Jerusalém, os apóstolos, a Pedro e ao próprio Jesus? Irão se calar...

3 - PIOR PRA OS PAPAGAIOS:

"E ele disse: (Quando enviamos dois a eles, eles os negam) Ou seja, eles os iniciaram a negar, (Então fomos reforçados por um terceiro), ou seja: Nós os fortalecemos e os fortalecemos com um terceiro mensageiro.

Ibn Jurayj disse, sob a autoridade de Wahb bin Suleiman, sob a autoridade de Shuaib al-Jabaei, que disse: O nome dos primeiros dois mensageiros era Simeão e João, e o nome do terceiro era Paulo, e a aldeia era Antioquia.".

(TAFSIR DE IBN KHATHIR - ALCORÃO 36:14)

iii - 

QUESTIONE O MUSLIM: Paulo & os cristãos 2

- Cale os papagaios dos sheiks obtusos. 


1 - ALCORÃO, Sura 61:14:

"14 Ó fiéis, sede os auxiliadores de Deus, como disse Jesus, filho de Maria  aos discípulos: Quem são os meus auxiliadores, na causa de Deus Responderam: Nós somos os auxiliadores de Deus! Acreditou, então, uma parte dos israelitas, e outra desacreditou; então, socorremos os fiéis contra seus inimigos, e eles saíram vitoriosos."

NOTA: O Alcorão não sabe: os apóstolos e primeiros discípulos NÃO prevaleceram fisicamente. Foram martirizados Mas o que importa aqui:  Allah alega tê-los feito vitoriosos. E Paulo, na BÍBLIA (Atos 15, etc.), é reconhecido como um dos discípulos exemplares de Jesus.

2 - ALCORÃO, Sura 36:14:

"Enviamos-lhes dois (mensageiros), e os desmentiram; e, então, foram reforçados com o envio de um terceiro; (os mensageiros) disseram-lhes: Ficai sabendo que fomos enviados a vós."

3 - TAFSIR IBN KHATHIR 36:14:

"...Ibn Jurayj disse, sob a autoridade de Wahb bin Suleiman, sob a autoridade de Shuaib al-Jabaei, que disse: O nome dos primeiros dois mensageiros era Simeão e João, e o nome do terceiro era Paulo, e a aldeia era Antioquia.".

NOTA: Cadê os papagaios e seus Sheiks? Falam contra Paulo e os discípulos serem chamados cristãos em Antioquia. Obtusos! 

Só não conhecem a Bíblia e nem mesmo o seu Alcorão. Coisas do Islam.

2/

SOBRE A VERDADEIRA PALAVRA DE DEUS 01:

"7 A relva murcha e cai a sua flor, quando o vento do Senhor sopra sobre eles; o povo não passa de relva.

8 A relva murcha, e as flores caem, mas a palavra de nosso Deus permanece para sempre."

(LIVRO DO PROFETA ISAÍAS 40)

Nota:

Se os livros do tal Allah se perderam, eis a EVIDÊNCIA de que o mesmo não é Deus e o Deus das Escrituras bíblicas.

SOBRE A VERDADEIRA PALAVRA DE DEUS 02:

"11 Ainda veio a mim a palavra do Senhor, dizendo: Que é que vês, Jeremias? E eu disse: Vejo uma vara de amendoeira.

12 E disse-me o Senhor: Viste bem; porque eu velo sobre a minha palavra para cumpri-la."

(LIVRO DO PROFETA JEREMIAS 1)

Nota:

Nas Escrituras bíblicas, é Deus o principal interessado em preservar a sua palavra e não os homens.

Já no Islam, nem o homem.

Tanto é que o Islam sequer pode responder:

QUAL SERIA O ALCORÃO VERDADEIRO?

As SOBRAS do que teria restado, de acordo com IBN UMAR???

Ou um dos mais de dez Alcoroes que foram QUEIMADOS pelo terceiro califa, Uthman, segundo BUKHARI?

Inclusive, os Alcoroes dos principais RECITADORES apontados por Maomé: MASUD e UBAY KAB.

SOBRE A VERDADEIRA PALAVRA DE DEUS 03:

"35 O céu e a terra passarão, mas as minhas palavras não hão de passar."

(MATEUS 24)

Nota:

Precisa dizer mais? O Injil do Alcorão não pode ser o Evangelho de Jesus (Conjunto de livros que formam um todo, assim como a Torah).

Conclusão óbvia: a verdadeira Palavra de Deus é preservada pela Providência divina. 

3/ LINKS:

- Artigo 01 desta Série:

https://www.facebook.com/groups/1085343445307107/permalink/1198842820623835/?app=fbl

- Artigo 02:

https://www.facebook.com/groups/1085343445307107/permalink/1199700957204688/?app=fbl

- Vol. 01 RESPOSTA AO ISLÃ

(O Que Todo Cristão Precisa Saber O Alcorão & A Sua Própria Fé)

http://missaoimpactar.blogspot.com/2014/07/vol-01-resposta-ao-isla-sobre-as.html?m=1

OBS.: O volume trata da FORMAÇÃO do Novo Testamento, em comparação com a COMPILAÇÃO do Alcorão. 

- ALCORÃO: APONTAMENTOS (Para Uma Crítica Interna & Externa)

https://missaoimpactar.blogspot.com/2018/07/vem-ai.html?m=1

- POR QUE ALLAH NÃO É DEUS

(O Mesmo Deus das Escrituras bíblicas)

https://missaoimpactar.blogspot.com/2021/04/por-que-allah-nao-e-deus.html?m=1

(*) Públicado originalmente no grupo de debates Muçulmano Para Cristo, Facebook:

https://www.facebook.com/groups/1085343445307107/permalink/1199700957204688/?app=fbl



.
IMPORTANTE:
Caso o leitor queira nos abençoar, leia
ESTE MINISTÉRIO APOLOGÉTICO & SUA COOPERAÇÃO, publicado em AGOSTO de 2019:
https://missaoimpactar.blogspot.com/2019/08/este-ministerio-apologetico-sua.html?m=1 

OUTRA OPÇÃO DE AJUDA:
Faça um PIX sem compromisso pras seguintes CHAVES (Caixa Econômica Federal):

OU/

m.madsaiin.ebook@gmail.com

"Pobres, mas enriquecendo a muitos; nada tendo, mas possuindo tudo."
(2 CORINTIOS 6: 10)

.


PARTE TERCEIRA:

SOBRE PAULO: O SHEIK NÃO SABE O QUE FALA: PORÉM, INSISTE NUMA OUTRA FALÁCIA. 

Introdução:


https://m.facebook.com/story.php?story_fbid=491139278995580&id=100042985373576


i - Se o LEITOR DESAVISADO das muitas falácias de um sheik moçambicano, de uma tal Caravana de Dawah, abrir o LINK deste vídeo, irá, certamente, tomar um GRANDE SUSTO.  Pois ele irá ouvir (o que no Brasil nós dizemos ser) "a-bo-bri-nhas"! E "ABOBRINHAS" com o aparato da expressão de  um grande saber. E ainda pior: trata-se de "abobrinhas" a respeito de temas caros à fé cristã. E esta é a fé que o Islam, desde a suposta revelação do Alcorão, julga poder questionar. 

Mas, será que pode? 

Quem conhece qualquer literatura religiosa há de comigo convir: lidamos com a REAL POSSIBILIDADE de toda uma erudição ser criada, em função de um mito. E para a sustentação, através do discurso retórico, de grandes mentiras. Infelizmente, erudição não é o caso do sheik e da tal Caravana de Dawah. Eles têm como tática, nos debates inter-religiosos que promovem, transformar a Teologia em discussões rasas.  E, indo além na postura sofismática, põem em foco o que seriam QUESTIONAMENTOS a ser feitos à fé cristã e às Escrituras bíblicas. Mas, põem-se em FUGA, se o foco cair sobre o Alcorão e a conduta, biblicamente abominável, do profeta do e para o Islam.  

E  crença islâmica:

-  De que: O SER QUE SE ESCONDE POR DETRÁS DO NOME ALLAH no Alcorão seja o mesmo Deus das Escrituras bíblicas 

- De que MUHAMMAD (MAOMÉ) tenha sido profeta do Deus bíblico; e

- De que o ALCORÃO seja, como são as Escrituras bíblicas sagradas, a Palavra deste Deus. 

Todavia, imples e biblicamente, tais PRESSUPOSTOS não se sustentam. Ainda que Allah, no referido livro, alegue ser o que (Principalmente pra um cristão bem informado.) não é: o  Deus das Escrituras bíblicas

E este autor, que agora vos alerta, sequer precisaria estar aqui, fazendo a DEFESA APOLOGÉTICA da fé cristã, de suas Escrituras e doutrinas, se o Alcorão não tivesse feito PLÁGIOS e distorções das mesmas. Assim como fez de outros livros religiosos e até de literatura pagã (LINK 01).


ii - Então, como pode tal religião sustentar, como se fosse verdade, os PLÁGIOS e as distorções que o seu livro tido por sagrado fez? 

Interpretando as Escrituras bíblicas, tal como se verifica no próprio Alcorão, de maneira também distorcida. E, desse modo, dar seguimento à inútil tentativa de justificar o injustificável: o FATO do Alcorão não corroborar e nem ser corroborado pelas Escrituras sagradas. Categoria essa que o profeta do e para o Islam quis o Alcorão deixar. 


iii - Do sheik, em particular, não se pode esperar (Pois, até agora, ainda não se viu nem se viu.) aquela possível erudição. Quer  apenas na defesa do Islam. E, muito menos, em seus incessantes ataques (Leia-se: fa-lá-cias!) contra a Bíblia, a fé cristã e suas doutrinas. 

Um dos temas temas de sua preferência é o apóstolo Paulo. O sheik (Digamos, folclórica e tragicamente, para quem lhe der ouvidos, óbvio!) supõe coisas risíveis. Tipo:

- Paulo teria traído a Jesus;

-  Por isso mesmo, teria Paulo dividido a Igreja cristã

- Além de, na mesma, introduzido  ensinamentos contrários a vontade de Deus.

Tudo isso, que chega a ser até engraçado à primeira vista, é muito pernicioso. Já que o sheik  insiste na propagação de suas estapafúrdias alegações através de debates públicos, palestras, vídeos, etc. 

Desinformação ou Taqia??? 

O fato é que, no sheik, evidentemente se cumpre, infelizmente, nos dias atuais, o que ocorreu nos tempos apostólicos. . Escrevendo a respeito;  e fazendo a defesa de  Paulo e do ensino deste; Pedro, o principal dos apóstolos, teve que ser categórico:


"15 Tenham em mente que a paciência de nosso Senhor significa salvação, como também o nosso amado irmão Paulo lhes escreveu, com a sabedoria que Deus lhe deu.

16 Ele escreve da mesma forma em todas as suas cartas, falando nelas destes assuntos. Suas cartas contêm algumas coisas difíceis de entender, as quais os ignorantes e instáveis torcem, como também o fazem com as demais Escrituras, para a própria destruição deles."

(SEGUNDA CARTA DE PEDRO 3)


iv - QUESTÃO (Sobre a Questão):

- A quem ouvir a respeito de Paulo? 

- Ao sheik?

- Ou... a Pedro, o principal dos apóstolos de Nosso Senhor Jesus Cristo?


v - Há anos que eu venho debatendo, quase que diariamente, com muslins. E quando alguns deles; como se fossem papagaios de sheiks desinformados (até do seu próprio Alcorão); insistem na referida falácia; para início e fim de conversa, eu os faço calar.

(Carta a Tito 1:10-11: quem lê entenda).

Proponho aos mesmos ALGUMAS POUCAS PERGUNTAS que até hoje nenhum deles soube responder. Logo se verifica que estão a falar de quem e sobre o que não sabem e deveriam, pelo menos, primeiro se informar. Pois, se assim fizessem, deixariam de ser tagarelas a serviço da Taqia.

Taqia? O uso da mentira para o favorecimento da religião. 


vi - Da Série "MICRO-TEXTOS Para A Demolição das Mentiras do Alcorão & dos Sofismas do Islam":


"QUESTIONE O MUSLIM: Paulo & os  cristãos. 

- E quando os papagaios e os sheiks, desinformados, falam sobre quem e o que não sabem e precisam melhor se informar?


1 - PERGUNTE & O MUSLIM SE CALA:

Paulo é reconhecido, nas Escrituras bíblicas, como um discípulos de Jesus. E  o que deus Allah, no Alcorão, alega teria feito aos mesmos? (ALCORÃO, Sura  61:14)

2 - PERGUNTE & O MUSLIM SE CALA 02:

i - Qual o TESTEMUNHO da Igreja de Jerusalém e dos apóstolos sobre Paulo?

ii - Qual o TESTEMUNHO de Pedro, o principal dos apóstolos, sobre ele??? 

iii - E qual o TESTEMUNHO do próprio Jesus a respeito de Paulo!

QUESTÃO (Sobre a Questão):

A quem ouvir? Aos papagaios dos sheiks??? Ou à Igreja de Jerusalém, os apóstolos, a Pedro e ao próprio Jesus? Irão se calar...

3 - PIOR PRA OS PAPAGAIOS:

"E ele disse: (Quando enviamos dois a eles, eles os negam) Ou seja, eles os iniciaram a negar, (Então fomos reforçados por um terceiro), ou seja: Nós os fortalecemos e os fortalecemos com um terceiro mensageiro.

Ibn Jurayj disse, sob a autoridade de Wahb bin Suleiman, sob a autoridade de Shuaib al-Jabaei, que disse: O nome dos primeiros dois mensageiros era Simeão e João, e o nome do terceiro era Paulo, e a aldeia era Antioquia.".

(TAFSIR DE IBN KHATHIR - ALCORÃO 36:14).


QUESTIONE O MUSLIM: Paulo & os cristãos 2

- Cale os papagaios dos sheiks obtusos. 

1 - ALCORÃO, Sura 61:14:

"14 Ó fiéis, sede os auxiliadores de Deus, como disse Jesus, filho de Maria  aos discípulos: Quem são os meus auxiliadores, na causa de Deus Responderam: Nós somos os auxiliadores de Deus! Acreditou, então, uma parte dos israelitas, e outra desacreditou; então, socorremos os fiéis contra seus inimigos, e eles saíram vitoriosos."

NOTA: O Alcorão não sabe: os apóstolos e primeiros discípulos NÃO prevaleceram fisicamente. Foram martirizados Mas o que importa aqui:  Allah alega tê-los feito vitoriosos. E Paulo, na BÍBLIA (Atos 15, etc.), é tido com um dos discípulos exemplares de Jesus.

2 - ALCORÃO, Sura 36:14:

"Enviamos-lhes dois (mensageiros), e os desmentiram; e, então, foram reforçados com o envio de um terceiro; (os mensageiros) disseram-lhes: Ficai sabendo que fomos enviados a vós."

3 - TAFSIR IBN KHATHIR 36:14:

"...Ibn Jurayj disse, sob a autoridade de Wahb bin Suleiman, sob a autoridade de Shuaib al-Jabaei, que disse: O nome dos primeiros dois mensageiros era Simeão e João, e o nome do terceiro era Paulo, e a aldeia era Antioquia.".

NOTA: Cadê os papagaios e seus sheiks? Falam contra Paulo e os discípulos serem chamados cristãos em Antioquia. Obtusos! 

Só não conhecem a Bíblia e nem mesmo o seu Alcorão. Coisas do Islam". 

PRA ENCERRAR : acredito que esta introdução já deva ter mostrado ao leitor   a insensatez do sheik moçambicano da tal Caravana de Dawah. Falta, agora, refutar a falácia de um dos vários seu vídeos . É o que farei, pontualmente; como é a proposta deste livro. 


1/

REFUTAÇÕES À FALA DO SHEIK NO VÍDEO NA SUA PRÓPRIA PÁGINA (& espero que o mesmo tenha a dignidade de não denunciar como spam ao Facebook, pois é o que ele tem feito com os meus comentários mais recentes):


REFUTAÇÃO 01:

O Sheik não sabe o que fala e insiste numa acusação infundada:

1 - Ele alega que Paulo proibiu a Circuncisão e daí, que os cristãos seguissem  (No caso, obedecessem os rituais religiosos.) da Lei, etc.. 

2 - Prezado Sheik, você pelo menos se perguntou A QUEM PAULO ESTAVA SE DIRIGINDO, nas Cartas aos Galátas?

3 - Resposta:

A não-judeus (Ou seja, descendentes direito de Abraão e Sara).

O que você não diz (Desinformação ou má-fé?)  é que a CIRCUNCISÃO foi estabelecida para os DESCENDENTES DE ABRAÃO:

"7 Estabelecerei a minha aliança como aliança eterna entre mim e você e os seus futuros descendentes, para ser o seu Deus e o Deus dos seus descendentes.

8 Toda a terra de Canaã, onde agora você é estrangeiro, darei como propriedade perpétua a você e a seus descendentes; e serei o Deus deles."

(TORAH, Livro de Gênesis 17)

QUESTÕES

(que realmente importam):

1 - Fosse o "entendimento" correto (Mas, não é.) 01:

 Assim como os Galácios deveriam se circuncidar, os muçulmanos também.

E são?

2 - No caso do profeta do Islam, considerado (Embora haja  controvérsias....) descendentes de Ismael: ele foi?

Que eu saiba não, e até posso estar errado.

Mas, você pode me mostrar isso no Alcorão!?

Prezado Sheik,

Caso a verdade lhe interessa, você irá saber por que Paulo, inspirado pelo Espírito e com sabedoria divina escreveu GÁLATAS 5:1-4, somente se você ler o compreender LIVRO DOS ATOS DOS APÓSTOLOS 15.

É do que vou tratar na próxima refutação.

EM TEMPO:

É óbvio que Jesus, tendo vindo judeu, teria que ser circuncidado. Foi o estabelecido na Lei, através de Moisés, para aquele povo.

Mas, Deus não deu aos judeus mandamento para irem pelo mundo, pregando o ordenando a circuncisão dos outros povos.

Nem Jesus, quando enviou os discípulos ao mundo inteiro e a todas as criaturas (EVANGELHO MARCOS 16), ordenou NÃO QUE CIRCUNCIDASSEM os novos crentes. Mas, que aos pregassem o Evangelho e que fossem BATIZADOS:

"15 E disse-lhes: "Vão pelo mundo todo e preguem o evangelho a todas as pessoas.

16 Quem crer e for batizado será salvo, mas quem não crer será condenado."

(EVANGELHO DE MARCOS 16)


REFUTAÇÃO 02:

1 - O SHEIK ALEGA que  Paulo teria dividido a igreja, ensinando que os não-judeus não deveriam se circuncidar. 

Espero ele tenha entendido que Paulo estava correto, visto que a circuncisão é para os descendentes de Abraão, mais especificamente para os judeus.

E esse não era o caso dos Gálatas.

2 - O SHEIK ALEGA, MAS...

a orientação dizendo que os não-judeus NÃO deveriam se circuncidar foi dada por Paulo?

R - Não.

A orientação foi dada:

-  pela IGREJA DE JERUSALÉM;

-  na pessoa dos DOZE (primeiros apóstolos) e de TIAGO (Pastor ou líder principal);

- e sob a direção do Espírito Santo.

Basta ler ATOS 15, capítulo que o. sheik citou, apenas na parte que lhe pareceu conveniente. E, mesmo assim, distorcendo o sentido, conforme ainda irei demonstrar nesta Série de REFUTAÇÕES.

3 - ENTÃO,

quando Paulo escreve aos Gálatas que eles não deveriam se circundar, ele estava fazendo exatamente o quê?

Resposta:

Escrevendo em CORCORDANCIA com a orientação da IGREJA de Jerusalém, dos DOZE e de TIAGO, sendo estes dirigidos pelo Espírito Santo.

Vamos às DEMONSTRAÇÕES!?

Vejam nos próximos comentários.


DEMONSTRAÇÃO 01:

"1 Alguns homens desceram da Judéia para Antioquia e passaram a ensinar aos irmãos: "Se vocês não forem circuncidados conforme o costume ensinado por Moisés, não poderão ser salvos."

(ATOS DOS APÓSTOLOS 15)

Notas:

1 - Quando este FATO acontece, Paulo e Barnabé estava em ANTIOQUIA (14:21-28)

Eles haviam voltado da PRIMEIRA VIAGEM MISSIONÁRIA que juntos haviam feito.

2 - Espero que a inteligência do sheik alcance o seguinte:

a) QUEM ensinava que os cristãos não-judeus (No caso, agora, os de Antioquia.) deveriam ser circuncidados?

R - "Alguns homens" ou certos indivíduos, como em outras versões.

b) Tal ensino era correto?

R - Não.

c) E por quê?

Volte à REFUTAÇÃO 01.

d) TAIS PESSOAS foram identificadas como irmãos, cristãos, do caminho ou discípulos de Jesus?

R - Não.

Espero que a inteligência do sheik alcance as IMPLICAÇÕES do que estou dizendo.

Pois, do início ao final da QUESTÃO (Deveria ou não os não-judeus se circuncidar?), eles SEQUER SÃO RECONHECIDOS COMO IRMÃOS.

Logo, eles e seu ensino não mereciam nenhum crédito.

Para que fique claro:

"24 Soubemos que ALGUNS saíram de nosso meio, sem nossa autorização, e os perturbaram, transtornando suas mentes com o que disseram.

25 Assim, concordamos todos em escolher alguns homens e enviá-los a vocês com NOSSOS AMADOS IRMÃOS PAULO E BARNABÉ, 

26 homens que têm arriscado a vida pelo nome de nosso Senhor Jesus Cristo."

(LIVRO DE ATOS DOS APÓSTOLOS 15)


DEMONSTRAÇÃO 02:

Paulo e Barnabé discordaram do ensino errado das homens.

E o que fizeram em função da discordância?

"2 Isso levou Paulo e Barnabé a uma grande contenda e discussão com eles. Assim, Paulo e Barnabé foram designados, juntamente com outros, para irem a Jerusalém tratar dessa questão com os apóstolos e com os presbíteros"

(LIVRO DOS APÓSTOLOS 15)

Nota:

Paulo e Barnabé NÃO concordaram com o ensino daqueles homens não identificados como discípulos de Jesus Cristo. 

A razão é simples: o ensino era errado (Volte à REFUTAÇÃO 01).


.DEMONSTRAÇÃO 03:

Como eu já disse, a IGREJA de Jerusalém, os DOZE (primeiros apóstolos) e TIAGO, sob a direção do ESPÍRITO SANTO não autorizaram o ensino errado daqueles homens.

Fato que demonstra o quanto Paulo e Barnabé estavam certos. E as Escrituras bíblicas também, visto que a CIRCUNCISÃO é só para descendentes de Abraão. E mais especificamente, para os judeus, descendentes diretos de Abraão e Sara.

"24 Soubemos que alguns saíram de nosso meio, sem nossa autorização, e os perturbaram, transtornando suas mentes com o que disseram.

25 Assim, concordamos todos em escolher alguns homens e enviá-los a vocês com nossos amados irmãos Paulo e Barnabé,

26 homens que têm arriscado a vida pelo nome de nosso Senhor Jesus Cristo.

27 Portanto, estamos enviando Judas e Silas para confirmarem verbalmente o que estamos escrevendo.

28 Pareceu bem ao Espírito Santo e a nós não impor a vocês nada além das seguintes exigências necessárias:

29 Abster-se de comida sacrificada aos ídolos, do sangue, da carne de animais estrangulados e da imoralidade sexual. Vocês farão bem em evitar essas coisas. Que tudo lhes vá bem."

(ATOS DOS APÓSTOLOS 15)

Notas:

1 - Como a Igreja de Jerusalém, os DOZE e Tiago identificam os que tinham ensinado o que não devia?

"Alguns (que) saíram de nosso meio, sem nossa autorização, e os perturbaram"

É o que foi escrito para a Igreja em Antioquia.


2 - COMO Paulo e Barnabé são referidos?

"Nossos amados irmãos Paulo e Barnabé,

26 homens que têm arriscado a vida pelo nome de nosso Senhor Jesus Cristo."

Em tempo:

Será que o sheik consegue ver o DIFERENCIAL?.

E acha mesmo que homens como esses iriam ensinar algo contrário a Cristo?

Ou o sheik não sabe sobre quem e o que está falando?

3 - Qual a ORIENTAÇÃO que os cristãos não-judeus receberam? Que fossem circuncidados?

Não!

"28 Pareceu bem ao Espírito Santo e a nós não impor a vocês nada além das seguintes exigências necessárias:

29 Abster-se de comida sacrificada aos ídolos, do sangue, da carne de animais estrangulados e da imoralidade sexual. Vocês farão bem em evitar essas coisas. Que tudo lhes vá bem."

(ATOS DOS APÓSTOLOS 15)

QUESTÕES 

(Sobre a Questão):

QUEM REALMENTE TENTOU DIVIDIR A IGREJA, ensinando o que não deveria?

Os sequer descritos como irmãos ou discípulos, pois tentaram impor PRÁTICAS JUDAICAS aos cristãos, ainda por cima os cristãos não-judeus?

Ou Paulo e Barnabé, os quais levaram a QUESTÃO à Igreja de Jerusalém?

2

QUEM FOI DESAUTORIZADO pela Igreja de Jerusalém, pelo Doze e Tiago, agindo estes sob a direção do Espírito Santo?

Paulo e Barnabé?

Ou os que ensinavam, contrariando a Lei, que os cristãos não-judeus deveriam se circundar?

3

Paulo, diante das ORIENTAÇÕES DE ATOS 15, estava ou não correto em dizer aos Gálatas que eles não deveriam se circundar?


. REFUTAÇÃO 03:


- Refutação 01: mostrei por que Paulo estava correto em dizer aos Gálatas que os mesmos não deveriam se deixar circuncidar.
- Na Refutação 02, mostramos QUEM realmente, e através de QUAL ENSINO ERRÔNEO, quis dividir a Igreja. E, por isso, formam rechaçados pela própria Igreja e o Espírito Santo. 
- Nesta Refutação 03, vou RECHAÇAR AS CITAÇÕES DO SHEIK Pois ele cita textos bíblicos fora do contexto e de maneira desonesta.
Acredito que ele faça isso porque não sabe responder as QUESTÕES do Print.
Pois se soubesse, evitaria tanta FALÁCIA  pelo menos a respeito de Paulo. Já que pedir que ele entenda doutrinas bíblicas seria pedir demais. Até agora, ao que parece, ele não entendia (E espero que  tenha entendido!) CIRCUNCISÃO NÃO É COISA PARA NÃO-JUDEUS.
Quem sabe, ele até saiba, mas, prefere agir e escrever de má-fé?
De um seguidor de Maomé se pode esperar até que minta, a respeito da própria fé (SURA 16:106).
Vamos às DEMONSTRAÇÕES!
Nos próximos comentários.

 DEMONSTRAÇÃO 01:
1
O sheik cita ATOS 15, querendo fazer supor que uma DISCÓRDIA pessoal seja uma DIVISÃO DOUTRINÁRIA
Taqia ou desinformação?
2 - EIS O TEXTO:
"36 Algum tempo depois, Paulo disse a Barnabé: "Voltemos para visitar os irmãos em todas as cidades onde pregamos a palavra do Senhor, para ver como estão indo".
37 Barnabé queria levar João, também chamado Marcos.
38 Mas Paulo não achava prudente levá-lo, pois ele, abandonando-os na Panfília, não permanecera com eles no trabalho.
39 Tiveram um desentendimento tão sério que se separaram. Barnabé, levando consigo Marcos, navegou para Chipre,
40 mas Paulo escolheu Silas e partiu, encomendado pelos irmãos à graça do Senhor "
3 - QUESTÃO
(Sobre a Questão):
Seria DESENTENDIMENTO por questões outras, que não seja doutrinárias, DIVISÃO (por causa de doutrina)?

Barnabé escolheu Marcos e Paulo escolheu Silas para  fundarem uma nova igreja, criarem uma nova doutrina?
Mostre isso, por favor
Em tempo: não venha com suas SUPOSIÇÕES, como a de que Paulo estaria errado em dizer que os Gálatas não deveriam se circuncidar, etc. Nas REFUTAÇÕES 01 e 02, mostramos o quanto e por que ele estava correto.
Cabe o sheik tentar desmentir.
Será que podes, fazer isso, mas sem faltar com a verdade e em discordância com a igreja de Jerusalém os apóstolos e o Espírito Santo? 

 DEMONSTRAÇÃO 02:
1 - O Sheik citou o final ATOS 15. E (Taqia ou desinformação?) quis fazer supor o seguinte: a DISCÓRDIA entre Paulo e Barnabé teria sido uma DIVISÃO (doutrinaria) da Igreja. 
Ora, o sr NÃO FOI HONESTO!  já que a discórdia se deu quanto a levarem ou  não Marcos na SEGUNDA VIAGEM Missionária. 
2 - MAS...
o capítulo 15 que o sr citou inicia com uma DISPUTA DOUTRINÁRIA. E esta, sim, deu início à primeira tentativa de divisão na Igreja:

"1 Então alguns que tinham descido da Judéia ensinavam assim os irmãos: Se não vos circuncidardes conforme o uso de Moisés, não podeis salvar-vos.
" 2 Tendo tido Paulo e Barnabé não pequena discussão e contenda contra eles, resolveu-se que Paulo e Barnabé, e alguns dentre eles, subissem a Jerusalém, aos apóstolos e aos anciãos, sobre aquela questão.."
(LIVRO DOS ATOS DOS APÓSTOLOS 15)

3 - Taís pessoas e tal ensino fora rechaçados.
Confira no PRINT e na REFUTAÇÃO 02.
E o sr simplesmente não pode, a não ser por Taqia ou desinformação, acusar Paulo:
- De fazer o que OUTROS (,E sequer considerados discípulos de Jesus e irmãos.) fizeram;
- E nem pode acusar a Paulo de estar errado na QUESTÃO. As Escrituras bíblicas, a Igreja de Jerusalém, os Doze mais, sob a direção do Espírito Santo, lhe deram razão.

DEMONSTRAÇÃO 03:
1 -
O sheik citou:
11 Meus irmãos, fui informado por alguns da casa de Cloe de que há divisões entre vocês.
12 Com isso quero dizer que cada um de vocês afirma: "Eu sou de Paulo"; "eu de Apolo"; "eu de Pedro"; e "eu de Cristo".
13 Acaso Cristo está dividido? Foi Paulo crucificado em favor de vocês? Foram vocês batizados em nome de Paulo?
14 Dou graças a Deus por não ter batizado nenhum de vocês, exceto Crispo e Gaio;
15 de modo que ninguém pode dizer que foi batizado em meu nome."
2
QUESTÃO
(Sobre a Questão):
Como poderia Paulo dividir uma comunidade cristã, iniciada com o trabalho dele?
Será mesmo que o sheik entendeu o que leu?

DESMENTIDOS:
1 - Paulo não estava errado em ensinar que os cristãos não-judeus não deveriam se CIRCUNCIDAR, no caso de GÁLATAS 4:1-4 
Ver REFUTAÇÕES 01 e 02.
2 - Ele não poderia dividir uma igreja iniciada pelo trabalho missionário dele.
E esse foi o caso 1 CORINTIOS 1.
3 - Ele foi informado que havia DIVISÃO, MAS, NÃO DOUTRINÁRIA entre os cristãos de Corinto. A divisão era mais uma QUESTÃO DE PREFERÊNCIA por um ou outro líder. Nada a ver com supostas diferenças teológicas, como quis fazer supor o sheik:

"Eu, Irmãos, apliquei essas coisas a mim e a Apolo por amor a vocês, para que aprendam de nós o que significa: "Não ultrapassem o que está escrito". Assim, ninguém se orgulhe a favor de um homem em detrimento de outro."
(PRIMEIRA CARTA AOS CORINTIOS 4)

 EM TEMPO:
- Se o sheik sequer entendeu que Paulo estava certo, em ensinar aos Gálatas que os mesmos não deveriam se circuncidar;
- Se o sheik sequer soube diferenciar DESAVENÇA pessoal de DIVISÃO DOUTRINÁRIA;
- Se ele não entendeu que Jesus mandou os seus discípulos a pregar o EVANGELHO ao mundo e não o JUDAÍSMO;
só pode falar do que não sabe e precisa melhor se informar. E, nesse caso, repete o autor do Alcorão (E não pode ser Deus!)
E o Thiago Dutra tem (e teve) toda a razão em refuta-lo.

XXX

.
IMPORTANTE:

Caso o leitor queira nos abençoar, leia
ESTE MINISTÉRIO APOLOGÉTICO & SUA COOPERAÇÃO, publicado em AGOSTO de 2019:
https://missaoimpactar.blogspot.com/2019/08/este-ministerio-apologetico-sua.html?m=1 

OUTRA OPÇÃO DE AJUDA:
Faça um PIX sem compromisso pras seguintes chaves (CAIXA ECONÔMICA FEDERAL) 

OU:

m.madsaiin.ebook@gmail.com

"Pobres, mas enriquecendo a muitos; nada tendo, mas possuindo tudo."
(2 CORINTIOS 6: 10)


FONTES DE ESTUDOS E DE CONSULTAS:
.
1 - BÍBLIA SAGRADA:
- Tradução de João Ferreira da Almeida, Atualizada: e-Sword - the Sword of the LORD with an electronic edge: www.e-Sword.net;
- Bíblia Online NVI;
- Bíblia Sagrada RA.
2 - ALCORÃO:
- Fonte digital: Centro Cultural Beneficente Árabe Islâmico de Foz do Iguaçu (RocketEdition);
- Tradução de Sentido do NOBRE ALCORÃO Para A Língua Portuguesa, realizada por Dr. Helmi NASR. (Por ordem e às expensas do Rei Fahd, da Arábia Saudita).
3 – AUTORES:
. Andrew Rippin:
- Muçulmanos Suas Crenças e Práticas.
. Don Richardson:
- Segredos do Alcorão.
. John Gilchrist:
- A Codificação do Texto . Corânico 
- Enfrentando O Desafio Muçulmano.
. Joshua Lingel:
- Reconsiderando a Vocação.
Josh McDowel:
Evidência que Exige um Veredito 1 e 2.
. Lee Strobel:
- Em Defesa de Cristo.
M. (Marcos) Madsaiin Dias:
- Resposta Ao Islã (O que todo cristão precisa saber sobre o Islamismo & sobre a sua própria fé) – Vols. 01, 02 e 03;
- A Bíblia & O Islã: 50 Perguntas (Cujas respostas precisam soar mais alto do que o silêncio islâmico & do que as contradições corânicas);
- Crer ou Crer na Trindade (Implicações & Apontamentos Históricos) *
- Muhammad (Maomé):Predito Na Bíblia? (O Que Dizem As Sagradas Escrituras)
- Alcorão: Apontamentos Para Uma Crítica Interna & Externa.
-/Desafios À Caravana de Dawah: O Livro.
- O Islam Mentiu Pra Você. E Agora? 
. Toby Lester:
- O Que é O Corão? Uma Análise Histórico-arqueológica.
. W.H.T. Gairdner:
- A Vida Real de Maomé.
. Jay Smith:
- A Bíblia e o Corão, Uma Comparação Histórica;
- Evidências Para A Autoridade da Bíblia – Uma Apologética Cristã;
- Autoridade do Corão – Uma Crítica Interna;
- O Corão: Uma Análise Apologética;
- Maomé – Uma Apologética Cristã;
- OUSARÍAMOS CONFRONTAR? Um chamado a um novo paradigma de evangelismo a muçulmanos.
- Apostilas e DVDs da Amal (M3):
- Curso de missões e evangelismo.
(*) Obra em preparo.
.